Nosso Cupido Particular escrita por lininhaaa


Capítulo 6
Capítulo VI




 

    *~*~*~*~*~*~*~*

Por sorte, os dias passaram voando, tanto para Sakura quanto para Sasuke.

Sasuke afundou-se no trabalho, passando praticamente o dia inteiro no escritório. Além de tentar esquecê-la, precisava resolver um enorme problema: o escritório de advocacia tinha sido invadido. Por sorte, o possível ladrão ou invasor não tinha levado nada... O que realmente era estranho!

- Você não está prestando atenção em uma palavra do que eu estou dizendo, Sasuke! – Gritou Naruto.

Só agora Sasuke tinha caído em si que estava em uma reunião. Viu a sua frente Naruto e Karin o olhando desconfiados.

- Hãn?! – perguntou com a mão no queixo. Realmente, não tinha escutado absolutamente nada que o amigo disse. – Desculpe... O quê você dizia?!

Naruto revirou os olhos.

- Perguntei se você também não acha estranho arrombarem o escritório e não levarem nada...

- Concordo que é bem estranho... Mas temos que ver isso como uma coisa positiva!

Karin, que até agora não tinha falado sequer uma palavra, finalmente se pronunciou:

- Isso não está me cheirando bem...

- Talvez seja você... – Naruto talvez tenha pensado alto demais.

Karin automaticamente virou-se para Naruto.

- O que disse, Naruto? Acha que não ouvi o que acabou de dizer?! – perguntou irritada. – Voc...

- Chega! – Gritou Sasuke, interrompendo-a. – Quero falar a sós com Naruto, Karin! Vá fazer alguma coisa...

A ruiva saiu da sala e bateu a porta atrás de si com força. Nunca havia sido humilhada dessa maneira e o mais revoltante, era que Sasuke não falara nada sobre o comentário maldoso de Naruto.

Ambos esperaram Karin sair da sala para voltarem a conversar, só que dessa vez, sobre um assunto diferente.

- Você a viu?! – murmurou Sasuke.

- Não... – respondeu o loiro enquanto ajeitava-se na cadeira. – Mas Hinata me disse que ela anda triste! Tentou falar com ela, Sasuke?

Sasuke apenas negou com um gesto de cabeça. A última vez  que tentaram conversar, Sakura estava fria como uma pedra de gelo.

    *~*~*~*~*~*~*~*

Sasuke não era o único que usou o trabalho para fugir de seus problemas...

Sakura sentia-se cansada e fraca. Andava trabalhando dobrado, apenas para poder manter sua cabeça ocupada e esquecer um pouco sobre o assunto que lhe perturbava: Sasuke.

Por mais que negasse, sabia que Sasuke lhe fazia falta. Seus beijos, sua voz, sua presença... Ele fazia muita falta!

Assim como ela, Hiro também sentia falta do pai. Andava cabisbaixo pelos cantos da casa e parecia que o brilho dos seus olhos esmeraldas também havia sumido. Além de tudo isso, não recebia a mesma atenção por parte de Sakura. Sempre que chegava, a rosada mal dava atenção ao filho. Apenas arrumava o jantar somente para ele, já que ela mal tocava na comida.

Aquela situação estava insustentável para todos, inclusive para o pequeno Hiro.

*~*~*~*~*~*~*~*

Karin estava em sua sala trincando os dentes devido às palavras de Sasuke.

- Ele ainda pensa nela... – murmurou para si mesma. – Aquela... – foi interrompida pelo barulho do seu celular tocando.

Viu o nome do seu “ajudante” no visor e revirou os olhos. Já tinha conseguido o que queria, e agora, não lhe interessava mais nada vindo por parte do rapaz.

- O que você quer?! – atendeu ríspidamente. – Tudo bem... Nos encontraremos aqui na minha sala na hora do almoço...  – Karin fechou seu celular e o bateu com força na mesa. – O que esse cara quer agora?!

*~*~*~*~*~*~*~*

- Seu bebê está ótimo, Hina-chan... – comentou Sakura enquanto limpava o cabeçote o ultra- som.

