Survivor escrita por junn


Capítulo 6
S01E06: "Cobra Comendo Cobra"


Notas iniciais do capítulo

[N] = Narração
[C] = Confessionário

Agora, ao final de cada postagem tem os votos específicos dos participantes, caso alguns não entendam.



[N] Anteriormente em Survivor... Com as tribos modificadas, Ana Lucia e Daniel tornaram-se alvos imediatamente, ao ficarem em uma tribo com dois grandes casais poderosos. Eles sabiam que mais cedo ou mais tarde os dois casais teriam que se enfrentar e usaram isso a seu favor, convencendo Marissa a trocar de lado, mas não era suficiente. Na votação, Marissa mudou de lado, mas um empate ocorreu. Em um pedido de desespero, ela pediu a Curtis que lhe apoiasse e o mesmo fez, escolhendo sua garota ao invés de seu novo amigo Alcide, que foi eliminado deixando Regina sozinha. Já na outra tribo, a lealdade de Jin era questionada, mas Madison também se tornava um problema para todo o acampamento. Quando Charlie recebeu a notícia que Madison tinha conseguido encontrar o poderoso ídolo de imunidade, todo o plano foi por água a baixo. A vontade de Madison foi feita e Jin foi eliminado. Com a chegada da fusão, as duas tribos tornaram-se apenas uma e agora, é cada um por si. Restam 10, quem será eliminado hoje?

Os participantes voltavam, os dez, juntos. Eles caminhavam em direção ao acampamento da tribo Guerrero, na qual eles optaram por viver.

[C] Regina Mills: Esse conselho tribal foi um desastre e só mostrou como alguns homens são burros e deixam se levar por um par de peitos. Mas eu vou ter a minha vingança!

Marissa ia lado a lado com Regina, tentando conversar com a mesma que ignorava.

— Regina, não encare isso como uma decisão pessoal. Não foi.

[C] Marissa Cooper: Regina está abalada, não tem nem como disfarçar. Mas eu preciso dar um jeito de tentar suavizar a situação.

Katniss e Melissa carregavam a nova bandeira do acampamento, ainda vazia. Enquanto isso Curtis e Stefan tiravam a bandeira da antiga tribo Guerrero.

— Qual vai ser o nome da nossa tribo? — Melissa perguntou.

— Pra mim tanto faz, só quero descansar e dormir — Stefan respondeu.

— Nós podemos discutir isso amanhã, o que acha? — Sugeriu Curtis.

— Tudo bem — Melissa concordou.

Eles adentraram o acampamento e logo foram se espalhando. Stefan e Madison foram dormir imediatamente, assim como Daniel e Ana Lucia. Já Marissa, estava preocupada com o destino que sua jogada poderia lhe levar.

— Estou preocupada com Regina, ela pode querer vingança em cima de nós.

— Ela vai querer, mas precisamos estar preparados — Curtis falou — Acho que esse não é o momento para discutir isso, por que não dormimos?

[C] Marissa Cooper: Estou bem nervosa, mas prefiro concordar e fazer o que Curtis disse ou ele vai achar que estou o manipulando. O que é verdade, mas ele não precisa saber disso agora.

— Tudo bem, vamos.

Eles então, foram dormir também. Diferente de mais da metade da tribo, quem não conseguia dormir mesmo era Regina Mills, que chorava próxima a uma árvore. Charlie foi até a mesma para consolá-la.

— Quando eu imaginei que iriamos nos ver novamente, não foi nesta situação.

— Ele não merecia algo assim, Charlie! — Dizia Regina, chorando.

Melissa e Katniss, que também estavam acordadas, veem o movimento de Charlie e resolvem ir até a mesma.

— Regina! Respire fundo! Eu sei como é estar nessa posição. Em nosso primeiro conselho tribal, meu melhor amigo no jogo foi eliminado e ele não merecia. Mas as coisas nesse programa mudam de um dia para o outro. Você estará no topo, pode ter certeza — Disse Katniss.

[C] Regina Mills: É tão incrível como duas pessoas como Katniss e Melissa que nem me conhecem ainda, estão me dando forças, enquanto pessoas que estiveram na mesma tribo que eu, simplesmente me ignoraram.

— Faça algo, Regina, chore por apenas hoje e só hoje. Tudo que tiver, coloque pra fora e não chore mais — Disse Charlie.

— Ok, meninas, obrigada!

