Survivor escrita por junn


Capítulo 16
S02E01: "A Beleza Interior"


Notas iniciais do capítulo

Depois de um bom tempo esperando, aqui está a premiere dessa temporada. Espero que gostem!

Para os que não estão acostumados, aqui vai as legendas:
[N] = Narração feita pelo apresentador.
[C] = Confessional do participante, é uma cena dele sozinho em uma praia do programa.



[N] Estamos de volta em um dos lugares mais bonitos da região da Nicarágua. Dessa vez o Survivor se localiza na Ilha de Luzon, onde é possível encontrar o maior rio da região de Cagayan. O que torna esse lugar tão especial é a sua versatilidade em relação a fauna e a flora. Rica por natureza, a ilha apresenta as mais belas variações de criaturas, cada uma apresentando um atributo principal, que dá um brilho maior a localidade: a beleza, a inteligência e a força. E é disso que a temporada dessa vez irá se tratar. Aqui, 18 participantes serão divididos em três grupos, cada um representando esse aspecto da localidade. Ao final, um deles se provará não ser o melhor, mas também o que é necessário ter pra vencer não só a competição, mas a diversidade natural das ilhas de Cagayan. A jornada de Survivor: Brawns vs. Brains vs. Beauty começa agora. 39 dias, 18 pessoas, 1 sobrevivente!

Richard Ford está na praia principal, com um sorriso em seu rosto e as mãos na cintura. Ele está a frente de três tapetes coloridos, cada um com uma bandeira erguida. As cores são roxa, verde e marrom, tendo vários símbolos regionais diferentes enfeitando a bandeira, que também possuía o nome das três tribos. De caminhonete, uma das tribos chega na praia.

[N] A tribo dos mais fortes é formada por uma motoqueira, um lutador de box ex-viciado em drogas e até mesmo uma vencedora de um massacre quartenário. Mas será a força necessária para superar os limites da natureza?

[C] Johanna Mason: Quando eu estive nos Jogos Vorazes por duas vezes era matar ou morrer. Aqui não é diferente e eu vou fazer o possível pra ter certeza de que estarei na melhor situação.

[C] Ryan Wheeler: Ter passado pela situação com drogas, me mostrou que eu sou forte não só em relação aos músculos, mas também emocionalmente. Eu já sou um sobrevivente e não tem título que compre isso.

[C] Claire Redfield: Eu estou aqui pra fazer com que a justiça prevaleça. Se eu ver injustiças, eu não vou ter problemas, eu vou sim me manifestar, não me importo se estarei em minoria.

A tribo dos fortes desce do caminhão, eles caminham até o primeiro tapete, o roxo. Além dos três citados, também estão uma mulher de cabelos pretos e sedosos (Linda Esquivel), um rapaz caucasiano, cujo a pele era quase tão branca quanto a neve, de cabelos cacheados (Jon Snow) e um outro rapaz de cabelos castanhos, bastante alto e visivelmente forte (Quatro).

[C] Jon Snow: Quando eu olhei para a minha tribo e vi que só tinha gente fortona, eu pensei "não tem como a gente perder essa!".

Nas águas do rio Cagayan River, das Ilhas de Luzon, se aproxima uma lancha que contém os seis participantes da tribo Beauty.

[N] Na tribo que leva o título de beleza nós temos um ex-ator, conhecido por interpretar vários papéis conhecidos, uma garçonete e um advogado que garante ter sempre o que ele quer.

[C] Joey Tribianni: Eu sou Joey Tribianni, quem não me conhece? Eu sou bonito? Sou? Todos vão cair aos meus pés? Vão. Vai ser fácil, simples assim.

[C] Max Black: Eu estava na lancha e olhei as pessoas da minha tribo. As garotas tão sem sal e fracas, pareciam dois bichos vara-pau. É isso que chamam de beleza por aqui?

[C] Jeff Winger: Eu estou pronto pra entrar nesse jogo, não vou ser piedoso, mas também não vou demonstrar isso.

Os seis participantes da tribo descem da lancha, indo em direção ao segundo tapete, de cor marrom. As garotas ajeitam seus cabelos ao vento. Na tribo, ainda é possível ver um rapaz com chapéu de caubói (Will Lexington), e duas mulheres bem magras, mas diferentes aparentemente: Uma loira de cabelos lisos, baixa e provavelmente bem nova (Jenny Humphrey), e outra morena, com uma franja, alta, usando óculos e que já deveria estar na casa dos 30 (Olivia Castle).

[C] Linda Esquivel: A outra tribo chegou e eu fiquei olhando pras meninas. Tinha uma em específico com um par de peitos realmente muito grande. Eu fiquei chocada!

[C] Jenny Humphrey: Minha tribo estava na praia e quando olhamos pro lado vimos aqueles outros 6 mal encarados nos olhando, eles queriam nos comer vivos, eu tenho certeza! Eu só estou pensando: onde está minha mãe agora?

[C] Will Lexington: Eu sou um cantor de música country, recentemente assumido gay. Eu não sou anônimo, então sei que as pessoas vão me reconhecer. Primeiro de tudo? Vou mostrar ser uma pessoa legal, o que é claro, eu sou.

Um helicóptero se aproximava, pousando na areia da praia lentamente. A areia voara longe, devido a grande movimentação da hélice do transporte. As tribos protegiam seus olhos, assim como o apresentador. Quando a tribo desceu, eles se aproximaram do tapete verde e pareciam estar bastante animados.

[N] A tribo dos inteligentes é formada por uma gerente administrativa, um estudante de robótica e uma transexual bastante conhecida na internet.

[C] Nomi Marks: Eu nasci como homem, mas durante o período da minha vida eu quis mudar. Eu não quero ser aquela pessoa porque eu não sou. Ok, eu mudei a aparência, mas eu continuo a mesma de sempre e pra mim o que importa é a beleza interior. Meu corpo é só uma capa.

[C] Lip Gallagher: Eu estou acostumado a sobreviver em vários locais, então não acho que será muito difícil me adaptar aqui. O difícil será ficar 39 dias sem uma garota! Isso sim será difícil.

[C] Felicity Smoak: Pessoas dizem que eu sou maluca e que minha personalidade incomoda, mas eu, não acredito nisso. Eu acho que é só um motivo pra tentar me por pra baixo e eu não vou cair nessa.

A tribo também contém uma mulher de idade, negra e alta com vestes bastante sociais (Annelise Black), um rapaz alto e loiro, também bem vestido, mas mais modernizado (Nolan Ross) e um joven com um estilo mais largado (Caleb Rivers). Os seis se alinham a bandeira de sua tribo.

[C] Jon Snow: Eu olhei para a tribo que acabara de chegar....Eles são tão magros e fracos, não há chances dele vencerem uma prova, não contra nós.

[C] Quatro Eaton: A última tribo é de gente realmente... Estranha. Eles me lembram alguns alunos meus em desenvolvimento: oprimidos pelo tamanho, mas com garra pra vencer.

— Bem vindos a segunda temporada de Survivor — Richard disse tirando as mãos da cintura e levantando pra cima, fazendo os participantes gritarem e comemorarem — Nós estamos em uma das praias mais bonitas da Nicarágua, onde vocês foram divididos por três diferentes aspectos de sobrevivência: beleza, inteligência e força.

— Na tribo da esquerda, a mulher de cabelos loiros no meio. Qual o seu nome? —Perguntou.

