Highway to Hell escrita por Babs


Capítulo 3
O que você fez?


Notas iniciais do capítulo

Hey girls! i'm Back!! E dessa vez com um capitulo q vai te dar uma ENORME dica de pq o Loki qr a Kim, mas não deixem se enganar pelas aparencias viu, as coisas podem ser mtt mais complicadas do q vcs imaginam!
Bem, vcs vão entender!



Capitulo 3 – O que você fez?

Abri os olhos e novamente senti a luz me incomodar

–Mas que merda! – Reclamei colocando as mãos na frente dos olhos

–Não sabia que Midgardianos eram tão preguiçosos

Me sentei num pulo novamente e percebi que estava de volta a maca na sala da enfermaria

Sem dúvida eles tinham que parar de me drogar!

–Você tem que parar de mandar seu cachorrinho me drogar – Falei fitando Loki que estava encostado em uma parede me encarando divertido

–Ele falou que você queria falar comigo

–Isso foi antes ou depois dele me drogar? – Reclamei me levantando e acariciando minha nuca

Senti todos meus músculos doloridos, ele tinha apenas me drogado ou ele também tinha me batido?

–O que você quer? – Ele perguntou impaciente – Tenho outras coisas para resolver

–O que é o cubo e porque você quer estabilizar a emissão de energia dele? – Perguntei o olhando confusa

Loki sorriu travesso e ficou me encarando durante longos minutos como se ponderasse se ele me contava ou não seus planos

–Você ao menos sabe o que é aquele cubo? – Perguntou Loki deixando seu cetro de lado e cruzando os braços

–Não

–Uma dois joias do infinito

–Certo – Respondi fingindo que entendia o que ele tinha dito mas Loki me olhou impaciente percebendo que eu não tinha entendido

–Você sabe o que é uma joia do infinito?

–Não muito bem – Admiti franzido o cenho confuso – Sei que são sete e que tem um imenso poder, não mais que isso

–Isso é o que você precisa saber – Ele falou desencostando da parede e me olhando divertido – Midgardianos tem a mente pequena, não entenderiam

–Mas você disse que eu sou diferente

–E você é mas isso não muda sua condição de verme

–Olha aqui sua rena louca... – Me arrependi imediatamente do que tinha falado.

O sorriso de Loki desapareceu e a maldade começou a brilhar em seus olhos, em um minuto o cetro já estava em sua mão e prestes a tocar meu peito

–Você não pode me matar – Sussurrei um pouco incerta

–Não, mas posso te ensinar respeito – Senti a ponta afiada do cetro tocar em meu peito me puxando para uma escuridão

Eu já não estava mais no Bunker com Loki, eu estava em outro lugar. Eu estava no alto de uma sala oval metálica, tentei me movimentar mas não conseguia, era como um sonho e eu era a espectadora

No meio dessa sala havia um cela redonda de vidro e dentro dessa cela estava Loki com seu sorriso debochado, ele conversava algo com um negro de tapa olho

Loki estava preso, eu não sabia como mas eu apenas sabia que ele estava preso ali e quem o prendia era aquele homem do tapa olho

Eles conversavam algo, mas eu não entendia o que era. O homem se aproximou de um painel e apertou um botão.

O chão embaixo da cela de Loki se abriu mostrando apenas o céu.

Aquele lugar poderia se despregar, aquilo era uma cela feita para matar alguém realmente poderoso

–Bota – Falou o negro apontando para o painel – Formiga – Ele completou apontando para Loki e fechando o compartimento

Loki não abalou seu sorriso sarcástico mas em seus olhos eu via, ele estava com medo.

Senti meu ar faltar e abri os olhos com força

Minha respiração estava descompassada e eu vi que estava ajoelhada no chão numa poça de sangue.

O que havia acontecido?

Vi botas se aproximarem de mim e levantei os olhos percebendo que Loki me fitava confuso

–Bota, formiga – Sussurrei confusa – Você vai ser preso.

Loki ficou me fitando durante longos minutos, analisando o que eu havia dito até por fim ele sorrir

–Sabia que tinha acertado

Loki se agachou ao meu lado e me puxou pela cintura me levantando e me colocando sentada na maca, minhas pernas tremiam e eu senti um calafrio por todo o meu corpo.

Eu não entendia o que estava acontecendo, eu parecia ter entrado em colapso, em uma crise nervosa, mas eu não sabia o motivo do meu desespero

Senti algo escorrer pela minha boca e coloquei a mão sentindo um liquido grosso.

Era sangue, era dali que tinha vindo o sangue, meu nariz estava sangrando

Mas por que? Ele tinha me batido? Se ele realmente tinha me batido por que eu não sentia dor alguma?

–O que está acontecendo? – Perguntei confusa para Loki, mas ele apenas me estendeu um pano que usei para estancar o sangue – O que você fez?

–Eu não fiz nada – Ele falou com um sorriso divertido e levantando as mãos em ato de rendição – Queria ter feito, mas não fiz

–Então por que eu estou assim?

–Por que essa é a sua natureza

–Sangrar pelo nariz? – Perguntei o olhando irritada e o fazendo rir

–Efeitos colaterais

Suspirei cansada mas resolvi não discutir, ele não me daria mais respostas.