Ao amanhecer, Madison estava bastante animada com a ideia de criar uma nova bandeira. Ela já havia tirado as tintas do saco e estava pronta para bagunçar, como sempre fazia.

— Bom dia! — Disse Daniel, se aproximando.

— Finalmente juntos novamente — Ela sorriu.

— O que o destino uniu, um reality não separa — Estavam flertando.

— Então, eu, você e Stefan continuamos juntos? — Ela perguntou.

— Sim, e eu acho que eu tenho Ana Lucia ao meu lado também. Ela não parece se dar bem com ninguém da outra tribo.

— Aquela garota latina me odeia! Ela nunca ficaria do meu lado depois do que eu disse.

[C] Daniel Grayson: Eu havia esquecido esse pequeno detalhe, Madison e Ana Lucia não se dão bem juntas. E é claro que a culpa de tudo é de Madison, mas eu não vou dizer isso em voz alta.

Enciumada, Ana Lucia observava de longe Daniel e Madison conversando, sem saber que ela era um dos assuntos. Melissa percebe o incômodo da latina em relação a isso.

— Parece que ele voltou para sua tribo — Ela disse.

— Ele pelo menos tem uma para voltar — Ela retrucou, jogando verde.

— Nós ainda estamos aqui, você sabe... — Disse Melissa.

[C] Melissa McCall: Eu e Katniss nos unimos com Charlie que também é super amiga da Regina. Assim, nós somos quatro! Mas quatro não é a maioria, então se eu conseguir colocar uma semente na cabeça da Ana Lucia para trazê-la de volta ao nosso lado... Pode funcionar.

— Eles se dão tão bem, não me espantaria se eu visse eles se beijando — Melissa continuou dizendo, mas bem sorrateira.

Mais tarde, todos estavam em frente ao mar, para a escolha do novo nome da tribo. Madison já estava toda suja de tinta e eles nem ainda haviam começado a pintar a bandeira.

— Nós precisamos de um nome que seje bem representativo! — Disse Stefan.

— Eu acho que como latina, e como nós estamos no México, a Ana Lucia deveria escolher. Ela é ciente dos significados de cada palavra — Melissa dizia.

[C] Katniss Everdeen: Eu não sei porque, mas eu percebi que Melissa está puxando o saco de Ana Lucia. Não é a primeira vez que isso acontece.

— Todos concordam? — Perguntou Marissa. Ninguém discordou, nem mesmo Madison.

— Eu acho que deveríamos nos chamar "Estrella", que significa luz interior. Auto-motivação, poder ancestral — A latina sugeriu.

— Eu gostei! — Melissa concordou com um sorriso.

[C] Madison Montgomery: Estrella? Que coisa mais brega! Até minha cachorra daria um nome melhor.

[C] Ana Lucia Cortez: Estar no México novamente, e com todas essas pessoas me deixando escolher o nome da tribo me deixou bastante feliz. Principalmente a Melissa, que mostrou não ter rancor nenhum.

Enquanto Madison escrevia o nome "Estrella" na bandeira, Katniss escrevia o nome dos participantes ainda restantes no canto. Ana Lucia estava um pouco emocionada.

— Por que você está chorando? — Daniel perguntou.

— Essa energia da tribo me deixou emocionada. Vocês fizeram com que eu me sentisse em casa novamente! — Disse a latina, limpando as lágrimas dos olhos.

[C] Daniel Grayson: Ana Lucia é tão burra. Está na cara que Melissa está desesperada porque sabe que precisa dela!

— Terminamos! — Disse Katniss sorridente. Ela e Madison levantaram a bandeira.

— Tribo Estrella!! — E todos comemoraram.

[C] Marissa Cooper: Todo mundo aqui está feliz por enquanto, mas quando a hora chegar vai ser cobra comendo cobra.

Eles voltam ao acampamento, e para a sua surpresa, encontram um baú.

— O que é isso? — Curtis perguntou confuso.

— Tem um bilhete, irei ler — Charlie se ofereceu. — Nesse baú lhes aguarda uma enorme recompensa. Vocês devem levá-lo mais tarde para o desafio de imunidade.

— Não podemos abri-lo? — Perguntou Madison.

— Não, nem chave tem! — Charlie disse.

[C] Charlie Matheson: Eu não sei o que é esse baú, mas eu não vou tirar os olhos dele.

Enquanto Ana Lucia ia para o poço, Daniel e Stefan se ofereciam para ajudá-la. Eles a seguiam, com o intuito de conversar em particular com ela sobre as estratégias do jogo.