— Claire — Ela respondeu firme.

— Então, Claire, qual tribo você acredita que está? — Ela sequer olhou para os outros times antes de responder.

— Eu acho que, devido ao tamanho, nós somos os fortes — Ela disse.

— O rapaz alto, mais velho na tribo do meio — Se referia a Joey — Qual seu nome?

[C] Joey Tribianni: De verdade, Richard? Vai fingir que não me conhece?

— Joey.

— Joey, sua tribo rerpesenta qual aspecto?

Ele parou para olhar as duas tribos e pensou um pouco, colocou a mão no queixo e sorriu, tentando gerar um pequeno charme.

— Não sendo convencido, mas olhando para o tamanho deles — apontou para a esquerda — e deles — apontou para a direita — eu acho que somos os bonitões.

[C] Max Black: Ouvindo aquela voz... Aquele sotaque.... E o nome! Eu só consegui a associar a uma pessoa: Joey Tribianni. É o pior ator EVER! Ele é tão ruim que perdeu uma categoria no Framboesa de Ouro.

As tribos riram, mas Annelise parece não ter gostado.

— Mulher mais velha da tribo da ponta. O que você acha? — Se referia a Annelise.

— Eu acho que nunca devemos subestimar o inimigo — Ela disse fria, sem nem olhar para as tribos que desmanchavam seus sorrisos com suas palavras.

[C] Annelise Keating: Eu sou uma advogada, no tribunal eu aprendi que quanto menor e mais fraco alguém possa parecer, ele tem muitas chances de ser aquele que vai cortar sua garganta a noite.

As risadas pararam.

— Então, vocês estão certos — Richard falou, ele pegou três sacos coloridos, cada um com uma cor diferente, as mesmas do tapete e da bandeira: roxa, verde e marrom — Tribo roxa, vocês são Calayan, os músculos — disse jogando o saco de mesma cor para eles — Tribo no meio, vocês são a tribo Rizal — ele jogou o saco marrom para a tribo Beauty, Will foi quem pegou — E a última tribo, os inteligentes, vocês se chamam Visayas — jogou por fim o ultimo saco. As tribos ao abrir, encontravam as bandanas do jogo, eles rapidamente começavam a colocá-las em diferentes partes do corpo: alguns colocavam na cabeça, outros amarravam na mesma, outros no pescoço, deixando solto, outros no braço, amarrado.

— Mas antes de tudo, nós iremos colocar a capacidade de vocês em prova. Decidam rapidamente alguém para representar sua tribo.

As tribos se reuniram e cochicharam entre si, rapidamente.

[C] Johanna Mason: Mas já? Eu não sei socializar em uma hora, quanto mais em segundos!

— O que me dizem? — Ele perguntou.

Então, os três líderes de cada tribo deram um passo a frente. Jon representava os fortes, Joey representava os bonitos e Nolan representava os inteligentes.

[C] Jon Snow: Ser o líder? Eu adoro! Irei colocar todos em suas funções, eles vão ter que me obedecer, afinal, eu sou o líder. Eu mando na porra toda.

[C] Jeff Winger: Eu não quero ser o líder do meu grupo, isso vai me dar um alvo enorme! Eu vou mostrar meu charme, mas individualmente, e terei tempo suficiente pra isso.

[C] Lip Gallagher; Onde eu moro ser o líder te traz garotas. Aqui pode ser a diferença entre sua tocha estar acesa ou apagada.

— Ótimo. Imediatamente, eu quero que escolham alguém como o mais fraco de sua tribo — Ele disse, deixando todos surpresos — Essa pessoa deverá vir até a mim. Começando pelos brawns.

Jon olhou para a tribo, não sabia o que fazer.

— A garota de cabelos presos pra trás — Ele disse.

[C] Johanna Mason: Eu? A mais fraca da tribo? Aquele cara tem sorte de eu não estar com um machado aqui agora.

Johanna foi até Richard, estava visivelmente chateada.

— Qual o seu nome? — Ele perguntou.

— Johanna

— Você acha que é a mais fraca da tribo?

Johanna soltou um sorriso no canto da boca. Ela afastou a manga de sua camisa e mostrou os músculos em seu braço.

— Se isso é "fraco" para qualquer um de vocês, eu desafio a um mano a mano após o fim do jogo — Ela respondeu fria.

[C] Claire Redfield; Eu não gostei da escolha do nosso líder. Eu escolheria a outra morena, ela parece ser menos fraca, além de parecer ser uma pessoa muito muito chata.

— Richard, eu posso trocar? — Claire perguntou — Eu gostaria de ficar no lugar dela — Ela disse causando rostos surpresos.

[C] Linda Esquivel: Aquela loira só pode ser.... loira! Eu não acredito no que ela disse, está pedindo pra ser eliminada?

— Eu não acho que Johanna é a mais fraca. Nosso líder tomou uma decisão equivocada — Ela disse, causando um sorriso espontâneo no rosto de Johanna.

— Então quem você classificaria como fraco em sua tribo, se fosse a líder? — Ele perguntou.

— Essa aqui — disse colocando a mão no ombro de Linda, que tirou rapidamente. As outras tribos observavam chocadas.

[C] Will Lexington: A tribo dos fortões é... Louca! Eles estão se matando e nem chegaram no acampamento ainda.

— Moça da esquerda, você se considera fraca?

— Richard, eu prendo cinco ou seis caras por noite. Eu não sou fraca. O problema é que nossa tribo é tão forte, que infelizmente, o nosso líder teve que fazer uma decisão repentina, mas não significa que Johanna seja necessariamente fraca.

— Então. Jon. Caso queira, você pode trocar as duas garotas, a decisão é totalmente sua.

— Se ela quiser, fique a vontade! — Jon disse. Claire foi rapidamente para Johanna que levantou a mão esquerda. Claire então bateu, piscando um olho para ela.

[C] Claire Redfield: Eu provavelmente vou ser eliminada, mas adorei a vibe da Johanna. Espero que ela honre o que acabei de fazer.

— Vá matá-los — Claire disse.

— Deixa comigo — Johanna respondeu.

[C] Nolan Ross: Aquelas duas garotas não possuem o senso do ridículo. Elas colocaram um alvo bem grande nas próprias costas. E uma já está fora da tribo.

— A segunda tribo, a tribo dos belos. Joey. Você pode escolher.

— Escolho a garota extravagante — Disse se referindo a Max.

[C] Max Black: A primeira vez que me vê na vida e me exclui... Assim como minha mãe!

— Qual seu nome? — Ele perguntou.

— Max

— Max, pra você, isso não deve acontecer com frequência, não é?

— Tudo pode acontecer — Disse se dirigindo ao apresentador.

[C] Olivia Castle: Eu não acho que Max é fraca, na verdade eu acho que eu sou a mais fraca! Mas eu não vou dizer isso, não em voz alta.

— Existe alguma Claire na minha tribo? — Max perguntou, cômica, causando risadas, mas ninguém respondeu.

— É, parece que vai ficar assim mesmo — Ele respondeu — Rapaz alto e loiro, seu nome?

— Nolan Ross

— E qual a sua escolha?

— A mais velha.

[C] Nolan Ross: Eu escolhi a mulher negra mais velha, porque acho que em desafios, ela não seria muito útil.

— Annelise — Ela se apresentou, indo em direção a Richard antes de qualquer pergunta que o apresentador fosse fazer.

