If not us, who? If not now, when? escrita por KaahLerman


Capítulo 4
I think love really hurts


Notas iniciais do capítulo

Aqui mais um capitulo para vocês!



Marra Brasil

Megan beijou Davi, feliz. Finalmente conseguira o que tanto ansiava. Já Davi foi pego de surpresa, mas sem saber o porque, correspondeu. Pareciam absortos de qualquer coisa naquele momento. Mas a magia acabou de repente, quando a porta da sala foi aberta e nela entrou um Danilo Marra totalmente furioso.

Danilo - O que está acontecendo aqui? - Perguntou nervoso.

Megan - Out, Danilo! - Gritou, ainda segurando Davi pelos braços.

Danilo - Nunca! Eu vou acabar com esse idiota!

Avançou na direção dos dois. Davi empurrou Megan para o lado quando Danilo lhe lançou um primeiro soco, desviado. Ele girou e segurou uma das mãos de Danilo, que com um pouco de esforço se soltou. Logo virando rapidamente e desferindo um soco na direção do nerd. Megan assistiu aquilo e apavorada em ver o amado levar um soco, se jogou na frente dele, levando o soco que era para ele. Ao sentir o impacto, seu corpo caiu no chão, em choque. Davi olhou aquilo com susto, Danilo ficou paralisado. O nerd foi o primeiro a se jogar no chão e checar Megan, que estava inconsciente. A pegou no colo e saiu correndo da sala, passando por Murphy e os outros candidatos que estavam na área onde fariam a prova. Todos olharam a cena com espanto, e o subordinado de Jonas correu atrás do garoto que levava a herdeira daquele império no colo e inconsciente para a enfermaria do local. Todos ficaram alvoroçados. Algum tempo depois Jonas e Pamela atravessavam a enfermaria enfurecidos.

Jonas - O que foi que aconteceu aqui? - Gritou.

Pamela - Megan! Sweetie! - Foi até a maca onde a garota estava, ainda desacordada. - Por que ela está assim? E esse olho roxo?

Murphy - Boss, miss Megan levou uma pancada... Um soco. De Danilo Marra. - Os pais da garota se viraram furiosos.

Jonas - Como assim um soco do Danilo?

Murphy - Numa briga, boss. Danilo tentou agredir fisicamente o participante Davi Reis, e a senhorita Megan entrou na frente para impedir e acabou ferida. Foi um ato heróico, de certa forma.

Danilo - Olha, tio, não foi isso, eu posso... - Jonas interrompeu, irrado.

Jonas - Cala a boca, Danilo! Considere-se fora desse reality! - Gritou a plenos pulmões. Depois virou-se para Megan. - Acordem ela.

Murphy - A enfermeira já tentou, boss. Mas não obteve resultado.

Jonas - Pamela, peça para tirarem o carro. Vamos levá-la á um hospital. - Disse pegando a filha desacordada no colo e saindo.

A cena seguinte foi muita rápida. Em alguns minutos Jonas saía com Megan nos braços e Pamela ao seu encalço. O carro estava ligado e pronto. Acomodara a garota no banco traseiro e cantaram pneus para o hospital. Tudo tivera que ser feito na mais possível discrição. Afinal não era todo dia que um Marra dava entrada num hospital por um soco que levava á inconsciencia. Três horas depois a loira despertava sob os olhares preocupados dos pais.

Megan - What the hell? O que eu estou fazendo aqui?

Pamela - Sweetie, finalmente acordou! Estava tão aflita! Você está no hospital. Se lembra de alguma coisa?

Megan - Maybe... Algo como Danilo entrar na sala e tentar bater em Davi. Fiquei desesperada, mom, quando vi já estava na frente dele. E depois disso não me lembro de mais nada.

Jonas - Megan, sabe que o que fez foi errado? Beijar o Davi. Sim, já sei de tudo. Ele fez questão de me explicar. E está se sentindo culpado.

Megan - Really? My eye está latejando e tudo que você se preocupa é que beijei o Davi? Devia tomar uma providencia, por que Danilo tentou atacar um participante do reality e eu é que me feri.

Pamela - Ela está coberta de razão, baby. Danilo agiu muito mal. O beijo foi só um deslize de Megan. Davi não teve culpa alguma.

Jonas - Conversaremos sobre isso mais tarde. Agora diga, como está se sentindo realmente?

Megan - I feel like a bus had run over me! I think love really hurts!

Pamela - Daughter, ama tanto esse garoto ao ponto de se ferir no lugar dele?

Megan - I love he, mom! I know that! Amo o Davi!

Jonas - Megan, você não pode ameaçar sua integridade física por uma paixão, ou amor. Precisa estar bem para querer o bem da outra pessoa.

Megan - Say dady, não faria o mesmo for mom?

Jonas - Sem exitar! Mas nós somos casados, nos amamos. Você não pode enfrentar essas situações se é a única a lutar por esse amor.

Megan - Ele gosta de mim, eu sei que sim. Só está precisando de um empurrãozinho para saber disso.

Pamela - Querida, por favor não se engane. Isso só vai te fazer mal.

Megan - He likes me, i know! - Virou-se para o outro lado, evitando falar mais com os pais. Os dois saíram do quarto.

Pamela - Espero realmente que Davi corresponda a essa paixão logo, ou não sei o que será de Megan.

Jonas - Pam, preciso voltar para Marra e decidir o que será feito com Danilo. Tentativa de agressão á um concorrente e agressão á Megan. Vou eliminá-lo do reality.

Pamela - Faz muito bem, Jonas. Ele só tem nos criado problemas na imprensa e agora isso.

Jonas - Leve Megan para casa, encontro vocês lá em algumas horas.

Pamela - Ok. - O marido se foi.



Notas finais do capítulo

Deixem reviews!



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "If not us, who? If not now, when?" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.