— Você e eu estamos juntos, certo? — Daniel perguntou.

— É, eu não acho que muita gente vai me fazer a mesma pergunta — Ela respondeu, certa.

— Eu acho que nós temos número suficiente para ir longe, mas eu não sei se você vai gostar da ideia — Stefan disse.

— O que é? — Ana Lucia perguntou.

— Madison está conosco — Ele disse, já observando o olhar negativo da garota — Mas se acalme! Nós só usaremos ela como voto enquanto precisarmos, nós não gostamos dela tanto quanto você!

[C] Ana Lucia Cortez: De nenhum jeito eu vou me aliar à Madison. Ela me humilhou pessoalmente! Humilhou minha cultura, parte de quem eu sou. Isso não tem perdão.

— Desculpa, eu não vou trabalhar com ela. Não mesmo.

[C] Daniel Grayson: Eu não acho que nós vamos convencer a Ana Lucia a votar com a Madison, isso está me deixando preocupado.

No acampamento, Katniss, Melissa, Regina e Charlie conversavam a melhor forma de seguirem adiante.

— Eu não irei trabalhar com a Marissa novamente, isso é tudo que posso dizer — Regina falou, convicta que não iria voltar atrás em sua palavra.

— Não temos muita opção, o que nos resta é a Ana Lucia — Charlie disse.

— Eu já aturei coisa pior que o temperamento dela, não irá me fazer mal tê-la por perto por mais alguns dias — disse Katniss.

[C] Katniss Everdeen: Eu não gosto da Ana Lucia e ainda vou me vingar do que ela fez com o Bobby, mas por hoje eu preciso dela pra me manter segura no jogo.

— É difícil nós confiarmos nela de novo, depois de tudo que ela fez — disse Melissa — Mas eu não vejo outra saída — complementou.

— Eu posso falar com Daniel e Stefan, mas eles carregam com si um pequeno problema: Madison. Se eles aceitarem ficar conosco, teremos que aturar ela.

— Por que esse jogo é tão difícil? — Regina se perguntou.

Os participantes iam ao encontro do apresentador Richard na praia onde acontecia a prova. O apresentador sorri. Stefan e Curtis carregam com si o baú misterioso que havia sido deixado no acampamento mais cedo.

— Então, qual é o nome da nova tribo?

— Estrella — Eles dizem juntos, sorrindo.

— Ótimo! Stefan, Curtis, coloquem o baú sobre a mesa — Ele apontava para uma mesa de madeira que ali estava. Era como se algum banquete fosse acontecer.

— Então, prontos para a prova de imunidade de hoje?

— Sim — Todos confirmaram.

— A prova de imunidade de hoje exigirá resistência e muita força física! Vocês estarão entre duas paredes de madeira, apoiados a uma base que irá variar de tamanho a cada nível que vocês passarem. A cada nível, a base ficará menor, fazendo com que seus pés não aguentem mais e vocês caiam, ou escorreguem. O último a permanecer nessa base, vence este belo colar...

O apresentador tirou o pano que cobria um colar de imunidade.

— Enquanto você estiver este colar no pescoço, você está salvo no conselho tribal e não tem chance de ir embora. Ninguém poderá votar em você! Mas se hoje, você se sente confortável o suficiente que pensa "eu não preciso da imunidade", vocês podem escolher também...

Ele retirou o pano de outro colar, na qual havia uma chave.

— A chave do baú. Dentro do baú há frutas, doces, bebidas e tudo que seus estomagos tem pedido desde que chegaram aqui. Mas pra isso vocês precisam ceder a imunidade. Assim funcionará: quando eu disser, dê um passo a frente, aquele que prefere o baú à imunidade. Aqueles que preferirem o baú, irão comer da comida mais farta. Aqueles que preferirem a imunidade, irão participar do desafio. Entendido?

Eles concordam.

— Então, quem prefere o baú à imunidade, dê um passo a frente.

Surpreendentemente, metade da tribo faz a escolha.

— Então nós temos Melissa, Ana Lucia, Madison, Regina e Daniel que preferem comida à imunidade. Por que essa decisão, Melissa?

— Eu sou uma mulher velha, Richard. Eu não vou durar muito tempo nessa prova.

— Ana Lucia?

— Eu não acho que eu vá embora hoje, Richard.

— Bom, você está se sentindo bastante confiante. Então venha e pegue a chave. Os outros cinco podem se posicionar na estrutura.