[C] Annelise: Eu não acredito que fui eliminada nos primeiros segundos do jogo só pela minha idade. Estou mesmo na tribo dos cérebro?

— Vocês fizeram suas escolhas e agora terão que lidar com elas. Primeiro de tudo, as três excluídas, nenhuma delas está fora do jogo ou de sua tribo. Elas irão para o acampamento antes de vocês e tomarão uma decisão por toda a tribo — Ele disse, causando rostos surpresos.

[C] Jon Snow: Eu deveria saber que havia alguma pegadinha por trás! Droga.

[C] Jenny Humphrey: Agora, estou aterrorizada, não quero meu futuro nas mãos de Max, ela me parece alguém bem... Louca.

[C] Nolan Ross: Annelise vai chegar na tribo antes de todos. Mas eu vou contornar a situação, irei dizer pra ela que achava, que algo assim aconteceria. Ela provavelmente vai cair na minha lábia.

— As três garotas, podem entrar no helicóptero, vocês serão deixadas na praia de suas ilhas. Aos demais, aqui está o mapa para o acampamento — Ele disse jogando um mapa diferente para cada tribo — Boa sorte, vejo vocês mais tarde

Na praia da tribo Rizal, Max foi a primeira a chegar. Após descer do helicóptero, ela caminhou pela areia, onde encontrou um painel com informações sobre o que ela teria de fazer.

— "[Você foi eliminada de sua tribo...]" Jura? — Dizia lendo — "[... então agora você precisa tomar uma decisão importante, você pode escolher entre fazer um bem maior para você, ou para sua tribo. É sua decisão]"

[C] Max Black: Fui humilhada na frente de todos! É óbvio que vou escolher fazer o bem para mim, não deveria haver uma segunda opção.

Max abre uma portinhola que era destinada a escolha que fez. Ela então, tirou dali um papel escuro, parecido com antigos pergaminhos, onde ela também leu.

— "[Você tem a primeira pista do idolo de imunidade...]"

[C] Max Black: What? Eu tenho a pista para o idolo de imunidade? Chupa essa, Joey!

Max comemorava bastante. Ela lê a pista com bastante atenção e sai para procurar.

[C] Max Black: Eu vou encontrar esse idolo de imunidade e eu vou encontrar agora!

Já na praia da tribo Visayas, Annelise não estava nada satisfeita com a situação em que se encontrara. Não queria ser a primeira a sair de sua tribo.

[C] Annelise Keating: Eu odeio perder, e ser a primeira a sair só me faz ter motivos para me vingar. Aquele cara saber o que é bom pra tosse.

Annelise recebe as mesmas instruções que Max recebeu. Ela lê as duas opções disponíveis e antes mesmo de terminar, já escolhe a que seria de benefício próprio.

[C] Annelise Keating: Só um idiota para escolher beneficiar a tribo que acabou de lhe excluir. Óbvio que vou fazer o melhor pra mim!

Annelise escolhe, e logo abre a portinhola na qual havia a pista do ídolo de imunidade. Ela lia.

— Um ídolo de imunidade? Isso pode ser um grande poder — Disse ela guardando a pista.

[C] Annelise Keating: Não vou procurar o ídolo agora, porque minha tribo pode chegar a qualquer momento. Então preciso arranjar outra desculpa pra explicar o acontecido.

Claire Redfield chegava na praia da sua tribo, a Calayan. Ela encontrou as instruções que as duas outras garotas já haviam encontrado.

[C] Claire Redfield: Resolvi me sacrificar pela Johanna e aqui estou! Agora, preciso tomar uma decisão pela tribo. Vamos ver o que será.

Ela lê as instruções, sobre benefício próprio, ou para ajudar a tribo.

[C] Claire Redfield: Me coloquei em uma posição talvez inferior, embora seja o que eu acho certo. Pra mim, escolher benefício próprio seria egoísmo, já que eles não excluíram a mim, e sim a Johanna. Mas desde o que houve com Linda e Joey, eu não tenho outra alternativa.

Claire também abre a portinhola contendo benefício próprio, na qual ela lê sobre a pista do ídolo de imunidade. Ela resolve guardá-la dentro de sua bandana, que ela usava como uma espécie de topless na parte de baixo de seu corpo.

[C] Claire Redfield: Irei tentar pegar utensílios para construir o acampamento, todos sabem que se não fizermos isso, estamos totalmente ferrados.

Max procurava o ídolo de imunidade pelas águas da tribo Rizal. Ela está próximo a alguns rochedos, estava procurando entre eles, mas nada encontrara.

[C] Max Black: Esse ídolo pode estar em qualquer lugar, mas eu simplesmente não consigo encontrá-lo! Isso é mais depressivo que ouvir um álbum da Lana Del Rey duas vezes seguidas.

A tribo de Max está chegando no acampamento, que não estava nem construído ainda. Max ainda estava procurando pelos rochedos, quando viu sua tribo se aproximar.

[C] Max Black: A minha situação agora é como uma brincadeira de torta na cara, você sabe que vai chegar de surpresa, só não sabe quando.... E foi assim quando a minha tribo apareceu: Boom! Na minha cara.

— Onde está Max? — Jenny perguntou observando o acampamento vazio. Havia apenas alguns itens básicos de sobrevivência, fornecidos pela produção: um cantil para cada participante, uma quantia razoável de arroz, facões e panelas.

[C] Joey Tribianni: Chegamos no acampamento e vimos Max saindo das águas, como se fosse uma sereia. Eu adoro isso!

Max vai até eles, com um falso sorriso no rosto. Eles a cumprimentam, embora esteja um pouco molhada.

— Então, eu tive que escolher entre isso — ela disse que apontando para os mantimentos que a própria produção do reality show já oferecia — e um kit de conforto, eu escolhi tudo isso porque já diria minha avó: saco vazio não para em pé — mentiu.

— Obrigado, Max — Várias vozes disseram.

[C] Will Lexington: Eu acho que Max fez uma ótima decisão pela tribo, tendo em vista que ela foi excluída rapidamente, não sei se agiria da mesma forma. Ganhou a minha admiração.

— Então, vamos construir o acampamento? — Jeff perguntou.

[C] Jeff Winger: Eu acho que Max está confortável demais pra quem acabou de ser excluída, mas veremos se estou certo ou errado.

Olivia e Jenny saíram juntas para encher os cantis dos participantes com água do poço. Joey e Jeff, procuravam bambus e cipós, algo que ajudasse na construção do acampamento. Enquanto Max e Will ficaram responsáveis por tentar encontrar lenha.

— O que você achou da tribo? — Olivia perguntou à Jenny, no caminho.

— Eu não sei... Todo mundo aqui parece amigável, exceto pela Max que tem cheiro de confusão... — Ela disse enquanto passava pelas árvores, tirando a folha que cobria sua vista.

— Eu pensei o mesmo. Aliás, eu adorei você — Falou sincera.

[C] Olivia Castle: Jenny me passou uma boa vibração, ela parece ser uma garota doce e confiável. A perfeita aliada!

[C] Jenny Humphrey: Eu e Olivia nos demos bem logo de cara, ela é a que mais simpatizei da tribo. A que menos gostei foi Max, ela me lembra aquelas fodonas da faculdade que se acham as melhores, isso é um saco.

Joey colocava alguns bambus no acampamento, enquanto Jeff trazia mais. Max e Will já haviam pegado lenha, e o cantor country cortava a mesma.

