Our feelings; Our Thoughts! escrita por Bibelo


Capítulo 8
#10 Beijo no luar


Notas iniciais do capítulo

Ta aqui mais um. É, eu perdi o dia nove, mas eu não sabia como passar pro papel, então minhas sinceras desculpas.

Finalmente estamos progredindo com o casal. Espero que gostem do capítulo.

Obrigada aos comentários. Realmente gostei de ler todos. Ainda não respondi, mas não se preocupem, irei fazê-los agora.

Boa leitura a todos



Capítulo 9 - Beijo no luar

by: hitsugaya
Hoje a noite não tem luar

Aquele sonho foi estranho. Acho que foi a primeira vez que sonhei com a Hinamori. Foi tão... quente!

Uma linda praia, um sol iluminando pelo céu límpido, ondas se quebrando e ela incrivelmente bela e serena. Não acreditei que ela pudesse ficar tão linda; rosto iluminado e radiante; igualmente o verão do sonho.

Estávamos sozinhos. Sem Matsumoto ou Hirako tentando alguma coisa para me irritar — sendo que muitas envolvem Hinamori. Não sou tolo a ponto de não saber de suas intenções, mas sou sensato o suficiente para ignorá-las.

E, naquele momento, eu me senti diferente; mais animado e calmo — ainda que nervoso, se é que é possível —, por simplesmente estar ali. Sem papeladas, sem gritarias, preocupações. Somente eu e ela.

Já faz um tempo que tenho deixado de pensar em Hinamori somente como uma irmã a qual devo proteger, e esse sonho só servil para atiçar ainda mais meus pensamentos em relação à ela.

Naquele sonho ela ria como sempre fez. De modo tão aberto e belo. Deitada na areia da praia de olhos fechados pronta para tomar um belo banho de sol. Eu simplesmente não evitei de olhá-la.

Quando mesmo que Hinamori ficou tão bela?

Logo mais tarde acabou anoitecendo e fomo caminhar, e foi exatamente esse momento, com a lua no alto e estrelas salpicando o céu que eu fiz o que tenho vontade a um tempo: beijá-la. Mesmo por ser um sonho, foi incrível.

Obviamente eu acordei nesse momento, e não nego ter ficado deveras, excitado, mas não consigo mais me repreender por causa disso. Não mais, eu simplesmente amo ela. E isso não vai mudar tão cedo, e não vou deixar de amá-la depois de tanto tempo juntos.

O sonho só me distraiu no trabalho. A cada segundo me lembrava de seu beijo. Não tive concentração suficiente para gritar com Matsumoto que dormia no sofá da sala, ou me preocupar com a imensa pilha de papéis para assinar que me propus para o quinto esquadrão.

Consegui, ao menos, terminar a papelada do Hirako que estava incrivelmente despreocupado com ela, sendo Hinamori a me pedir auxilio. Acredito realmente que eles esteja forçando-a demais. É muito trabalho para sua tenente — ou talvez eu tenha me acostumado a ver minha tenente com bem menos trabalho que os outros.

Resolvi levar os papéis até o quinto esquadrão. Assinados e arrumados.

Pensei em chamar Matsumoto para me ajudar, mas eu teria bem mais trabalho para convencê-la a levar a papelada do que eu mesmo o fazer — sem contar nas chances dela simplesmente desaparecer de minha vista no meio do caminho.

Entrei no esquadrão sendo recebido pelo terceiro oficial. Fiquei aliviado por não ver Hinamori. Provavelmente não saberia ter uma reação descente perto dela a não ser o pensamento do sonho novamente me invadir.

Apressei-me para sair:

— Shiro-chan! — Tentei, na verdade.

Simplesmente me virei tentando não parecer tão suspeito.

— Hitsugaya Taichou. — adverti com leve divertimento.

— Isso não vem ao caso. — Quantas vezes já não ouvi isso?: — Conseguiu terminar a papelada? — perguntou-me curiosa. Aquiesci.

— Sim. Já está entregue. — avisei pronto para me retirar.

— Desculpe abusar de você. Mas estava com muito papel acumulado. — comentou envergonhada. Não evitei de suspirar.

— Não tem problema.

— Obrigada. — agradeceu com um lindo sorriso que me fez virar o rosto assim que senti o sangue subir para minhas bochechas.

Inspirei fundo antes de me virar e puxá-la para um álibi. Para aquele beijo. Não sei qual sua reação, nem mesmo o que disse depois, somente precisava disso e precisava saber.

Gosto de pêssego.



Notas finais do capítulo

Gostaram do beijo?? euheuehu Eu surtei escrevendo *O*

Bom, é isso amores. Até amanhã, se Deus quiser :3

Beijos e mordidas