Razão ou Machismo? escrita por Camila-chan


Capítulo 1
Capítulo 1 - Um Sonho


Notas iniciais do capítulo

Esse Capitulo se tornou mais baka com a sua ajuda pessoa Priscil!! XDD
então mesmo você já o tento lido espero que ainda de umas risadas ao ver isso!! XDD
e bom como você não quiz me ajudar com o resto da historia não coloquei tu como co-autora... Feliz niver pessoa!!! o/

DESEJEM FELICIDADES PARA PESSOA PRISCILA!!! Ò.Ó
http://fanfiction.nyah.com.br/prikai
uashuahsuhausha...
e Felicidades atrasada para a pessoa Ana Paula!! ;p
tudo bem que ela tem mais fãs do que par de sapatos... XD
http://fanfiction.nyah.com.br/angels-shadows


Boa leitura



 

Capitulo 1 – Um Sonho...

 

            - Sakura!! Eu já disse! – respondeu um homem de cabelos negros com sua voz grave e irritada nesse momento – Você não vai!!

            - Por que não?? – disse uma mulher de pé a sua frente – Eu não consigo entender você. Sasuke-kun desde que nos casamos há cinco meses você nunca me deixa sair em nenhuma missão!!

            - Eu já disse que você não vai, Sakura!! – rebateu ele de novo

            - Mas a Tsunade disse que seriamos nos três de novo, isso dificilmente acontece. Será como antes. – disse Sakura tentando convencer Sasuke

            - Não! – disse Sasuke já com o limite da sua paciência indo para o espaço

            - Tsunade não iria aceitar isso! – disse Sakura com um sorriso vitorioso – ela dirá que devo ir!!

            - Vejamos... – disse Sasuke ainda sentado em sua poltrona na grande sala – creio que você mesmo assim não ira na missão!! Só se for por cima do meu cadáver!!

            - Veremos então!! – disse Sakura desafiadora e dando as costas para Sasuke saiu batendo o pé como uma criança birrenta

            Sasuke observou ela sair brava e não conteve um sorriso tímido de surgir por entre seus lábios, o Uchiha se perguntava todos os dias desde que Sakura aceitara se casar com ele a um ano atrás, o quanto tinha sorte por ter-la ali.

            Após um tempo pensando em sua “grande sorte” como ele dizia em seus pensamentos, ouviu passos rápidos vindo em direção a onde estava e então uma voz que mais parecia o canto do mais belo pássaro soou pela sala.

            - Vamos? – perguntou ela com um tom de vitoria na voz – Tsunade nos espera!

            - Claro! – respondeu Sasuke se levantando graciosamente sem pressa alguma

            Sasuke e Sakura saíram da mais nova casa do distrito Uchiha que fora construída especialmente para eles, pelo próprio Uchiha e é claro com a ajuda desastrada do melhor amigo deles, Naruto.

            Sakura já se preparava para correr ao passar pela porta e ir pulando de telhado em telhado pela vila quando sentiu uma mão segurar a sua.

            - O que foi? – perguntou ela assustada, mesmo que estivesse brava com ele não conseguia simplesmente ignorá-lo

            - Vamos andando! – disse Sasuke calmo – ainda falta bastante tempo do combinado.

            - Ahh... Eu não sei... – disse Sakura olhando-o com uma cara de poucos amigos – Não estou com paciência para encarar esse pessoal nos olhando com desdém.

            - Não se preocupe! – disse Sasuke começando a andar puxando Sakura pela mão

            Os dois atravessaram os portões do distrito Uchiha e começaram a andar em direção a sala da Hokage, Sasuke percebeu que Sakura estava inquieta ao seu lado olhando ao redor de todo o lugar por onde passavam, mas decidiu não falar nada.

            - Tem certeza que temos que ir andando? – perguntou Sakura ainda olhando para os lados por onde passavam – Eu não me importo de esperar Tsunade na porta da sala dela!

            - Sakura? – disse Sasuke calmo olhando-a – Temos que enfrentar isso!! Se não será assim para sempre!!