— É tão triste que você é gay — Ela disse, ironizando, e um pouco excitada.

— É o que todas as garotas dizem — Will disse rindo. Ele terminou de cortar a lenha — Pode me ajudar a carregar?

— Claro.

[C] Will Lexington: Max é divertida pra mim, eu acho ela legal.

[C] Max Black: Estou em uma ilha com um cantor country... GAY! Eu não me divirto assim desde que vomitei na minha primeira montanha russa aos cinco anos de idade!

Max e Will levaram a lenha até o centro do acampamento. Jeff e Joey ainda trabalhavam na construção do mesmo. Joey parecia um pouco incomodado. Will foi até o astro.

— Posso cortar um pedaço do bambú? Eu vou tentar fazer fogo — Disse o cantor country.

— Sim, pode — Jeff falou, encarando-o.

[C] Jeff Winger: Eu pego o bambú e ele me vem pedir permissão para usá-lo? Vá cortar o SEU bambú!

— Vamos fazer fogo! — Will disse com um sorriso.

Na tribo Visayas, a tribo dos Brains, Annelise já havia dado uma adiantada no trabalho da tribo: ela havia pego lenha, embora não tivesse cortado ainda, folhas e alguns cipós. Também havia enchido o cantil dos participantes com água do poço.

[C] Annelise Keating: Irei fingir que está tudo bem, que não fui excluída e fazer a boa moça. Mas essa tribo já morreu pra mim.

Os participantes chegam, encontrando Annelise bebendo um pouco de água em seu cantil. Os participantes sorriem para ela, que devolve um sorriso, escondendo sua real expressão.

[C] Felicity Smoak: Nós chegamos na praia e Anne estava — ela coloca as mãos nas duas pontas da boca, esticando-as — com um sorriso de cabo a rabo! Ela foi excluída, eu estaria chorando!

— Como vai? — Lip a cumprimentou.

— Então, eu tive uma decisão pra tomar: ou eu facilitava nossa vida aqui, ou eu deixava todo mundo se ferrar. E como podem ver — Ela mostrou algumas coisas semi-prontas.

[C] Nolan Ross: Estou tão feliz que Annelise não levou pro pessoal, claro, pode ser mentira, mas eu vou me certificar de que ela esteja do meu lado.

Os participantes se acomodavam na tribo, enquanto Felicity havia saído para buscar algo. Nomi e Lip conversavam enquanto a moça cortava lenha. Apesar de ser considerada um cérebro, não era fraca.

— Então, você me parece bem jovem — disse a moça

— Só 18 anos! — Ele respondeu rindo.

[C] Nomi Marks: Lip é tão jovem! Ele parece um bebê recém nascido, dá vontade de cuidar!

— Você ainda está na faculdade?

— Sim, na verdade eu tranquei pra vir pra cá.

— Coragem — Ela riu.

Caleb chegava com alguns bambus, carregava tudo sozinho, parecia visivelmente cansado. Era o que mais estava trabalhando, ao que era possível de se ver.

[C] Caleb Rivers: Minha tribo é preguiçosa. A garota loira? Ok, ela está cortando lenha. Mas o novinho ali... Ele está sentado só observando... E ele é um homem!

— Lip, quer me ajudar? — Caleb perguntou, inocente.

— Estou bem — Ele respondeu.

[C] Lip Gallagher: Eu não vou trabalhar só porque alguém está me pedindo, quando me der na telha eu vou pegar algo pra fazer e acabou. Não vou me esgotar a toa.

Caleb revirou os olhos. Annelise e Nolan voltavam para o acampamento, eles estavam conversando a respeito do jogo.

— Só quero que saiba que foi uma escolha totalmente estratégica, em minha cabeça, eu sabia que você não estaria fora do jogo, e queria me certificar de que se algo acontecesse, você estaria pra cuidar da tribo — Nolan se explicou.

— Eu sei, a mulher mais experiente, a voz da razão — Ela disse, fingindo.

[C] Annelise Keating: Não sei onde Nolan quer chegar com isso, mas ele não está convencendo ninguém, nem a ele mesmo.

[C] Nolan Ross: Acho que Anne e eu estamos bem, ela me parece... Estável, por enquanto. Mas tudo pode acontecer.

Felicity volta, estavam todos no acampamento e ela estava bastante animada, pulando serelepe.

— Pessoal, pessoal! — Gritava correndo pelo acampamento, até alcançar os integrantes de sua tribo.

— O que houve? — Nomi perguntou, vendo a garota bastante animada.

— Eu acabei de ver um casal de tamanduás transando! Vocês precisam ver! — Ela disse rapidamente, chocada com a experiência.

[C] Felicity Smoak: Eu lido com tecnologia... Quando eu vi aqueles dois animais fazendo... Oh meu Deus, seus pervertidos!

[C] Annelise Keating: Felicity é maluca, ela está tipo "pessoal, tem tamanduás transando". Jura?

[C] Nolan Ross: — pausa para risada antes de falar qualquer coisa — Felicity é crazy! Mas isso é bom, ela pode ser a aliada perfeita.

— Ninguém quer ver? Eu não acredito que ninguém quer ver, por favor, venham ver, vocês vão ficar chocados! — Ela disse, falando rapidamente.

[C] Caleb Rivers: Eu acho que Felicity consegue falar mais de mil palavras por segundo, ela fala tão rápido que eu só entendo o que ela disse um minuto depois. Ela é como uma canção do Eminem.

— Eu vou — Nolan se ofereceu.

[C] Felicity Smoak: Quando eu voltar pra casa irei sem dúvidas tatuar um tamanduá no braço, porque baby, nada passa desapercebido pelas minhas lentes, que não fique marcado depois!

Na tribo Calayan, os participantes encontravam Claire dando duro no acampamento, já havia feito praticamente tudo. Era bastante rápida e sabia liderar como ninguém.

— Já? — Ryan disse surpreso.

[C] Ryan Wheeler: Eu estou chocado que Claire já construiu uma parte do acampamento, ela adiantou todo um trabalho.

— Foi a única coisa que pude fazer — ela falou — Vocês podem pegar as outras coisas e se alguém quiser me ajudar aqui.

[C] Linda Esquivel: Claire é tão arrogante, eu não gosto da voz dela nem da maneira que ela se comporta. Me dá nos nervos!

Linda, Ryan, Jon e Quatro saíram para procurar outras coisas que fossem de ajuda no acampamento, deixando as duas garotas, já excluídas, sozinhas uma com a outra.

— Eu tenho uma pista para o ídolo de imunidade — Claire disse enquanto amarrava o nó feito por um cipó, entre dois bambus.

— Sério? — Johanna falou com um sorriso no rosto.

[C] Johanna Mason: Claire tem a pista para um ídolo de imunidade e é apenas o primeiro dia! Nós com certeza vamos liderar essa tribo.

— Nós precisamos convencer os rapazes a ficar conosco caso algo dê errado — Ela cochichou. Os demais já voltavam logo.

[C] Claire Redfield: Eu sei que Linda e Jon vão ficar juntos, conheço baba ovo quando vejo um. Então minha segurança nessa tribo é falar com os rapazes.

— Ok — Ela confirmou.

Os outros quatro se aproximavam do acampamento, trabalhando bastante. Linda e Jon se ajudavam trazendo lenha, pareciam estar se entendendo bem.

— Então você é uma policial? — Ele perguntou.

— Quase delegada! Mas sim — Ela respondeu.