Apesar de seus problemas, Sakura estava feliz pela amiga. Naruto e Hinata sempre desejaram ter um filho e finalmente, realizaram esse sonho.

Segundo Hinata, Naruto estava radiante com a notícia e já tinha espalhado para todos sobre o novo membro da família Uzumaki.

- Obrigada, Sakura-chan... – disse a morena levantando-se. – Saiba que para mim é uma honra ter você como médica do meu bebê.

Em resposta, Sakura sorriu. Agradeceu à Hinata não só pela confiança, mas também pelo apoio dado por todos esses dias difíceis que estava passando.

***

- Você parece cansada, Sakura-chan... – comentou a amiga já vestida. – Tem certeza que você está bem?!

Por mais natural que tentasse parecer, a expressão de Sakura não negava o quanto estava sofrendo.

-  Acho que ando trabalhando demais, Hinata! Mas é o único jeito de me distrair...

- Você precisa se cuidar, Sakura! – repreendeu a amiga. – Hiro precisa de você...

- E-eu sei...

- Na minha opinião, você deveria conversar com ele, Sakura-chan... ele está sofrendo tanto quanto você!

- Ainda estou muito magoada com tudo isso, Hinata! Preciso de um tempo para esfriar a cabeça e me recuperar de tudo isso...

Hinata pegou a mão da amiga e fez uma carícia leve.

- Você sabe que qualquer coisa, poderá me ligar... a qualquer hora, está bem?!

- Sim... – sorriu. – Obrigada...

*~*~*~*~*~*~*~*

O escritório de Sasuke estava vazio, assim como todas as outras salas, exceto pela sala de Karin. Como na hora combinada, Karin aguardava seu “amigo”, sentada na cadeira.

- Posso entrar?! – murmurou o rapaz encostado no batente da porta.

Karin desviou seus olhos para o rapaz muito bem arrumado parado de frente a ela.

- Claro... – murmurou. – O que você deseja?!

- Vim apenas garantir que conseguiu o que queria, Karin!

A ruiva sorriu de forma sínica.

- Sim! Consegui... Agora, vou para a segunda parte do meu plano!

O rapaz aproximou-se mais e com um sorriso “sincero” e perguntou:

- Tem mais?!

- Mas é óbvio que sim! – exclamou irritada. – O Sasuke me desprezou por anos, Sai! Agora vou arruiná-lo e ele pagará por não ter me escolhido... – Karin cerrou os punhos. – Preferiu aquela rosinha sem graça ao invés de me escolher!

Ambos ficaram em silêncio, até que Karin pronunciou-se.

- Era isso?!

- Bom, acho que era só isso, sim! Até logo, Karin!

*~*~*~*~*~*~*~*

- Senhora Uchiha, gostaria de falar com você! – disse uma senhora. – Lembra-se de mim?!

A rosada sorriu.

- Claro que sim! Se não me falha a memória, a senhora é a professora de Hiro, não é?!

- Exato! Poderíamos conversar antes de Hiro ir para casa? – a senhora viu Sakura assentir e deu passagem para que a rosada entrasse numa pequena sala.

Ambas se sentaram e Sakura fitou a senhora a sua frente.

- Aconteceu alguma coisa?!

- Na verdade não, senhora Uchiha... – murmurou a mulher. – Mas percebi que Hiro anda um pouco triste e seu rendimento anda caindo. Gostaria de saber se está acontecendo alguma coisa...

- Sim! Meu marido e eu nos separamos e acho que Hiro está sofrendo muito com isso, senhora Yako...

A professora de Hiro não pôde deixar de notar a face sofrida da rosada e concluiu que o menino não era o único que estava sofrendo.

- Não se preocupe... – disse ela pegando na mão de Sakura. – Tudo vai se resolver! – finalizou sorrindo. – Hiro é um ótimo menino... Educado, esforçado, inteligente... Apenas quis conversar com a senhora porque tenho um carinho especial por ele!

- Obrigada! – comentou a rosada levantando-se. – Mais uma vez, obrigada por se preocupar!