–Você vai ser preso – Falei novamente mas dessa vez o encarando séria – Será numa cela de vidro que terá uma escotilha embaixo para a desprender e a liberar em queda livre

Loki me olhou com cenho franzido e fez um sinal para eu continuar

–Um negro de tapa olho que irá prender você, ele irá te ameaçar, mas não te matará logo

–Como você sabe disso?

–Eu não sei – Admiti o olhando séria

Eu realmente não sabia o que tinha sido aquilo, eu sabia que não tinha sido no passado, de algum modo eu sabia que aquela cena ainda ia acontecer, mas por que ela tinha vindo tão de repente? Eu nem tinha desmaiado, eu não estava dormindo, então por que eu tinha sonhado com isso?

Afinal isso era um sonho certo?

–Eles brincaram com a sua cabeça – Falou Loki me olhando sério – De um modo tão sádico que nem eu faria

–Do que você está falando? – Perguntei sentindo um bolo se formar em minha garganta

Eu apenas queria deitar no chão e chorar, chorar até dormir. Tudo estava tão confuso que eu já não sabia mais o que fazer, não sabia que decisão tomar. Eu tinha perdido o controle da situação

–O que eu sou?

–Você é Loki, o Deus das travessuras – Falei como se fosse óbvio.

Loki sorriu convencido e se aproximou de mim

–E o que mais?

–Eu não sei, você é um gigante de gelo, adotado. Seu irmão é Thor, você viveu sua vida em Asgard. – Percebi Loki fazer uma careta contrariada ao contar seu passado - Você pode controlar a mente das pessoas e as dobrar a as vontade. Você adora jogos mentais e é um mentiroso

–Não sou mentiroso! – Ele falou se fingindo ofendido – As pessoas só não compreendem o real sentindo das coisas que eu falo

–É isso! – Falei o olhando surpresa – É isso que você está fazendo aqui! Você está controlando a mente dessas pessoas

–Viu, você só precisa de um empurrão, pelo menos você parece ser mais inteligente que Thor – Falou Loki como uma constatação me fazendo rir

–Você está controlando a minha mente?

–Não, senão essa conversa já teria acabado a muito tempo – Loki deu os ombros tranquilo e voltou a se encostar na parede brincando com seu cetro

–Por que eu?

–Você é superior aos outros humanos

Franzi o cenho o olhando confusa.

–Por que eu sou superior?

Loki olhou em meus olhos e senti uma pressão em minha cabeça me fazendo a agarrar com força

Era como se estivesse tentando enfiar um martelo dentro dela e martelar seu cérebro

“A resposta está aqui dentro”

Ouvi a voz de Loki ressoar

Com um piscar de olhos tudo estava diferente, não estávamos mais no quarto com a maca. Estávamos em um lugar repleto de paredes vivas e vermelhas

Eu sentia elas se mexendo mas não se aproximavam de nós, elas apenas se contraiam e relaxavam.

Onde eu estava?

“Você não tem a resposta?”

Me virei bruscamente e vi Loki caminhando em minha direção, mas dessa vez sem o cetro

O que você está fazendo?

“Não estou fazendo nada, você que está fazendo”

E o que eu estou fazendo?

“Não consegue perceber?”

Loki se encostou num grande muro de tijolos vermelhos que pareciam flutuar sobre o chão

Eu estava sobre o efeito de alguma droga ou o que?

“As vezes eu superestimo você”

Admitiu Loki revirando os olhos impaciente

“Se você não fosse tão lerda, já teria conquistado Midgard”

Qual o meu papel nisso?

“Me proteger”

E como diabos eu posso te proteger? Você é um Deus esqueceu?

“Eu nunca esqueci o que sou, mas e você?” Perguntou Loki arqueando uma sobrancelha com um sorriso de canto nos lábios

Ele realmente ficava bonito desse jeito.

“Fico é?” Perguntou Loki aumentando seu sorriso

Porra! Você ouviu isso? Que merda! Esquece, você não é bonito nada! Você é uma rena maluca!

Loki deu uma risada e logo senti tudo escurecer para depois voltarmos a enfermaria

–O que está acontecendo? – Perguntei olhando confusa para sala

Eu continuava sentada na maca na mesma posição, eu nem parecia ter saído dali, será que foi tudo alucinação?

–O que seu cachorrinho usou para me drogar? – Perguntei passando a mão na nuca para ter a certeza que não havia mais nenhuma injeção ali

–Não sei, pelo menos ele fez você ficar calada – Admitiu Loki dando os ombros

–Era só pedir para eu calar a boca

–E você calaria? – Ele perguntou arqueando a sobrancelha de novo

Desviei os olhos contendo meus pensamentos, mas ainda ouvi o som da sua risada

–Se ele me ameaçasse com o arco eu calaria

–O avisarei

Loki se desencostou da parede e pegou seu cetro caminhando em direção a porta

–Hey, onde você vai?

–Tenho coisas para resolver

–E eu?

–Pense em como fico bonito levantando uma sobrancelha – Falou Loki com um sorriso irônico enquanto fechava a porta

Eu tinha que fugir logo dali.



Notas finais do capítulo

Eu estava fazendo a contagem e percebi que essa não será uma long fic, pq qnd eu fui ver realmente não pode se fazer mtt história dos vingadores, então acho q ela não deve passar dos 20 ou 30 caps no maximo!
Ahh e não se esqueçam dos reviews! Qt mais reviews mais em breve eu volto!!
Kisses :**