[C] Jon Snow: Linda tem uma boa vibe, eu gosto dela, seria uma ótima aliada e parece alguém digno de confiança.

— Então estamos juntos? — Ele cochichou.

— Claro — Ela respondeu, em mesmo tom — Aquelas garotas... — Já iria falar algo negativo.

— Elas estão fora — Ele respondeu.

[C] Linda Esquivel: Eu não vou aguentar ficar muito tempo no mesmo lugar que Johanna e Claire, elas precisam ir embora.

Quatro e Ryan conversavam com Johanna e Claire, enquanto construíam o abrigo, eles falavam sussurrando.

— Isso pode ser algo grande — Johanna disse — Os quatro mais fortes, contra eles

Ryan e Quatro se olham, sem saber o que fazer.

[C] Quatro Eaton: Eu e Ryan estamos forçados a ficar em uma aliança, porque de um lado temos Johanna e Claire e do outro Linda e Jon e nós sabemos, eles não vão se dar bem.

— Está bem pra mim — Ryan confirmou, virando o olhar para Quatro, esperando a confirmação do mesmo

— Por mim também — disse o que eles queriam ouvir.

— Eu não quero ir ao conselho tribal — Claire começou — Mas se formos, já sabemos o que fazer, certo?

Claire recebeu respostas positivas.

[C] Ryan Wheeler: Eu não sei se essa aliança vai funcionar, na verdade, eu nem lembro de ter pedido uma! Tudo que precisamos focar agora é no acampamento e não em rixas.

Dentro da floresta, está a arena para os desafios. Ali, como na estréia, os três tapetes indicavam as cores e as posições que as tribos ficariam. Richard estava ali, próximo da estrutura, ao lado de uma mesa coberta. As tribos chegavam, uma por uma, com as bandeiras de cores respectivas a de suas bandanas. Quando as três chegaram, Richard começou a falar.

— Estão prontos para o primeiro desafio de imunidade? — Perguntou.

— Sim — As diferentes vozes responderam.

— No desafio de hoje, vocês irão manusear um carro de madeira por um pequeno percurso. Em cada seção desse percurso vocês deverão pegar uma chave, utilizando uma vara. Uma vez pega, irão abrir as correntes que prendem baú que se localiza na mesma seção, então o colocarão no carrinho e continuarão seguindo até que os três baús estejam no carrinho. Após isso, irão ter que passar um painel quadriculado. Mas pra isso, terão que desmontar o carrinho e passar as peças seja por cima ou por dentro dos espaços, os participantes devem passar pelo mesmo trajeto assim como os três baús recolhidos. Na parte final, irão montar o carrinho novamente, levar os três baús à três suportes. Irão abrir os baús onde encontrarão peças de um quebra-cabeça vertical que contém a imagem de um dragão. As duas primeiras tribos a completarem o quebra-cabeça, vencem a imunidade. Entendido? — Ele perguntou.

Todos afirmaram.

— Como nessa prova, não estamos disputando apenas por imunidade — Ela disse revelando o que estava coberto no pano, além de dois ídolos de imunidades tribal, que era a imagem esculpida de dois deuses regionais, estavam um kit de fogo — Um kit de fogo para o time vencedor, porque todos sabem que sem fogo é impossivel sobreviver. Para o segundo lugar, uma pederneira — Ele avisou — Então, vale a pena jogar?

Assentiram novamente.

— Irei dar-lhes um minuto para estratégia e começaremos — Avisou.

Todas as tribos agora, estavam com seus respectivos carrinhos. Richard estava mais distante, para observar a prova.

— Ok, por imunidade e recompensa em forma de fogo. Survivors prontos? Vão! — Deu a partida.

Os três times começaram a correr, chegando rapidamente até o percurso, enquanto puxavam o carrinho. Logo na primeira seção, encontraram uma escada, que deveria ser subida para que fosse possível alcançar a chave que abriria o baú. Para os Brawns, Claire subiu, para os Brains, Felicity, e para os Beauty Joey. Eles haviam pego uma pequena vara, que ajudara a empurrar a chave. Claire e Joey rapidamente empurraram a chave, que caiu no chão, porém o braço de Felicity era curto demais.

— Não consigo pessoal! — Já demonstrava dificuldade no começo.

A tribo dos Brawns e dos Brains abriu as primeiras correntes, pegando o baú e botando em cima do carrinho, eles estavam pau a pau na disputa pela liderança. Os dois seguiram para a segunda seção, onde a mesma coisa deveria ser feita novamente. Felicity desceu a escada e Nolan subiu, por ser mais alto, conseguiu alcançar sem muitos esforços, liberando a chave que fez Felicity abrir as correntes que prendiam o cadeado. Eles aceleravam o ritmo, embora não alcançassem as outras tribos. Max e Jon, eram os que estavam nas escadas agora, novamente sem dificuldade alguma. Jenny abriu as correntes para sua tribo, e Johanna pela sua.

Enquanto os Brawns e Beauty já terminavam a primeira parte da prova, os Brains ainda estavam na metade. Nolan novamente continuava subindo as escadas, não queriam arriscar o fato de outra pessoa atrasá-los novamente. Eles estavam diminuindo a diferença aos poucos. Caleb abriu os cadeados da corrente, quando a chave caiu. A tribo Brawn e a tribo Beauty já estava com os três baús em cima do carrinho. Eles o arrastavam até o painel, que tinha várias formas retangulares e quadriculares.

A tribo dos Brawns desmontava o carrinho rapidamente. Os rapazes não encontravam dificuldade alguma em jogar as peças por cima do painel, enquanto as garotas subiam pela estrutura para passar por cima. A tribo dos Brains pegava a última chave, novamente jogada por Nolan. Eles colocam o terceiro baú em cima do carrinho e então, seguem para a mesma seção que as outras tribos já estão um pouco mais adiantadas.

Jenny e Olivia encontram dificuldades para passar os baús, tendo nenhuma ajuda dos rapazes, que já haviam passado para o outro lado do painel. Os Brawns, lideravam a tribo sem dúvidas alguma, eles já estavam passando todas as peças.

— Voltem! — Olivia pediu — Não conseguimos passar!

— Vira pra direita! — Joey dizia.

Will subiu o caminho de volta, ajudando as meninas que eram bastante fracas em relação a músculos. A tribo dos Brawns já havia passado tudo pelo painel e começavam a montar o carrinho novamente. Os brains resolveram passar os baús primeiro, o que parece ter sido a decisão correta, pois era o mais pesado ali, além da largura. Enquanto isso, a tribo Beauty terminava de passar os baús, e agora, as meninas subiam a estrutura, enquanto Will as esperava.

A tribo dos Brawns, fazendo jus ao nome, montou rapidamente o carrinho e levou os baús até seus respectivos lugares. Eles os abriram e começaram a pegar as peças do quebra-cabeça. A tribo dos Beauty montava o carrinho novamente, assim como os Brains, que haviam recuperado tempo graças a Nolan.

— Não encaixa! — Jenny dizia a respeito das peças, na qual eles não conseguiam colocar.

Lip guiou a tribo dos Brains nessa parte, por seus conhecimentos em relação a montagem de objetos, montando o carrinho rapidamente. Já os Brawns começavam a montar o quebra-cabeça no chão, antes de colocá-lo na estrutura principal, que era um circulo.