Andou a passos rápidos pelo corredor da escola e mais a frente pôde avistar a cópia escrita de Sasuke sentado num dos bancos, esperando-a. Realmente, suas feições estavam mais tristes que o normal.

Como sempre fazia o abraçou e ambos caminharam juntos até o carro, onde Sakura o acomodou no banco detrás e entrou no lugar do motorista.

- Como foi na escola, Hiro-kun?! – perguntou ela enquanto dirigia. – Foi tudo bem?

- Sim...

- Aconteceu alguma coisa? – dessa vez, Sakura olhou pelo retrovisor e o viu torcer um pouco a expressão.

- Não...

- Tem certeza!?

Tudo o que Sakura ouviu foi um quase inaudível “Uhum...” vindo por parte do menino. Mesmo preocupada, decidiu não prosseguir o assunto... Confiava em Hiro e sabia que quando ele quisesse lhe dizer alguma coisa, diria...

*~*~*~*~*~*~*~*

Sai saiu do escritório de Sasuke com um sorriso vencedor. Karin caiu perfeitamente no seu plano, e assim como ela, ele se vingaria pelo desprezo que sofreu durante tanto tempo.

Karin e Sai namoraram por 6 anos e chegaram até mesmo a ficarem noivos. Ela havia feito a faculdade de direito às custas do dinheiro dele, e assim que se formou, o desprezou.

Sabia que o grande culpado era ele mesmo.

Sabia do amor platônico que a ruiva sentia pelo Uchiha, mas enganou-se ao achar que ela havia o esquecido e se entregado de corpo e alma ao relacionamento duradouro.

Sasuke era seu melhor amigo, acompanhado de Naruto, claro! Juntos formavam um trio irresistível: bonitos, simpáticos e... advogados! Cada um com suas respectivas namoradas: Sakura, Hinata e Karin.

Pena que uma briga os separou. Uma briga que até hoje, nenhum dos três rapazes soube exatamente como começou... Uma discussão tola que levou Sasuke e Sai à delegacia por tumultuar um barzinho.

Depois do desentendimento, Sasuke e Naruto continuaram juntos e Sai isolou-se e entrou de corpo e alma no relacionamento com Karin, que mais tarde também acabou.

Com a faculdade, o namoro e os laços de amizade acabados, Sai viajou para o exterior e fez com que sua carreira decolasse. Mantinha contato apenas com Naruto que era o menos rancoroso e orgulhoso dos três “mosqueteiros”.

Sabia de tudo o que aconteceu durante sua viagem: o casamento dele com Hinata, de Sasuke com Sakura e, mais posteriormente, o nascimento do herdeiro dos Uchihas e, infelizmente, as investidas de Karin em Sasuke.

Assim como ele, Sasuke também era uma vítima. Tanto ele quanto Sakura eram torturados constantemente pelas investidas da ruiva.

Agora seria a vez dele de usá-la... E quem sabe, reconstruir os laços de amizade que foram destruídos na faculdade.

 

...Continua...

*~*~*~*~*~*~*~*

 



Notas finais do capítulo

Oiieee genteee!
Capítulo mega pequeno... eu sei! Perdoem-me, mas ando tão atarefada!
peço mil desculpas pela demora, mas essas duas semanas vão ser pesadas e provavelmente não aparecerei... *Foge das pedradas*
Claro, que se conseguir escrever alguma coisa, postarei! :D
Agora os agradecimentos! Os reviews do capítulo passadado foram lindoo! Obg!
E om agradecimento especial à Camila-chan... dona do desafio e... uma amiga fofa demaaais! Que além de ter me convidado para o desafio, recomendou essa humilde fic! o/ Obg Ca-chaaan! :D

Ahhh sim! Fiz uma Oneshot e se for do interesse de vocês, o link é: http://fanfiction.nyah.com.br/historia/50125/Remember

Espero que gostem!
Obg por lerem mais um capítulo dessa fic!
Críticas/elogios?! -> Mande um review!
Recomende a fic! *-*
Obg pelo carinhooo!!
Beijããooo gente!
Ps.: Atualizarei as fics em andamento ainda hj, ok?! ^^



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Nosso Cupido Particular" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.