They Don´t Know About Us escrita por Nicole Hudson


Capítulo 4
Irresistible


Notas iniciais do capítulo

Esse capítulo vai ser bemmmmm Sanúbis! Aproveitem!




Enquanto Walt estava dormindo, fui até o Salão do Julgamento e chamei por Sadie. Sadie chegou e foi me abraçar. Eu a abracei com força e sorri: Oi, Sadie. Me aproximei, sua respiração estava ofegante. Eu a agarrei pela cintura e a puxei para perto de mim. Sadie se deixou levar. Eu sorri: Me concede esse dança? Sadie riu: Claro. Dançamos valsa por alguns minutos. Puxei Sadie para mais perto de mim. Me inclinei e fui me aproximando do seu rosto. Quando eu a beijei, me senti levado ao paraíso. Sadie corou. Eu depositei essas palavras em seus ouvidos: Eu te amo. Eu a puxei para mais um beijo. Sadie disse: Eu também te amo,meu garoto chacal. Eu sorri. Sadie me olhou: Meu pai sabe que estamos aqui? Por que não há ninguém aqui? Eu a olhei confuso: Sinceramente? Não sei e nem quero saber. Só quero aproveitar esses últimos segundos antes de você acordar. Sadie assentiu e me abraçou.

Sadie começou a voltar a ser um bá e logo estava voando. Eu não consigo parar de sorrir. Finalmente pude admitir tudo o que eu sinto para Sadie Kane.


Walt acordou. Ele continua se recusando a falar com Sadie. Ele acha que não precisa pedir desculpas a ela, por que foi ela que errou. Eu não vou reclamar, isso está me ajudando a conquistar Sadie. Apesar de tudo o que nós passamos, eu o entendo mais do que tudo, mas ele está sendo muito infantil!


Sadie entrou no quarto e foi falar com Walt. Ela se sentou na cama do lado dele e admito senti uma pontada de ciúme. Sadie olhou para Walt e disparou: WALT STONE! SE VOCÊ CONTINUAR A ME IGNORAR, VAI DESCOBRIR QUAL É A SENSAÇÃO DE LEVAR UM HA-DI NA CARA! Walt se virou, surpreso: Eu não fiz nada! Você está com-aponta para a cabeça- o cachorro aqui! Eu não sou um cachorro, tá? Eu sou um chacal! Sadie gaguejou um pouco:O-o que?Eu saindo com o Anúbis? Walt se indignou: Então por que você tem um poster dele? Sadie o olhou com frieza: Não te devo nenhuma explicação a você! Se você vai continuar com esse joguinho ridículo, não fale mais comigo! Sadie saiu pisando duro.

Walt passou o dia inteiro tentando falar com Sadie, mas Sadie o esnobava todas as vezes. E Walt não desistia.Eu o avisei de que isso já estava sendo extremamente ridículo, mas Walt retrucava dizendo que eu não sabia amar. Quase que eu dei na cara dele, eu sei amar e sei disso por que eu amo Sadie Kane.


E eu sabia como conquista-lá. Bastava um passeio pelo Central Park e ela seria minha, o único problema é que eu não posso simplesmente deixar o Walt sozinho, ele depende de mim para sobreviver, não posso deixar ele morrer. Claro que eu teria Sadie só para mim, mas eu não sou tão cruel assim...




Notas finais do capítulo

Eu sei que eu fiz o Anúbis sofrer muito no capítulo 2, mas logo ele e a Sadie ficarão juntos, mas sem antes muitas provas de amor e dificuldades, afinal o Walt ainda é o namorado da Sadie!

Bônus, http://www.polyvore.com/cgi/set?id=88034213&.locale=pt-br! Roupa do Anúbis quando ele se encontra no Duat com a Sadie



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "They Don´t Know About Us" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.