Confronto 2ªtemporada escrita por Gabszinha FerCosta


Capítulo 76
Capítulo 75-Final de festa/ Mais um problema Swan




Isabella Marie Swan Cullen

Estava conversando com a Mary, quando Kristen se aproximou e me abraçou pela cintura.

–Oi gente. –Ela disse.

–Oi querida. –Mary disse.

–Onde está a aniversariante? –Kris perguntou.

–Curtindo a sua festa com o Jasper.

–Vocês estavam incríveis, com certeza as três são as minhas modelos prediletas. –Mary disse.

Sorri.

–Obrigada Mary, é que eu tenho duas professoras maravilhosas. –Kristen disse e me deu um beijo na bochecha.

Sorri.

–E você? Por que não está com o seu namorado? –Perguntei.

–Eu não estou o achando. –Respondi.

–E tem certeza que ele não encontrou outra garota por aqui? –Mary perguntou.

–Ele não é louco. Meus irmãos estão aqui, se o virem de papinho com outra garota, eles acabam com a raça deles. –Ela disse.

Comecei a rir.

–Isso é verdade. –Disse.

Mary riu.

–Vamos, eu acho que o Seth está com o Edward, tchau Mary. –Disse.

–Tchau, meninas. –Ela disse.

Peguei na mão da Kristen e saímos pela festa procurando nossos queridos amores.

O achamos por fim, eles estavam tomando cerveja.

–Oi. –Dissemos.

–Sabia que dar bebida alcoólica para um menor de idade é crime, Edward? –Perguntei.

–Relaxa, Emmett e eu vivíamos bebendo com o meu pai. –Ele disse.

–É por isso que são assim. –Disse.

Ele fez uma careta.

–Não se preocupe, Seth está na nossa responsabilidade. –Ele disse.

–Sei. –Olhei para a Kristen. –Nem pense em beber Kristen, até por que o seu pai está aí, e ele não vai gostar.

–Então os meus irmãos podiam beber quando tinham a minha idade e eu não posso?

–Claro, por que você é a princesinha dele, a única filha mulher. –Disse.

–Isso é muito injusto. Quando a Marie tiver a minha idade, eu a farei tomar um porre. –Ela disse.

–Faz isso, e vai ver o que eu faço com você. –Edward disse.

Kristen começou a rir.

–E aí? Gostaram do desfile? –Kristen perguntou.

–Muito, só achei o seu vestido muito curto. –Seth disse.

Kristen revirou os olhos.

–Seth, nossas garotas são modelos, elas tem que mostrar. –Edward disse e me beijou.

–Hum, então gostou do meu vestido?

Ele assentiu.

–Sim, sabe que eu nunca impliquei com as suas roupas curtas, na verdade eu sempre gostei. –Ele respondeu.

–Tá vendo Seth? Aprenda com os meus irmãos. –Kristen disse.

–Aceite Seth, futuramente a Kristen pode até desfilar de lingerie, biquíni.

–Hei, hei. Meu pai sabe disso? Por que quem não gostou disso fui eu. –Edward disse.

Comecei a rir.

–Relaxa Edward, a minha mãe só está brincando. Meu contrato não permite desfilar com peças intimas até os 18 anos. Minha mãe mesmo exigiu isso, ela conhece o pai e irmãos que eu tenho. –Ela disse.

Ele assentiu.

–Acho bom, não é mesmo Seth?

–Isso mesmo. –Seth concordou.

–Viu só Kristen? Arrumou mais um homem ciumento. –Disse.

Ela riu.

–É, não existe pessoa mais segura do que eu. –Ela disse.

Começamos a rir.

–Vamos dançar, linda? –Seth perguntou.

–Vamos, tchau gente. –Kristen disse e foi pra pista de dança.

Virei-me, ficando de frente para o Edward.

–Vai embora com esse vestido? Por que eu to louco pra tirá-lo. –Ele perguntou.

Sorri.

–Claro. Esqueceu que a Mary sempre nos dá os looks dos desfiles?

Ele assentiu.

–Claro, por que ela paparica as modelos prediletas dela. –Ele disse.

Comecei a rir.

–Vem cá, meu bebê. –Disse e o beijei.

Ele colocou as mãos na minha cintura e foi descendo.

Afastei-me dele.

–Para com isso, estamos em público. –Disse.

Ele sorriu.

–Tá bom, vou tentar me comportar. –Ele disse e me deu um selinho. –Onde está o Rob?

–Com os seus pais. –Respondi.

–Hum, então a gente pode ficar assim, agarradinho. –Ele disse, me abraçando.

–É. –Beijei seu pescoço.

–Vamos dançar? –Ele pediu.

Assenti.

–Vamos.

Fomos pra pista de dança e começamos a dançar, ficamos a noite toda assim, curtindo o aniversário da Alice bem juntinhos.