Alguns minutos se passam. Katniss, Marissa, Curtis, Stefan e Charlie estão na estrutura da prova. Cada um deles com uma parte dos braços apoiados na parede e os pés, descalços, nas pequenas bases de madeira. Enquanto isso, o restante da tribo abre o baú.

— Regra principal: Vocês só podem encostar os braços na parede, a partir do momento que a mão encostar, vocês estão desclassificados. A cada dez minutos nós iremos mudar de nível e a cada nível, uma base menor e uma dor regional maior. Aos que preferiram comer, podem começar, ao fim do desafio vocês devem engolir apenas o que estiver em suas bocas. Esse desafio começou!

Com o inicio do desafio, os participantes sentados à mesa começam a comer frutas e doces. Curtis prefere as bebidas, principalmente uma garrafa de vinho.

— Essa barra de chocolate está tão boa! — disse Ana Lucia, degustando o doce, o que deixava Katniss com bastante raiva.

— Marissa, como você pode estar aí e olhar para essas pessoas comendo o que você tanto desejava ter?

— Eu estou aqui para jogar, Richard. Comer eu faço quando chegar em casa — Ela disse.

Os primeiros dez minutos se passam e nenhum participante desistiu da prova. Os cinco ainda se mantém intactos ao primeiro nível.

— Dez minutos já se passaram, podem descer de nível. Por enquanto, estão salvos. Arrumem-se no segundo nível, posicionando-se na segunda base de madeira que tem apenas cinco centímetros, que, pelo o que eu posso ver aqui chega a ser metade do pé de alguns.

Eles se posicionam rapidamente.

— O desafio continua valendo.

[C] Madison Montgomery: Eu estava comendo e então eu vi um bilhete no baú, mas não estava próximo de mim, então eu apontei ao Daniel que estava mais perto.

[C] Daniel Grayson: Madison apontou para algo no baú, no inicio eu achei que ela queria me pedir algo, mas depois eu vi que era um papel pequeno. Estava enrolado no meio de um cacho de bananas e eu consegui pegá-lo disfarçadamente.

Stefan lutava bastante para permanecer no desafio. Seu pé era muito grande e o espaço pequeno. Seu pé doía e parecia que toda sua circulação estava travada. Enquanto isso, Katniss estava intacta. Ela não se movia, não respirava, sequer piscava o olho. Rapidamente, Stefan caiu.

— Stefan está fora do desafio! Sente-se, por favor.

Stefan se sentou em frente a estrutura da prova de onde ele estava, bastante frustrado. Marissa começa a sentir um desconforto na perna esquerda rapidamente.

— Oh my god! — Ela gemeu.

— O que houve, Marissa? — O apresentador perguntou.

— Minha perna está formigando — Disse ela, que num movimento soltou a perna, ficando apenas com a direita, ainda sem cair.

— E podemos ver Marissa na prova com apenas uma perna, isso que é necessidade de vitória!

Ao passar de mais dez minutos, Richard anuncia a última mudança.

— Agora, vocês podem descer mais um nível. Este, é o último. Estarão em uma base de apenas um centímetro.

— Eu desisto — disse Charlie, repentinamente.

— Você pode sentar-se ao lado do Stefan.

Charlie sentou-se proxima ao rapaz enquanto os demais se ajustavam. Ela percebera que não conseguiria fazer a prova. Enquanto Curtis fica em pé apenas sobre seus dois dedos menores, e Marissa ainda por apenas uma perna, Katniss parece cada vez mais confortável.

— Incrivelmente vemos Curtis se segurando com apenas dois pés.

— Eu não deveria ter crescido tanto — disse o rapaz.

Ele então, escorregou, mas não chegou a atingir o chão, tentou se segurar e acabou colocando as mãos na parede, sendo desclassificado.

— Curtis está fora da prova.

Enquanto Curtis se sentou próximo a Charlie e Stefan, os demais continuavam comendo.

— Nunca imaginei que estaria comendo cupcakes nessa altura do jogo! — Disse Ana Lucia.

[C] Regina Mills: Não acredito que nós precisamos da ajuda de Ana Lucia. Ela é um saco. Nós sabemos que você está satisfeita, não precisa ficar dizendo!

Enquanto Marissa começava a sentir dores em sua outra perna, Katniss estava paralisada em sua estrutura.

— Eu posso ficar aqui o dia inteiro — disse Katniss ouvindo os gemidos de dor da rival, que então, desistiu.