A tribo Beauty começava a entrar em pânico, não conseguiam colocar nada no lugar. Resolveram então apenas "segurar" as pontas, ou se atrasariam mais. Foram empurrando o carrinho cuidadosamente. Enquanto isso, os Brains colocavam os baús em seus respectivos lugares, já haviam recuperado o tempo perdido. Os Brawns, liderados por Quatro e Johanna, colocavam as peças do quebra-cabeça na estrutura circular.

O carrinho da tribo Beauty se desmontou em uma das partes, fazendo um dos baús abrirem e liberarem as peças no chão. Max foi pegar, pois se os outros soltassem as demais partes, todos os outros baús cairiam juntos. Os brawns terminavam o quebra-cabeça, não estavam com nenhuma dificuldade, embora esgotados. Quatro colocou a peça final.

— Calayan, a tribo dos Brawns, vence a imunidade e o kit de fogo! — Disse ao conferir o quebra-cabeça que estava correto. Os brawns comemoraram, esquecendo as divergências que tinham e se abraçando.

Nomi e Caleb montavam o puzzle na própria estrutura, sem preparar no chão como os Brawns haviam feito. Max já havia recuperado o baú e o colocava em cima do carrinho. A tribo Beauty levava novamente com muita cautela, mas estavam esgotados, principalmente Jenny e Olivia que não eram tão fortes fisicamente. Eles chegaram até a última seção e então, Will e Jeff colocaram os baús nos lugares.

Caleb e Nomi trabalhavam rápido no quebra-cabeça, afinal, eram a tribo dos cérebros, aquela era a função deles. Os Beauty começam a montar o puzzle, observando o dos outros, os responsáveis pelo mesmo eram Jeff e Olivia, que colocavam as peças rapidamente. Olivia parecia entender aquilo. Nomi e Caleb estavam prestes a acabar, Felicity olhou para a outra tribo que parecia estar pegando o jeito também.

— Vocês conseguem! — Felicity incentivou.

Olivia detonava no puzzle para a tribo Beauty, colocando mais peças do que Jeff, ela realmente sabia aquilo. Porém, Caleb e Nomi estavam finalizando o desafio já. Nomi colocou a última peça. Richard foi conferir o resultado.

— Brains vencem a imunidade e recompensa em forma de pederneira! — Disse, deixando os membros da tribo Visayas aliviados, enquanto a tribo Rizal estava devastada.

Richard pegou os dois ídolos de imunidade tribal e jogou para os dois times vencedores. Jon pegou um cesto de palha, na qual continha o kit de fogo.

— Brawns, vencendo o kit de fogo como recompensa. Para os Brains — Ele tirou a pederneira do bolso e jogou para eles, Caleb a pegou — Pederneira, não é a mesma coisa, mas pode ajudar se souberem manusear. Para os Beauty, não tenho nada além de um encontro no conselho tribal hoje. Tenho certeza que será uma tarde interessante para vocês hoje, voltem para suas praias.

Os participantes voltavam para suas praias. Na tribo dos Brains, Felicity elogiava Nolan, na frente de todos.

— Você detonou! — Ela disse, enquanto eles ainda se recuperavam pela exaustão da prova — Não conseguiríamos sem você!

[C] Annelise Keating: Voltamos e a Felicity não conseguia parar de tagarelar e falar o quanto Nolan havia sido bom. Por favor, qualquer um faria aquilo.

[C] Lip Gallagher: Eu montei o carrinho praticamente sozinho e Felicity dá os créditos ao Nolan. Essa é realmente a tribo dos cérebros?

Annelise e Lip se afastaram, não estavam gostando da atitude da menina. Caleb sentou em uma pedra, para começar a fazer fogo, enquanto Felicity e Nolan conversavam juntos e Nomi ouvia.

— Eu acho que podemos ser um ótimo time — Nolan disse, incluindo a transexal na conversa — Nós três.

— Pode funcionar pra mim — Nomi falou.

[C] Nomi Marks: Não tenho alianças fixas, foi realmente acolhedor saber que Nolan quer me levar longe no jogo.

— Eu acho que Annelise e Lip estão se excluindo da tribo — Felicity disse — Eles saíram com uma cara não muito boa.

— Um deles provavelmente deve ser o primeiro a sair — Nolan disse, frio.

[C] Nolan Ross: Nomi parece uma pessoa sensível, Felicity é instável. Elas são as aliadas perfeitas, e se eu conseguir Caleb... Bing, temos a maioria nessa tribo.

Na tribo dos Brawns, eram só beijos e abraços, o time estava unido na água do mar, tomando banho para tirar o suor e o cansaço que a prova havia lhes proporcionado.

— Eu acho que se não fosse pelo quebra-cabeça, os Brains estariam ferrados — Linda falou.

— Não prestei muita atenção, mas acho que temos chances de vencer todas as provas — Johanna falou fria, como se quisesse dizer algo e se aquietou.

[C] Johanna Mason: Voltamos do desafio e todos estão apertando as mãos e se cumprimentando, ok, nós vencemos, mas não viramos o club do bolinha ainda.

— Somos o melhor time, isso não há duvidas — Jon começou a se vangloriar — Vou ficar surpreso se algum daqueles frangotes vencerem a gente, só um milagre.

[C] Claire Redfield: Jon é estúpido, só sai merda da boca dele. Mesmo em um bom momento, ele consegue me tirar a paciência.

Claire se levanta da água, mesmo não tendo finalizado seu banho.

— Johanna, você vem? — A convidou, notando que a colega não estava tão confortável também.

— Ok, eu vou — Johanna se levantou, saindo com a mesma. Os outros quatro observavam.

— Elas estão tão por fora... — Linda disse.

— Não vamos deixar esse momento estragar — Ryan disse.

[C] Ryan Wheeler: Linda... Johanna... Claire... Jon... Esses quatro nomes possuem um só significado: problema.

Na tribo dos Beauty, os participantes estavam totalmente desanimados, afinal, haveria conselho tribal em algumas horas e um deles poderia sair a qualquer momento.

[C] Max Black: Eu acho que hoje devemos eliminar Jenny, ela foi fraca na prova e é muito, muito boring. Eu não gosto dela.

— Vou lavar meu cabelo — Max disse, se afastando da tribo e indo para a água. Ela deixou os cinco ali, que aproveitaram a situação.

— Vamos colocá-la pra fora, ela não merece estar aqui — Joey disse.

— Por mim tudo bem, o que acham? — Eles se olharam, pareciam concordar.

[C] Will Lexington: Eu gosto de Max. Ela é divertida, pra mim, não vejo motivos para tirá-la hoje.

Olivia e Jenny conversavam juntas, tentando pensar no que iriam fazer.

— Estou com medo — Jenny disse — Pelo desafio, você sabe...

— Não, relaxa, Max já irritou Joey... Ele com certeza vai se livrar dela — Tentou acalmá-la.

— Eu tenho medo, você sabe, eu não sou aquele corpão... Igual o dela.

[C] Jenny Humphrey: Pessoas com o corpo de Max conseguem o que querem num piscar de olhos. Se ela cogitar meu nome, pode ser o meu fim.

— Relaxa, Joey não seria estúpido.

Joey, Jeff e Will conversavam a respeito da votação, era o cantor country que iniciava o assunto.

— Vocês tem certeza que vão eliminar Max? Jenny estava praticamente ofegando hoje no desafio...

[C] Jeff Winger: Will não quer eliminar Max porque são amigos, mas infelizmente não tem como salvá-la, não desse jeito.