            - Como você consegue manter a calma assim? Com todos nos olhando e falando de nós? – perguntou Sakura desviando o olhar pela primeira vez das pessoas que os olhavam para ele

            - É só ignorar!! – disse o Uchiha e colocando a outra mão na bochecha dela puxou a e depositou-lhe um suave beijo em sua testa que fez Sakura sorrir

            - Eu vou tentar!! – disse Sakura olhando ele voltar a andar do seu lado

            - Que dia é o casamento do Naruto? – perguntou Sasuke ao perceber que ela já estava quase se descabelando de novo

            - Oh... finalmente ele e a Hinata marcaram a data!! – disse Sakura sorrindo para Sasuke – daqui dois meses!! E você sabe né? Seremos os padrinhos!! – os olhos de Sakura estavam brilhando enquanto falava do casamento dos amigos – Então temos que comprar um bom presente para eles!! Já estava pensando em ver o que eles vão precisar e já dar logo, né?? – perguntou Sakura olhando Sasuke mais antes que ele respondesse a mesma continuou – O casamento vai ser lindo! Lindo mesmo!! Eu e Hinata já estamos planejando tudo...

            Sakura foi o caminho inteiro falando sobre decoração, bolo e vestido de noiva enquanto Sasuke somente ouvia notando que ela se esqueceu totalmente de onde estava e de que minutos atrás estava constrangida por todos estarem encarando a eles dois.

            - Nossa!! Já chegamos?? – perguntou Sakura olhando as portas de entrada do prédio

            - Sim! – disse Sasuke sorrindo de canto para ela então questionou – Foi tão ruim assim vir andando?

            - Não! – disse ela olhando-o com um sorriso enorme

            - Ótimo! Vamos subir? – Perguntou Sasuke e ela concordou com a cabeça

            Os dois subiram as escadas ainda de mãos dadas e encontraram um loiro impaciente sentado no chão em frente a uma porta, este quando ouviu o barulho de passos em sua direção se levantou e logo começou a falar.

            - Teme!! Finalmente eheim?? – gritou Naruto e depois seus olhos desviram-se para Sakura – O que a Sakura-chan esta fazendo aqui??

            - Como assim o que estou fazendo aqui? – perguntou Sakura olhando Naruto de esquerda – Tsunade chamou nos três!

            - Não! – disse Naruto negando com o dedo indicador – Tsunade chamou a mim e ao Teme!!

            - Não Tsundade chamou nos três!! – insistiu Sakura

            - Não!! Não!! – disse Naruto negando de novo com o dedo

            - Se você balançar esse dedo para mim mais uma vez eu vou quebrar ele no meio!!! – disse Sakura irritada

            - Você não disse para ela Teme??? – perguntou Naruto gritando agora se virando para Sasuke

            - Ela não me ouviu!! – disse Sasuke colocando as mãos dentro do bolso da calça

            - NARUTO!!!! – gritou Sakura brava partindo para cima dele – O que vocês estão aprontando??

            - Na-nada!! Sakura-chan... – disse Naruto abanando as mão na sua própria frente

            - O que esta havendo aqui?? – perguntou uma mulher loira abrindo a porta onde Naruto estava sentando em frente antes

            Depois de conseguirem acalmar Sakura, aliais isso só aconteceu depois de Naruto levar dois socos no rosto, os três entraram na sala da mulher se colocando um ao lado do outro em frente a mesa dela.

            - Vamos Tsunade-sama!! – começou Sakura se apoiando na mesa da mulher – Diga a eles que a missão é para nos três!!

            - Sasuke? – chamou Tsunade – Você não disse a ela que a missão será só você e o Naruto?

            - O QUE???? – gritou Sakura que começou a ficar vermelha de raiva

            - Sasuke contenha sua esposa!! – disse Tsunade olhando o moreno com as mãos no bolso

            - Mas Tsunade... – começou Sakura ignorando a fala de Tsunade – Eu não participo de missões a 6 meses!!

            - Você não conta nada a Sakura?? – perguntou Tsunade irritada olhando Sasuke

            - Ela não me ouviu!! – disse Sasuke olhando aquela cena

            - Sakura!! – chamou Tsunade – eu e Sasuke conversamos ontem e decidimos que você não saíra mais em missões e que trabalhara no hospital duas vezes por semana durante meio período e em dias que tivemos muitas emergências!! Entendido?

            Sakura não respondeu ela foi escorregando ate chegar ao chão e ficar sentada nele de cabeça baixa, ela não queria responder, não queria que fosse desse jeito.

            - Preciso ter uma conversa dessas com Tsunade também!! – sussurrou Naruto pensativo para Sasuke – Também não quero que a Hinata saia em missões!!