— Marissa desiste, Katniss vence a imunidade individual!

[C] Katniss Everdeen: Adooooooro! Esssas bitchs não irão escrever meu nome hoje!

— Venha buscar seu colar, Katniss!

Katniss foi comemorando até o apresentador, que colocou o colar de imunidade na mesma.

— Katniss está a salvo do conselho tribal. Não pode ser eliminada hoje. Aos que estavam comendo, podem parar e engolir o que vocês ainda estão mastigando. Hoje um de vocês será eliminado, nos vemos no conselho tribal.

Os participantes já estão de volta a praia, agora as estratégias estão rolando para decidir o próximo eliminado. Katniss está bastante feliz com seu colar de imunidade. Ela pendura ele próximo a um bambu e vai com as meninas se lavar.

— Nós precisamos ficar juntos, aquele quarteto nunca vai se desunir — disse Marissa para Daniel e Stefan que observavam.

— Nós sabemos disso.

— Eu tenho Curtis, ele provou que está 100% do meu lado. Vocês tem a Madison e nós só precisamos da Ana Lucia. Nenhum de nós 6 se encaixa naquele grupo — ela dizia.

[C] Daniel Grayson: Marissa está dizendo o quanto precisamos ficar juntos, mas eu já sei disso e ela fica repetindo e repetindo. Por favor, me dê um espaço!

— Nós não podemos nos separar, Dani. Stefan! Ouçam o que eu estou dizendo — Ela dizia, inconveniente.

[C] Stefan Salvatore: Marissa é muito esperta e perigosa, isso pode se tornar um problema no futuro.

Curtis conversava com Ana Lucia sobre qual lado ela estava.

— O que você irá fazer hoje? — Ele perguntou.

— Difícil decidir quando todos me trataram com o maior carinho. Eu realmente me senti em casa nesses últimos dias. É como se eu tivesse sido renovada, sabe?

— É, mas você sabe que se voltar pro lado delas, você vai ser a última da aliança e quando restarem cinco, você estará fora.

— Eu não sei o que pensar, Curtis. Eu já as traí uma vez, e fazer isso de novo quando eu fui tão bem tratada me deixa muito muito triste.

— É um jogo. Jogue-o! — Ele incentivou.

[C] Ana Lucia Cortez: Eu sou a pessoa decisiva hoje. Eu decido quem vai pra casa. Eu posso ir com a aliança dos "excluidos", ou posso ir com as garotas que me trataram como família e forçar um empate. Tudo depende de mim essa noite e eu não sei onde minha cabeça está.

No mar, Katniss reclamava sobre o comportamento de sua rival na prova.

— "Que delícia esses cupcakes, olha como eu engulo os chocolates!", faça-me o favor, né — Ela dizia imitando o sotaque de Ana Lucia — A garota não se manca que haviam cinco pessoas ali com dores musculares?

— Foi desnecessário mesmo, eu estava próxima a ela e fiquei incrédula — disse Regina com um sorriso no rosto.

— Vocês pelo menos falaram com ela? — Katniss perguntou.

— Não ainda, mas eu vou tentar novamente. Ela não irá nos trair de novo, apesar do comportamento estranho ela ainda é uma boa pessoa — disse Melissa.

— Eu vou com você — Charlie ofereceu-se.

— Tudo bem.

Elas saíram da água e então foram conversar com Ana Lucia. Enquanto isso Madison ia se lavar.

— Ei, meninas! O que estão pensando em fazer hoje?

— Não iremos te contar, é claro. Nós lembramos de você no tal exílio — disse Regina.

— Oh, eu não tenho o ídolo, ainda, mas eu vou achá-lo — Ela disse irônica.

— Bom pra você — disse Katniss que saiu e logo Regina foi atrás.

[C] Madison Montgomery: Eu adoro irritar as pessoas, ainda mais as que já estão em baixa posição como Katniss e Regina.

Charlie e Melissa conversavam com Ana Lucia, próximas a fogueira.

— Nós estamos bem? — Melissa perguntou.

— Me diga você, eu sei o que fiz da última vez — Disse Ana Lucia.

— Eu fiquei triste sim, mas são águas passadas. Podemos seguir em frente — Ela continuou.

— É só que, eu tenho medo de no futuro... Vocês sabem — Ela disse.

— O que você quer? Um acordo? — Charlie se ofereceu.

— Pode ser, o que me garantem? — Ana Lucia perguntou.