— Acho que se não tirarmos Max agora, ela pode nos ferrar depois... Ela foi excluída de cara — Joey falou.

[C] Joey Tribianni: Tenho minhas dúvidas em relação a Max, não quero ela voltando para se vingar. Não mesmo.

— Olhe, eu vou ser sincero com vocês, eu não vou escrever o nome da Max — Ele disse, recebendo dois olhares surpresos.

[C] Joey Tribianni: Sério, Will? Você diz isso para Joey Tribianni? Eu achei que você fosse muito mais inteligente.

[C] Will Lexington: Max merece estar aqui, eu não vou escrever seu nome porque Joey está mandando.

— Eu acho mais justo tirar Jenny. Deveriam considerar — Ele disse.

Will se afastou. Joey e Jeff ficaram sozinhos, ainda conversando, enquanto o cantor country ia em direção a Max na praia.

— Eles vão votar em você — Will disse — Tentei convencê-los do contrário, mas não me parece certo.

[C] Max Black: Aquelas pessoas irão escrever meu nome hoje, eu já esperava. Então é hora de botar meus peitos para funcionar.

— Droga! — Max falou — Você está comigo, certo?

— Sim — Ele respondeu.

— Eu vou falar com Jeff... Talvez consigamos fazer algo. Ele parece aberto a sugestões? — Max perguntou.

— Não sei, Joey está liderando a cabeça de todos eles. Eu não sei de que forma ele está pensando. Mas tenho certeza que as duas garotas estão certas com ele.

— Então é nossa última oportunidade. Irei falar com eles.

Joey, Jeff, Jenny e Olivia converavam na praia. Eles falavam sobre a situação de Will em relação a Max.

— Will e Max provavelmente estão juntos... Ele não quis votar conosco e cogitou seu nome, Jenny — Joey revelou, deixando a garota em pânico.

— Mas estamos juntos, certo? — Perguntou temendo.

— Sim — Ele disse.

[C] Jeff Winger: Estou percebendo que Joey tem todas as garotas na palma de sua mão. Isso pode ser perigoso.

— Mas Will foi ótimo na prova, e sem Max aqui ele pode nos ajudar, não acham? — Jeff perguntou.

— Pra mim tanto faz, contando que um saia — Jenny respondeu.

— Então nós todos votamos em Max? — Olivia perguntou.

— Sim... Mas temos a questão do ídolo. Acham que pode ter algum logo agora? — Joey perguntou.

— Tudo pode acontecer — Olivia respondeu.

— Vamos dividir então. Meninos votam em Will, meninas votam em Max. Caso dê algum imprevisto, ela usa o idolo e ele sai.

Max ouvia tudo, quieta nos arbustros.

[C] Max Black: Então eles possuem um plano: Dividir os votos entre Will e eu, o que me faz pensar: eu preciso encontrar esse idolo imediatamente, mas eu não tenho tempo.

Will e Max conversavam.

— Eles vão dividir os votos, eu ouvi tudo! — Ela disse — Mas eu tenho a pista do idolo de imunidade, então você precisa procurar.

[C] Will Lexington: Max me deu uma informação grande, pode ser a nossa chance de permanecer vivos no jogo!

Ela tirou a pista de seus trajes e entregou ao rapaz.

— Lembra quando chegaram? Eu estava procurando, procure por lá! Deve estar por ali em algum lugar. Eu vou tentar fazer algo com Jeff e talvez conseguimos reverter a situação.

— Tudo bem — Eles se abraçaram e Will foi procurar o idolo.

[C] Will Lexington: Irei dar meu máximo para achar esse ídolo, ou minha maior aliada vai embora hoje.

Max encontrou Jeff no acampamento, sozinho. Joey havia saído com as duas garotas para encher o cantil de água.

— Eu preciso falar com você, eu sei que vocês irão dividir os votos hoje, mas é o seguinte. Eu tenho o idolo e posso usar a nosso favor — Mentiu.

[C] Jeff Winger: Max não tem idolo nenhum, ela está mentindo, mas quero ver até onde ela pode chegar com essa informação.

— Joey tem aquelas meninas na palma da mão, você vai ficar na sombra dele? Elas não vão te dar ouvidos! — Max alertou o rapaz — Ele é Joey Tribianni, ele não gosta de estar próximo de homens, você é só um número agora.

[C] Max Black: O que estou dizendo é verdade, Jeff é só um peão no jogo de Joey. Ele não vai muito longe, não faz parte do jeito Tribianni de ser.

[C] Jeff Winger: Todos conhecem Joey da televisão e em partes, o que Max diz é verdade. Ele é bastante conhecido por se relacionar melhor com mulheres, mas eu acho que posso controlar a situação também. Confio no meu taco.

— O que você sugere? — Jeff perguntou.

— Eu queria eliminar Jenny... mas Joey... Ele é um pé no saco! — Ela disse.

— Ok. Então nós três votamos no Joey? — Ele perguntou.

— É o melhor para os três, você sabe disso.

Joey voltava com Olivia e Jenny, eles estavam com os cantis cheios. Max viu, deu um sorriso e saiu. Joey ficou intimidado com a situação.

[C] Joey Tribianni: Max com certeza tentou por algo na cabeça de Jeff, espero que ele não tenha acreditado nas besteiras. Não vejo a hora daquela garota sair logo.

— O que ela queria? — Joey perguntou, seco.

— Você sabe, conversar, tentar me fazer mudar de lado... Mas ela disse que tem um ídolo.

— Então a divisão tem que acontecer, um idolo é um poder enorme — Olivia disse.

[C] Olivia Castle: Se Max realmente tem esse ídolo, tudo vai depender da divisão, porque no caso de empate, revotamos e quem não usou o idolo sai.

— Estou com vocês, não importa o que — Jeff disse.

[C] Jeff Winger: Eu não sei onde minha cabeça está agora. Max apresentou pontos fortes, mas ela não me parece alguém confiável. Tem algo nela que é muito intimador, isso me assusta.

— Ok então, vamos continuar com o plano — Joey confirmou.

Max se encontrou com Will pelos rochedos, estava apreensiva.

— Como foi? — Will perguntou.

— Me flagraram, mas acho que consegui falar com o Jeff o suficiente. Você encontrou?

— Não, a dica é muito vaga — Ele disse.

[C] Will Lexington: Minha vida no jogo depende de Jeff, se ele não fizer algo, eu ou Max saímos hoje.

Eles observam os quatro, de longe, no acampamento.

— Ele não parece alguém que vai trocar de lado — Will disse.

— Eu sei — Max respondeu — Estamos ferrados.

[C] Max Black: Eu vou precisar mais do que isso para salvar meu jogo hoje. Talvez eu tenha que tomar uma decisão que não queira, para ficar por mais alguns dias.

Os participantes pegam suas coisas na praia, prontos para irem para o conselho tribal. Pouco antes, Will conversa com Jeff.

— Espero que possamos trabalhar juntos — O cantor country disse.

— Tudo bem — Jeff confirmou, sem muita reação.

[C] Jenny Humphrey: Ouvi meu nome ser cogitado, espero que sejam apenas especulações, não quero ser a primeira a sair. Seria um desastre.

[C] Joey Tribianni: Se tudo ocorrer como planejado, Max está indo embora hoje. E é isso que vai acontecer.

[C] Will Lexington: Estou colocando minha confiança em Jeff, pois ele é o único que pode beneficiar meu jogo a longo prazo. Espero que ele faça o que prometeu.