            - mas.... – começou Sakura ainda de cabeça baixa – eu quero sair em missões!!...

            - Entendido Sakura? – perguntou Tsunade de novo

            - ma-mais.... – começou Sakura de novo

            - Entendido? – perguntou Tsunade insistente

            - Sim!! – disse Sakura num sussurro

            - Otimo!! – disse Tsunade e se virando para Sasuke continuou – é melhor que você tenha razão!!

            - E eu tenho!! – disse Sasuke com um sorriso de canto

            - Diga logo qual é a missão vovózona!! – disse Naruto irritado

            - NARUTO??? – disse Tsunade irritada – se me chamar de vovozona de novo...

            - Desculpe!! Desculpe!! – disse Naruto se curvando em quanto coçava a cabeça com um sorriso tonto no rosto

            - Certo!! – disse Tsunade direcionando o olhar para Sasuke e Naruto – Irei explicar a missão de vocês!!

            Tsunade explicou toda a missão e deixou muito claro que de que era secreta e perigosa e assim conseguiu deixar Sakura muito preocupada, fazendo-a se esquecer da raiva por não participar mais de missões.

            Sasuke e Sakura caminhavam pela rua de Konoha já iluminada pelas luzes dos estabelecimentos e postes, haviam se despedido de Naruto a pouco tempo e agora caminhavam lado a lado em total silencio, nenhum deles se atrevia a cortar o silencio, estavam perdidos em seus próprios pensamentos.

            O barulho de pessoas falando e rindo alto começou a diminuir então Sakura percebeu que estava próximo do bairro Uchiha e decidir iniciar uma conversa com o seu Uchiha.

            - Sasuke-kun? – chamou ela virando o rosto para ele enquanto andava

            - uhu? – perguntou ele olhando para frente com as mãos no bolso

            - Você tem certeza que só vocês dois tão conta dessa missão? – perguntou Sakura olhando os próprios pés se moverem

            - Sakura não vamos começar essa discussão de novo. – disse Sasuke fazendo uma careta – Você não vai a essa missão!

            - Não é isso que eu quis dizer... – respondeu Sakura já podendo avistar sua nova casa no meio dos destroços do distrito

            - Como? – perguntou Sasuke olhando-a pelo canto do olho sem entender

            - É uma missão muito perigosa!! – disse Sakura – será que não deviria ter um grupo maior?

            - Precisamos ser discretos Sakura!! – responde Sasuke – Se viessem mais pessoas conosco seria muito suspeito!!

            - Mas é muito perigoso!! – disse Sakura parando na frente da escada da varanda de sua casa

            - Não se preocupe!! – disse Sasuke e passando direto por ela abriu a porta

            - Eu... – disse Sakura subindo as escadas lentamente – Não consigo deixar de me preocupar.

            - Não seja boba Sakura!! – disse Sasuke retirando o sapato para entrar em casa quando ouviu a porta de correr se fechar furiosamente e se virou para ver o que havia acontecido – O qu...?

            - Boba? – interrompeu Sakura com o tom de voz um terço mais elevada – Sasuke? Eu estou sendo boba por me preocupar com você?

            - Sakura? – começou Sasuke procurando entender o que ela dizia

            - Sasuke-kun?? – chamou Sakura com a voz um pouco mais baixa que o normal – Eu te amo... e é por isso que aceitei me casar com você. Não trate minha preocupação como se não fosse nada!!

            Sasuke dessa vez não abriu a boca para tentar justificar nada ficou calado talvez tivesse sido duro de mais com ela. Sakura abaixou a cabeça e sentiu que lagrimas viriam e antes que elas escorressem passou correndo por Sasuke e foi para o quarto deles.

            - Sakura? – chamou Sasuke, mas ela o ignorou – espera Sakura!!

             Era tarde para ir atrás dela Sasuke estava no meio da sala quando ouviu a batida da porta, mas mesmo assim continuou indo em direção ao quarto deles ao entrar no corredor ouviu o trancar da porta. Sasuke suspirou pesadamente e escorou a cabeça na parede e dando leves batidas com ela na parede e murmurou para si mesmo:

            - Idiota!! – e se virando para a porta de vidro que ficava entre o corredor e a sala viu seu próprio reflexo e se decepcionou com a imagem que viu, era alguém sem expressão nenhum, alguém que parecia não ter sentimentos, “decepcionante!”, pensou ele.