— Se você votar com a gente, de hoje em diante, quando chegarmos a cinco, deixamos você vencer a imunidade. O que acha? — Charlie sugeriu.

— Tudo bem. Eu gostaria, mas hoje, quero ver a Madison sendo eliminada — Ela disse.

— Por mim... — Charlie concordou.

Marissa que passava perto ouve tudo e começa a rir.

— Você não vai cair nesse papo furado, não é? Elas estão te usando! — Dizia Marissa para Ana Lucia.

— Isso é irônico vindo de você — Charlie retrucou.

— Não caia nesse papo furado, Ana Lucia. Elas não vão escolher você ao invés da Katniss ou Regina.

[C] Ana Lucia Cortez: Marissa está certa, elas não vão me escolher. Mas eles também não vão me escolher ao invés da Madison, e eu não quero estar com nenhuma das duas.

— Nós vamos votar na Madison hoje, Ana. E vamos votar por você. Nós sabemos que você também quer votar nela — Disse Charlie, que saiu com Melissa.

[C] Ana Lucia Cortez: Está tudo tão confuso. Minha cabeça está prestes a explodir!

Charlie, Melissa, Katniss e Regina estão juntas, preparando suas coisas para irem ao conselho tribal. Daniel e Stefan também estão próximos, cochichando. Elas tentam ouvir, mas não conseguem.

— Ela não vai votar com a gente — Charlie diz, sussurrando para as meninas.

— Uma de nós vai sair, infelizmente — Melissa respondeu.

[C] Katniss Everdeen: Esse drama da Ana Lucia está me dando nos nervos. A garota não se decide e já que ela não faz isso, eu irei tomar minha decisão.

— Daniel! Stefan! Venham aqui — Katniss chamou.

— O que você está fazendo? — Melissa perguntou.

— Salvando nossa pele, não vou deixar a gente morrer enquanto ela fica jogando dos dois lados.

— O que é? — Daniel perguntou.

— Estariam dispostos a votar em Ana Lucia hoje? Porque eu estou! — Disse Katniss.

[C] Daniel Grayson: Katniss vem com essa história de querer eliminar Ana Lucia. Provavelmente uma tentativa de desviar nosso voto. Isso não vai acontecer.

— Por que vocês eliminariam a unica chance de continuarem no jogo? — Stefan perguntou.

— É simples, Stefan. Ela não se decide, não escolhe um lado — disse Charlie, reforçando a ideia.

[C] Melissa McCall: Ainda não acredito no que as meninas estão fazendo. Eliminar a Ana Lucia é suicidio!

— Que segurança nós temos de que vocês não vão jogar nossos votos fora? — Daniel perguntou.

— Eu posso dar minha imunidade pra um de vocês, isso não importa, vocês são 6, somos 4, nós não temos números para passar vocês de qualquer maneira — Ela disse.

— Então, você quer dar sua imunidade em troca do voto na Ana Lucia? — Daniel riu — Ninguém vai acreditar nessa.

— Eu te dou, nós votamos, ela está fora. Fim da linha! — Disse Katniss.

[C] Regina Mills: Katniss está se arriscando demais, isso pode prejudicá-la.

— Ok... Tudo bem. Nós topamos — Disse Daniel.

Enquanto caminham até o conselho tribal. Stefan e Daniel conversam entre si.

— Acha mesmo que ela vai dar a imunidade? — Ele sussurrou.

— Eu não sei. Diga para Madison votar na Katniss caso ela dê! — disse Daniel.

— O que? Não fechamos um acordo? — Stefan perguntou.

— Você quer seguir com elas? — Daniel questionou.

— Elas estão se esforçando e Ana Lucia, digamos, não é a melhor companhia que temos aqui.

Um pouco mais tarde, Charlie conversa com Stefan em particular.

— Nós tinhamos um acordo, certo? — Charlie perguntou.

— Sim, mas agora é um jogo totalmente diferente... — Ele continuou.

[C] Charlie Matheson: Fui atrás do Stefan pois em nosso ultimo conselho tribal, eu consegui salvar ele, tirá-lo da reta. Haviamos feito um acordo e espero que ele cumpra.

— Eu sei, mas que diferença a Ana Lucia iria fazer? Mais cedo ou mais tarde ela vai sair mesmo.

— Eu sei, mas é difícil. Eu preciso convencer todos os outros a votarem, não quero enganá-los, entende? Vai quebrar toda a confiança que já temos um no outro.

