You Have Me escrita por Rosé


Capítulo 14
Casados.


Notas iniciais do capítulo

Olá, meus amores. Me desculpem pela demora, meu tempo está corrido. Queria agradecer os comentários do capítulo passado, amei todos. Muito obrigada. E você que não comentou, por favor tire um tempo para me fazer feliz comentando. Todas as opiniões serão bem vindas.
E por favor, me diga: eu devo fazer mais capítulos ou terminar aqui mesmo? Por favor, me falem, amores.
Enfim, boa leitura e desculpem qualquer erro.



Sasuke poderia contar nos dedos quantas vezes se sentiu plenamente feliz assim, como hoje. O dia do seu casamento.

Uma das coisas que ele nunca pensou que teria, por ter escolhido o caminho da escuridão, da vingança. Mas aqui ele estava, aguardando no altar a unica pessoa que sempre (mesmo que inconscientemente) se importou.

Sasuke sempre pensou que nunca haveria nada para ele. Que nunca teria ninguém esperando por ele quando chegasse em casa. Que sempre seria ele contra o mundo inteiro.

Pensou que toda essa horrível vida que ele tinha levado, iria embora quando matou seu único irmão. Itachi. Mas como sempre, estava errado. Descobriu que, seu irmão, na verdade o amava.

Foi um choque enorme. Ficou revoltado. Cego pelo ódio outra vez.

Seu objetivo era vingar todos que fizeram de sua vida e da de seu irmão, um mausoléu.

Mas o fizeram mudar de decisão e por isso, mesmo que nunca o demostrasse, seria eternamente grato.

Principalmente ela, Sakura. A pessoa que mais deveria odiá-lo na face da terra, mas que nunca o fez. Ela nunca o odiou, Sasuke reconhece isso. Ele nunca pensou que sua solidão fosse ser preenchida com o amor da Sakura.

Mas ali estava ele. Parado no altar esperando a sua noiva. Suas mãos suavam, seu coração batia tão forte que poderia jurar que o Naruto - que estava ao seu lado - poderia ouvir.

Quando a macha nupcial finamente começou a tocar, Sasuke despertou de seu transe. Ele olhou para entrada e a viu, a criatura mais linda da face da terra.

Sakura entrava de braços dados com seu pai, ela sorria para ele, um sorriso tão bonito que Sasuke desejou que ela sorrisse só para ele. Sempre para ele.

Ela estava emocionada, dava para ver o modo como ela apertava os olhos verdes para as lagrimas não caírem e mancharem sua maquiagem.

Estavam todos ali. No jardim principal da família Uchiha. Era primavera. E o sol da manhã batia levemente no vestido branco de Sakura, a fazendo ficar mais reluzente do que já estava. Ela brilhava.

Parecia que ela não chegaria nunca, mas quando finalmente chegou, Sasuke a olhou nos olhos e sorriu, dando-lhe um beijo na testa. O Sr Haruno disse algo como “Cuide bem dela”, mas Sasuke não escutou direito, ele só tinha olhos para ela. Sua Sakura.

A cerimonia finalmente começou. Sakura apertava a mão de Sasuke o tempo inteiro. Ela não conseguiu segurar as lágrimas por muito tempo. Finalmente os votos começaram, era a ultima parte da cerimonia.

Sasuke iniciou os votos. Ele segurou a mão direita da Sakura e olhou no fundo dos olhos que ele mais amava, e começou, esquecendo todas as pessoas presentes e se concentrando só na Sakura.

“Eu sempre achei que nunca fosse ter o privilégio de amar alguém, que nunca fosse ter essa felicidade na minha vida. Mas eu estava errado, felizmente. Você é tudo o que estava faltando na minha vida, e eu espero sinceramente te fazer feliz do mesmo jeito que você me faz”.

Nessa altura, Sakura estava fazendo de tudo para conseguir se recompor e falar seus votos, mas estava ridiculamente difícil

Sasuke colocou a aliança no seu dedo anelar da mão direita e beijou logo em seguida.

Depois de meio minuto, Sakura respirou fundo e sorriu para ele, ergueu sua mão e a colocou em cima da bochecha esquerda de Sasuke; antes de começar seus votos, ela sussurrou um ''Eu te amo''. Suas pernas estavam bambas, seu coração estava tão repleto de uma felicidade da qual não sabia que poderia existir.

“Eu me apaixonei por você quando tinha 6 anos de idade, e olha que não sabia nem o que era estar apaixonada. Eu só queria estar ali, te fazendo sorrir sempre. E ainda quero. Muito obrigada por me dar esse presente, muito obrigada por me deixar amar você e muito obrigada… Pela vida que eu nunca imaginei que ia ter um dia, pelo amor que eu nunca imaginei que fosse capaz de sentir…”

Sakura fez o mesmo ritual com as alianças.

Sem esperar o anuncio do Padre, Sakura enlaçou o pescoço de Sasuke e o beijou. Eles não demoraram para aprofundar o beijo. Estavam tão inertes nos lábios um do outro que só pararam de se beijar quando ouviram o Naruto praticamente gritando ''Calma, esperem a lua de mel.''

As bochechas da mais nova Sr Uchiha ficaram incrivelmente vermelhas, e Sasuke olhou com uma carranca para o seu melhor amigo que sorria. Naruto estava segurando a mão da Hinata, ela segurava o riso e ao mesmo tempo pedia para o namorado parar com o escândalo.

“Muito engraçado, Naruto. Eu vou fazer a mesma coisa no seu casamento. Isso, se a Hinata aceitar casar com um idiota como você.” Sasuke disse com deboche. Agora sim, era a vez de Naruto ficar quieto, e vermelho igual a uma pimenta.

Todas pessoas presentes riram da situação. Com certeza, a amizade daqueles dois não mudaria nunca.

Finalmente depois de séculos de festa, e de tortura para o Sasuke — que nunca se acostumaria a falar com tantas pessoas — eles finalmente ficaram sozinhos.

Sasuke e Sakura eram oficialmente: Sr e Sra Uchiha.

Finalmente casados.



Notas finais do capítulo

Enfim, foi isso. Foi o máximo que consegui fazer nas minhas condições. Confesso que queria poder fazer melhor para vocês. Espero que ao menos, tenham gostado.
E por favor, comentem. Okay? Okay.
Mil beijos. Amo vocês.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "You Have Me" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.