[C] Max Black: Eu não tenho ídolos e meus peitos não trabalharam o suficiente. Espero sentir confiança nas palavras de Jeff no conselho, ou eu terei que fazer um sacrificio para o meu próprio bem.

[C] Jeff Winger: Posso eliminar Max hoje ou Joey. Os dois são grandes forças, possuem egos enormes e são um problema no acampamento. Um deles precisa sair.

Os participantes entram no conselho tribal, que nessa temporada era uma pequena cabana feita de pedras. Ao redor do local, estavam cobras e aranhas, que passavam naturalmente por ali.

— Atrás de cada um de vocês há uma tocha, peguem elas e levem ao fogo — Disse Richard observando os participantes entrarem. Eles pegaram as tochas que estavam atrás dos assentos, feitos de pedra também, e levaram a fogueira principal — Isso faz parte do ritual de iniciação do conselho tribal, porque nesse jogo, fogo representa sua vida — Os participantes acendiam suas tochas — Uma vez que seu fogo se for, você também vai — Eles colocam as tochas atrás dos assentos, agora, acesas, e se sentam.

— Vamos começar falando por essa divisão de "Brawns, Brains e Beauty". Will, você acha estar na tribo correta? — Richard perguntou.

— Eu não quero parecer arrogante, Richard, mas eu me enquadro na beleza sim — Ele disse com um sorriso no rosto — Eu sou bonito, o que posso fazer?

— Max, você foi excluída logo de cara, sem ninguém ter uma noção básica sobre você, qual o motivo que levou a isso, segundo sua opinião?

— Eu acho que a pessoa que fez isso — Ela disse fazendo bico com os lábios em direção a Joey, que sentava atrás — Se sentiu intimidada com meu estado de espírito — Joey riu.

— Joey, você excluiu Max. Quando voltaram ao acampamento, tentaram ao menos conversar?

— Tentamos, mas Max é ignorante, não deu certo — Ele disse.

— Eu não sou ignorante, você é um pé no saco. E um péssimo ator, aliás — Ela falou, deixando Jenny boquiaberta.

— Jenny, você ficou surpresa, por que isso? — Ela perguntou.

— Porque esse é Joey Tribianni! Ele é galã de novelas e filmes, todas as garotas queriam estar com ele — Ela falou.

— Essas duas — Max apontou para Jenny e Olivia — seguem esse cara igual um cachorrinho e o que ele fez até aqui? Nada para merecer isso.

— Olivia, você foi colocada em questão. Isso é verdade?

— Eu realmente tive uma conexão maior com Jenny e Joey, eu me identifiquei mais com eles, não acho que isso seja algo ruim, se ela não conseguiu se adequar, é uma pena.

— Jenny e Joey — Max deu ênfase.

— O que tem? — Olivia indagou.

— Jeff está fora de questão. Você ouviu o nome dele, Will? — Ela perguntou.

— Não, não ouvi — Will falou, rindo, adorava o caos que Max fazia.

— Jeff também é uma ótima pessoa na qual eu me identifiquei, não há motivos para colocá-lo como ultima opção, estamos no primeiro conselho tribal, não é como se tivessemos na fusão ainda — Olivia respondeu.

— Então Jeff, como você fica perante de tudo isso?

— Richard, eu vim pra esse jogo sabendo o quão importante os niveis sociais que seriam, então eu sei quando uma pessoa se identifica melhor com a outra, eu não sou idiota. Max não precisa ficar me lembrando de algo que eu percebo.

— Então faça algo! — Ela disse, quase gritando.

— Will, como votará hoje?

— No que é melhor pra mim, agora.

— Ok. Dito isso iremos votar, Jenny você começa.

Jenny foi até o corredor onde encontrou papéis, uma caneta e o cesto de votação. Ela escreveu o nome de Max e guardou. Os demais participantes votaram também. Will escreveu o nome de Joey —Boa sorte — ele desejou. Joey escreveu o nome de Will — Só no caso de algo inesperado acontecer — ele falou. Max foi votar, confusa com o que fazer. Olivia votou em seguida. Por último, Jeff votou, deixando todos ali ansiosos.

— Irei pegar os votos — Richard disse.

Richard fez o mesmo caminho que os participantes e pegou o cesto de votos, onde colocou a amostra.

— Se alguém tem o idolo de imunidade e deseja usá-lo, essa é a hora de fazer algo — Ele falou. Todos olharam para Max, que permaneceu estável.

— Ok. Uma vez lido os votos a decisão é final, a pessoa eliminada deverá deixar a área do conselho tribal imediatamente. Irei ler os votos — Ele disse abrindo o cesto.

— Primeiro voto: Max — Era o voto dado por Jenny.

— Segundo voto: Will — Disse, desdobrando o papel e mostrando a câmera. O voto havia sido escrito por Joey.

— Terceiro voto: Joey. Um voto Max, Will e Joey — Ele colocou o papel de lado, pegando outro que estava no cesto.

— Quarto voto: Max. São dois votos Max — Max revirou os olhos.

— Quinto voto: Will. Dois votos Will, dois votos Max, um voto Joey e um voto falta — Eles estavam ansiosos pelo último voto, visivelmente.

— Sexto voto e primeiro eliminado do Survivor Brawns vs. Brains vs. Beauty: Will. Você precisa me trazer sua tocha — Jenny, Joey, Jeff e Olivia se olharam sem entender nada enquanto Max deu um sorriso do canto da boca. Will ficou surpreso, ele viu, no papel, abaixo de seu nome a legenda "sorry".

— Boa sorte — Ele disse no ouvido de Max, ao se levantar pegando sua tocha.

— Will, a tribo decidiu — Richard pegou sua snuff, apagando a tocha do cantor country, que havia a colocado no buraco que se localizava no chão.

— É sua hora de ir — Will foi sem olhar para trás.

— Hoje a noite a votação foi chocante para muitos de vocês, para outros, nem tanto. Tomem cuidado com o que fazem ou falam e aprendam, mesmo estando em uma ilha, as paredes possuem ouvidos. Como passaram pelo conselho tribal, vocês agora possuem fogo — Ele disse pegando uma pederneira e jogando para a tribo — Peguem suas coisas e voltem ao acampamento, boa noite.



Notas finais do capítulo

Gente, o ep ficaria muito maior, pois eu planejaria fazer ele duplo, como na estréia de Survivor Cagayan, porém como são três tribos para escrever o desenvolvimento e tivemos as primeiras impressões (eliminações que aconteceram pelo líder), eu resolvi não fazer um episódio duplo hoje. Talvez o próximo seja duplo.

Resultado da votação:
Jeff Winger votou em Will Lexington
Joey Tribianni votou em Will Lexington
Jenny Humphrey votou em Max Black
Max Black votou em Will Lexington
Olivia Castle votou em Max Black
Will Lexington votou em Joey Tribianni

Total de confessionários (Episódio 1):
15 Max Black
10 Will Lexington
10 Jeff Winger
9 Annelise Keating
7 Nolan Ross
7 Joey Tribianni
5 Jenny Humphrey
5 Johanna Mason
5 Claire Redfield
5 Jon Snow
4 Ryan Wheeler
4 Linda Esquivel
4 Felicity Smoak
4 Lip Gallagher
3 Nomi Marks
3 Olivia Castle
2 Quatro Eaton
2 Caleb Rivers