— Sim, mas você também não pode quebrar a confiança que eu depositei em você quando nós eliminamos o Jin.

[C] Charlie Matheson: Em nenhum mundo o Stefan quebraria um acordo, ele é um dos mocinhos. Então se eu apelar um pouco pro emocional, talvez eu consiga convencê-lo.

— Eu vou ver o que posso fazer — Ele respondeu.

[C] Stefan Salvatore: Charlie está certa, nós temos um acordo. Eu não gosto de não cumprir com a minha palavra, não é parte de quem eu sou. Mas como eu conseguirei convencer os outros de que isso é o melhor para nós?

Madison se aproxima ao lado de Marissa e Curtis para decidirem o voto.

— Tudo certo para eliminarmos a Regina? — Marissa perguntou.

— Parece que a Katniss vai entregar a imunidade. Ela quer a Ana Lucia fora.

— Ela é maluca? — Marissa perguntou.

— Eu não sei, mas eu não gosto da Ana Lucia, por mim ela pode vazar!

— Stefan! — Marissa o chamou.

Stefan e Daniel se aproximaram.

— O que foi decidido?

— Eu não sei. Tirar a Katniss seria ótimo, se ela der mesmo a imunidade. Mas tirar a Ana Lucia também seria ótimo — Daniel disse.

— Ela irá votar com a gente? — Madison perguntou.

— Ela não está certa — Curtis respondeu.

[C] Madison Montgomery: Quando eu ouvi o nome da Ana Lucia cogitado eu pulei de alegria. Eu odeio aquela vadia e pra mim, se ela sair.

— Nós somos 5, temos a maioria independente dela. O importante é que votemos juntos — disse Stefan.

— O conselho tribal está chegando. Precisamos nos decidir agora — disse Marissa — Regina mesmo?

Eles ficam em dúvida.

[C] Daniel Grayson: Tudo hoje pode acontecer. Nós podemos tirar a Regina com o voto de 6 pessoas, que seriam eu, Stefan, Madison, Curtis, Marissa e Ana Lucia. Nós podemos ver se a Katniss vai cumprir com sua palavra e então eliminá-la com o voto de todos nós, menos a Ana ou podemos tirar a Ana Lucia que acha que tem algum poder hoje.

Um por um, os participantes entram no conselho tribal com suas tochas. Eles as colocam atrás dos seus bancos de madeira e logo sentam, sendo observados pelo apresentador.

— Boa noite! Sejam bem-vindos a area do conselho tribal. Vocês estarão aqui de três em três dias, agora que o jogo se tornou individual. Com essa mudança, como ficam as alianças, Marissa?

— É difícil, porque temos nossas tribos originais, as tribos modificadas e algumas pessoas rancorosas que ficaram nessas duas tribos.

— Regina, isso é verdade? Rancor pode ser guardado nesse jogo?

— Depende do grau do acontecimento, Richard. Alguns desapontam a gente quando menos esperamos e algumas cicatrizes são muito recentes para serem curadas.

— E o perdão? É algo que existe no jogo, Melissa?

— Acredito que sim. Quando uma pessoa se mostra arrependida do que fez e prova isso com seus atos, sim, o perdão pode existir.

— Hoje na prova algumas pessoas não quiseram a imunidade, preferiram comer. Você foi uma delas Ana Lucia, e como resposta você disse "eu estou a salvo hoje", mas na verdade, a única pessoa a salvo hoje é a Katniss, que venceu a prova do colar de imunidade.

— Bom, Richard, é simples explicar isso. De um lado há uma aliança, digamos... Das excluídas.

— Excluídas? — Ele ri.

— É o nome que nós recebemos de toda a tribo, Rich — Disse Katniss rindo ao lado de suas companheiras.

— Pelas risadas eu suponho que as excluídas sejam Katniss, Melissa, Regina e Charlie. Correto? — Ele perguntou.

— Sim. E do outro temos essas cinco pessoas. E os dois dependem do meu voto. Porque eu posso mudar o jogo se eu quiser — disse Ana Lucia.

— Isso é verdade, Madison. A Ana Lucia tem bastante poder nessa altura do jogo, se o que ela está dizendo é verdade. Mas falando em poder, você também ficou próxima de um poder, o idolo, não foi?

— Sim, mas eu ainda não o encontrei.

— Então ao que tudo indica está tudo nas mãos de Ana Lucia ou simplesmente há algo ocorrendo que nós não saibamos.