            Bufando Sasuke caminhou ate a sala e se jogando em sua poltrona se pôs a pensar se um dia voltaria a conseguir mostrar seus verdadeiros sentimentos, se suas expressões seriam capazes de mostrar os seus sentimentos, ele não sabia como Sakura conseguia sorrir perto de uma pessoa que só demonstrava um sentimento quando pressionava a si mesmo para isso.

            Ele só conseguiu chegar de novo a mesma conclusão de antes, ele tinha muita sorte, mas estava jogando fora pela capa que criara a sua volta. Para ele a sua “grande sorte” estava andando na corda bamba.

            Já era tarde da noite quando Sakura percebeu que continuar sozinha naquele quarto olhando fotos de um passado que jamais voltaria não resolveriam seus problemas, que estúpida foi ao achar que sem Sasuke por perto seria melhor dormir aquela noite, aquele lugar ao seu lado não podia ficar vazio por causa de algo sem motivo como aquela discussão ridícula, devia saber que ele agiria assim. Ela era esposa dele e devia entende-lhe se ainda quisesse viver para o resto de sua vida com ele.

            Ela abriu a porta devagar sem encontrar nada depois dela e caminhando vagarosamente foi ate a sala que ainda tinha a luz acesa ao se aproximar dos sofás viu Sasuke dormindo na sua poltrona silenciosamente, acendendo o abajur Sakura apagou a luz e voltou para o quarto e ao pegar uma coberta voltou para sala encontrando seu marido do mesmo jeito que o deixara.

            Ela o cobriu com carinho e deitou-se de lado no sofá, de um modo que pudesse ficar olhando-o enquanto pensava sobre a missão que ele e Naruto fariam, mas Sakura não conseguiu se acalmar, não que duvidasse da capacidade do seu marido ou do seu melhor amigo, mas algo lhe dizia que só se sentiria melhor se ele a ouvisse e pedisse para Tsunade que mais alguém os acompanhasse, ela adormeceu com esse desejo quando o sol já estava quase surgindo.

            Pouco tempo se passara desde que Sakura adormecera e Sasuke começou a abrir os olhos, ao vasculhar o local encontrou Sakura dormindo no sofá, ele notou também que estava coberto e antes que pudesse conter seu coração sentiu ele se aquecer por tanto carinho que aquela mulher depositava nele a todo momento.

            O Uchiha pegou a coberta e se aproximando de Sakura a cobriu notando que ela se mexeu um pouco mais não acordou ele retirou os cabelos do rosto dela e sorriu ao ver que ela sorria com a carícia também. Sasuke a pegou no colo com cuidado e levou-a para o quarto deles chegando lá encontrou a cama arrumada e a colocou sobre essa com cuidado novamente para não acordá-la.

            Ele fechou a cortina e velou o sono dela por um momento ate que decidiu ir tomar um banho e também porque precisava pensar um pouco, mesmo sem querer admitir Sakura tinha razão se infiltrar numa organização que rouba documentos secretos não seria fácil, mas ele não queria ter que falar com Tsunade, era orgulhoso de mais para isso.

            Sasuke estava no chuveiro tomando seu banho pensando, enquanto Sakura estava deitada na cama, quando de repente acordou assustada se sentando rapidamente na cama, mas não que estivesse tendo um pesadelo, na realidade o sonho era tão bom e ao mesmo tempo tão assustador, que chegava a ser bobo para ela pensar na paz e desespero que aquilo lhe trouxe, ela olhou para frente e viu a porta do banheiro semi-aberta sabia que era o seu marido, afinal desde que se casaram, ele não tinha mais esse tipo de pudor na frente dela.

            Sorriu ao perceber que estava no quarto e se recostando de novo na cama ficou a pensar no seu sonho, nele mesmo com uma barriga enorme de 7 ou 8 meses ela achou que estava mais linda que nunca, usava um vestido brando com estampas de flores pequenas e delicadas enquanto andava no gramado da parte de trás da casa dela e de Sasuke.

            No sonho Sakura percebeu que já tinha uma certa idade, mas ate ai nada estava lhe assustando, ela começou a entrar em pânico quando viu Sasuke com uma criança nos braços sentado no chão enquanto haviam mais três crianças a sua volta. Um menino de mais ou menos 10 ou 11 anos, uma menina de uns 8 anos e outro menino de uns 5 anos aproximadamente.