***

Despedimos-nos de Alice e toda a família.

–Obrigada pela festa, vocês me surpreenderam mesmo. Você e Rosie são as melhores amigas do mundo. –Ela disse.

Sorri.

–Nós sabemos disso, Allie. –Rose disse.

Começamos a rir.

–Bella, tem temos três crianças cansadas. –Edward disse, com Robert no carro e Marie e Thony ao seu lado, sonolentos.

–Ok, vamos lá por que temos que colocar crianças na cama. –Disse.

–Tudo bem, até amanhã.

–Até.

Entramos no carro e Edward dirigiu pra casa.

–Mãe, Seth pode dormir lá casa? –Kris pediu.

–Claro, afinal já está bem tarde. Tudo bem, Edward?

Ele assentiu.

–Sim, contando que eles fiquem no quarto com a porta trancada. –Ele respondeu.

–Ótimo!

Chegamos em casa, Seth e Kristen subiram para o quarto.

–Vai dar camisinha pra eles. –Edward disse.

O olhei.

–Kristen toma remédio Edward, fica tranqüilo. –Disse.

Ele assentiu.

–Vá colocar os meninos na cama, eu vou dar mamar para o Rob. –Disse.

–Ok. Meninos, despeçam-se da mãe de vocês. –Edward disse.

–Boa noite, mamãe. –Eles disseram.

–Boa noite, queridos. –Disse.

Eles deram um beijo na testa do Robert.

–Boa noite, Rob.

Eles subiram com o Edward, logo depois eu subi com o Rob e fui para o quarto dele, o amamentei e logo ele dormiu, troquei sua roupa e o coloquei no berço, depois eu fui para o meu quarto.

Esperei pelo Edward, sentada na cama.

Ele entrou no quarto.

–Ah, ninguém merece ficar ouvindo os gemidos da minha irmãzinha. –Ele disse.

O olhei.

–Não to ouvindo nada. –Disse.

–É por que você não passou pelo quarto dela. –Ele disse.

Comecei a rir.

–Os meninos dormiram? –Perguntei.

Ele assentiu.

–E o Rob?

–Também dormiu. –Respondi, me aproximando dele. –É hora de tirar o meu vestido.

Ele sorriu.

–Hum, minha parte favorita. –Ele disse.

Fiquei de costas pra ele e ele desceu o zíper e fez o vestido cair aos meus pés, tirei os sapatos e fiquei só de lingerie.

Ele me agarrou, apertando a minha bunda e ele me jogou na cama.

–Nossa! Tá bruto hoje. –Disse.

–Com uma esposa maravilhosa dessas, não tem como ser calmo. –Ele disse e veio pra cima de mim.

E foi assim que terminamos a nossa noite.

(…)

–Edward.

Acordei escutando o sussurro da Kristen.

–O que você quer? Eu e a sua mãe estávamos cansados, vai ficar com o seu namorado. –Edward disse.

–É, dá pra ver que estão acabados.

–O que você quer?

–A mamãe tem visita. –Kristen disse.

–O que? À uma hora dessas? São 4h30 da manhã. Quem é?

–Bom, é loira, a mamãe não vai muito com a cara dela e já namorou você. –Ela disse.

–O que?

–Ela quer falar com a mamãe. –Ela disse.

–Eu vou lá ver o que ela quer, se Bella a ver aqui, ela vai matá-la. –Senti Edward se levantando.

–Aí Edward! Você tá nu. –Kristen reclamou.

–Não reclame, eu vou colocar uma samba canção. –Ele disse.

–Vai descer só de samba canção, pra ela ficar babando em você? A minha mãe vai te matar!

–Ela já me viu nu, já fomos namorados. Agora vamos. –Os dois saíram do quarto.

Sentei-me na cama.

Quem será que estava aqui?

Loira, já namorou com o Edward e eu não a suporto. Tanya.

Levantei-me e coloquei meu robe, desci as escadas e lá estava ela, com Edward, Kristen e Seth.

–O que faz aqui, Tanya? –Edward perguntou.

–Eu preciso falar com a Bella. –Ela disse.

–Bella não quer falar com você.

Desci as escadas.

–Você é muito sínica de vir até aqui! –Me aproximei dela, mas Edward me segurou.

–Calma Bella.

–Como ousa voltar, depois de abandonar o seu filho?

–Bella, vai acordar as crianças. –Edward disse.

–Eu não vim falar do Victor. –Ela disse.

–Então o que faz aqui à uma hora dessas?

–Eu vim falar do Charlie. –Ela disse.

–Eu não quero saber nada sobre ele. –Disse.

Ela me olhou.

–Ele está no hospital. Ele sofreu um AVC. –Ela disse.

Paralisei com o que ela disse, o sujeito que era o meu pai, estava muito mal.

Continua…





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Confronto 2ªtemporada" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.