— Exatamente, Richard, muitas surpresas podem acontecer hoje — Madison respondeu.

— Ok. Como segurança, Katniss, você tem o colar. Mas você pode dá-lo para outra pessoa. Isso significa que você perde a imunidade individual e essa pessoa passa a te-la. O que você decide?

— Bem, Richard... Como a Melissa disse. Apenas ações podem provar nossas palavras então... Eu gostaria de dar essa imunidade para o Daniel.

Katniss tira o colar de seu pescoço e dá para Daniel. Madison sussurra para Ana Lucia "vai ser a Katniss". Ana Lucia fica chocada e assim, os outros.

— Daniel está salvo, não pode ser votado. Os demais continuam vulneráveis. Marissa, você começa.

Marissa vai até o corredor de pedras e escreve um nome no papel. Os votos são mostrados aleatóriamente. Katniss escreve o nome de Ana Lucia. Ana Lucia, sem saber o que fazer, fica um bom tempo pensando no voto que irá dar. Ela escreve um nome e fala como justificativa "Desculpe, não tive escolha". Ana Lucia vai se sentar.

— Vou pegar os votos.

O apresentador vai até o corredor e então, pega o cesto com os votos, voltando à sua posição principal.

— Agora, com o ídolo de imunidade no jogo. Isso significa que se um de vocês o tem e quiser me apresentar, então, qualquer voto contra você será anulado. Se você tem o ídolo e deseja usar, manifeste-se!

Os participantes olham para Madison que permanece quieta.

— Ok. Irei ler os votos. Uma vez lidos, a decisão é final, a pessoa eliminada deverá deixar a área do conselho tribal imediatamente. Irei ler os votos.

Ele pega o primeiro voto.

— Primeiro voto: Katniss — Um voto Katniss. — Segundo voto: Ana Lucia, um voto Katniss e um voto Ana Lucia. — ele havia pego o voto que Katniss deu na latina — Terceiro voto: Ana Lucia. São dois votos Ana Lucia.

Katniss dá sua mão para Melissa e Charlie, ansiosa pelos próximos votos.

— Quarto voto: Ana Lucia. São quatro votos Ana Lucia, um voto Katniss até o momento. — Ele pega mais um papel na qual um nome está escrito — Quinto voto: Ana Lucia. São cinco votos Ana Lucia.

— O que? — a latina estava em choque.

— Sexto voto, sétimo eliminado do Survivor e primeiro membro do júri: Ana Lucia. Você precisa me trazer sua tocha.

Ana Lucia, confusa, pega sua tocha e coloca em frente ao apresentador que pega sua snuff e apaga.

— Ana Lucia, a tribo decidiu.

As quatro meninas sorriem por continuarem vivas no jogo enquanto os outros respiram aliviados a saída da latina.

— Boa sorte, pessoal!

Ana Lucia vai embora.

— Com a eliminação de hoje ficou claro que nenhum de vocês tem medo de jogar pesado. Pegaram a única participante que se sentia confiante no jogo e a eliminaram. Tenho certeza que as próximas eliminações serão tão inesperadas quanto, só resta saber, a vocês, quais as melhores opções para se aliar e como se aliar. Peguem suas coisas e voltem ao acampamento. Boa noite!



Notas finais do capítulo

Ana Lucia Cortez votou em Katniss Everdeen
Charlie Matheson votou em Ana Lucia Cortez
Curtis Donovan votou em Ana Lucia Cortez
Daniel Grayson votou em Ana Lucia Cortez
Katniss Everdeen votou em Ana Lucia Cortez
Madison Montgomery votou em Ana Lucia Cortez
Marissa Cooper votou em Ana Lucia Cortez
Melissa McCall votou em Ana Lucia Cortez
Regina Mills votou em Ana Lucia Cortez
Stefan Salvatore votou em Ana Lucia Cortez

Amores, com o ótimo número de visualizações, resolvi renovar o reality para a segunda temporada. Já decidi o nome da mesma e o tema.
Irei pedir a ajuda de vocês em dois aspectos. O primeiro seria se a segunda temporada deve ser feita nesse link, ou em um outro link. Meu medo é fazer alguma mudança e perder alguns leitores.
O segundo seria opcional, na verdade eu gostaria de saber quais personagens de séries/filmes vocês gostariam de ver jogando Survivor, para inclui-los nas próximas temporadas. Já tenho alguns nomes em mente, mas gostaria de opiniões de fora também.
É isso.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Survivor" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.