            Sakura andava sorridente em direção a eles quando duas crianças de aparência idênticas passaram por ela correndo e uma delas tinha uma bola nas mãos, dois meninos de mais ou menos 6 anos e com cabelos negros como todos os outros sentados com Sasuke ela se ouviu dizer aos dois meninos gêmeos:

            “- Não corram crianças!! Vocês vão cair!!”

            As crianças riram alto e sorrindo alegremente param e olhando Sakura andando de vagar por causa da barriga enorme disseram em coro:

            “- SIM!!”

            Mas ao se entre olharem saíram correndo de novo rindo muito. Sakura sorriu e ao terminar de percorrer todo o caminho colocou uma cesta que carregava no chão logo ouviu Sasuke advertindo os dois meninos:

            “- Obedeçam sua mãe! Vocês poderiam ter caído a grama esta molhada! – repreendeu ele e se virando para o mais velho continuou – Yuki ajude sua mãe a se sentar!!”

            O menino disse sim e se aproximou de Sakura logo os outros também começaram a se aproximar dela dizendo:

            “- Também vou ajudar a mamãe!! ... Eu também!!”

            “- Assim vocês me derrubam!! – disse Sakura rindo”

            “- Mamãe?? – disse o meninho mais novo ao pés de Sakura – quando vou poder brincar com meu novo irmãozinho??”

             O menino tinha as mãozinhas sobre a barriga de Sakura olhava a barriga, então Sakura acordou nesse momento. Foi pensando nisso que Sakura foi despertada pela voz preocupada de Sasuke e sem perceber sua mão estava sobre sua barriga.

            - Você esta bem??

            - Sim!! – disse Sakura sorrindo, só então notou que estava molhada por suor e seu coração estava acelerado

            - Tem certeza? – perguntou ele preocupado

            - Sim!! – disse Sakura sorrindo e se sentando perguntou – Sasuke-kun?

            - uhum? – respondeu ele desconfiado, mas mesmo assim decidiu ignorar e se abaixou para abrir uma gaveta para pegar roupas limpas

            - Você já pensou em ter filhos?? – perguntou Sakura olhando-o curiosa

            A pergunta pegou Sasuke de surpresa que se levantou rapidamente batendo a cabeça na parte de cima do guarda-roupa.

            - AI!! Droga!! – disse Sasuke andando para trás com a mão na cabeça – Que pergunta é essa agora? – perguntou assustado

            - Ué?? Uma pergunta como outra qualquer!! – disse Sakura ainda esperando a resposta ansiosa

            - É claro, mas... – Sasuke se virou para ela seus olhos se arregalaram – Você... você tá grávida??

            - Não!! – disse Sakura agora assustada também – mas você já pensou em quantos teria? – perguntou ela curiosa

            - Aham?? – se assustou ele de novo se virando para ela bateu o pé na cama – AII!! Droga de novo!!!

            - Eheim?? – perguntou Sakura curiosa se aproximando dele

            - ahhh... Não sei... – disse Sasuke pensativo – nunca pensei em numero.

            - Um? Dois?... Três? Quatro? Cinco?? – começou ela tentando adivinhar ainda curiosa – Ou seriam sete, eheim??

            Sasuke se assustou de novo e engasgou com a própria saliva, ficou tossindo enquanto batia no peito com os olhos esbugalhados. Sakura estava pulando sentada na cama com uma criança fazendo birra pedindo para ele falar logo.

            - Quantos?? – insistiu ela – dez? já sei!! Quinze!! Certo?

            - QUE PERGUNTA É ESSA MULHER??? – perguntou Sasuke assustado e trombando em tudo ele se dirigiu com pressa para o banheiro fechando a porta ao entrar

            - Nossa.... ficou bravo!! – pensou Sakura falando sozinha no quarto – ou talvez esteja achando que vou me apavorar se ele disser um numero... acho que ele deve querer vinte filhos!!!

            E dando de ombros Sakura saiu do quarto indo para a cozinha fazer o café da manhã deles dois enquanto cantarolava feliz.

 



Notas finais do capítulo

Bom não tenho previsão para o proximo capitulo, mas relevem o capitulo é grande!! "
comentarios??
sim? não? >.