Conversão - in review escrita por Angel Carol Platt Cullen


Capítulo 7
Capítulo VII


Notas iniciais do capítulo

2 anos depois



Esme se foi, já faz dois anos aproximadamente. Não sei se ela vai voltar e cumprir sua promessa de me mudar. Dentro de mim mantenho uma chama que se reacende ao pensar nela. Imagine se eu a encontrasse de novo.

Não consigo parar de pensar neles. Como será que estão? Será que eles estão bem? São indestrutíveis, mas peço a Deus que os proteja mesmo assim. Será que se lembram de mim? Em tudo que eu olho ao meu redor o rosto dela/e está. Cada dez coisas que eu falo, onze é meu pensamento neles. Sempre penso o que eles pensariam de mim em tal situação, se eles se orgulhariam de mim.

Agora estudo de manhã e um pouco mais longe de casa, estou no 2º ano do ensino médio. Ainda não sei o que vou fazer, nem em qual faculdade/universidade, nem para qual curso eu vou prestar vestibular. Tenho 15 anos de idade.

Estou morando na casa de meu avô em outra cidade para cuidar dele. Estudo em uma cidade, onde morava com minha família, e agora moro em outra cidade com meu avô.

E agora que ela se foi quem vai me ajudar a manter minha sanidade e minha auto-estima se meu pai sempre me põe para baixo? Ela era meu sustentáculo, minha conexão com a sanidade. Por mais louco que isso possa parecer, com ela eu sabia que não era o ‘normal’ o que eu estava vivendo. Assim como quando ela me contou que era assim também no seu primeiro casamento.

As vezes você vive tanto uma realidade distorcida que acaba acreditando que é assim e tem de ser assim porque sempre foi assim. Mas não precisa ser. Eu sei que o que eu vivo não é normal. Não é assim em todas as famílias nem em todas as casas. Essas relações que aqui em casa são complicadas em outras são fáceis, naturais. Não precisam fingir que são para os outros uma coisa que eles não são. Não precisam fingir ser felizes quando apanham quase todo dia. Me sinto cansada, com raiva –às vezes de tão nervosa, revoltada com a situação é como se eu me tornasse um animal, e uma fera ferida fica arisca-, fico confusa. Estou cansada disso... quero que acabe.

Quero que Esme volte logo. Choro chamando seu nome mas ela não vem. será que ela pode me ouvir? Será que ela sabe tudo o que está acontecendo comigo? E se ela sabe porque não vem me salvar?



Notas finais do capítulo

Trilha sonora: Love of my life e I want to break free, Queen e Set me Free, House Bouevard ft. Samara, Missing, Evanescence e Save Me, Remy Zero.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Conversão - in review" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.