Tsumi Is Mine! escrita por Lucy Himeno


Capítulo 2
Planos infalíveis da prima Kaoru


Notas iniciais do capítulo

Demorei mas postei... hahaha...Mas tem alguém lendo? '-'




–Toshi, o que é isso?! - Me perguntou, com a voz trêmula, me empurrando e cobrindo sua boca com uma das mãos.

–Um beijo! - respondi, dando-lhe um sorriso largo, apesar de decepcionado por ele ter me rejeitado.

–Eu sei disso! Mas... Porquê?! - O moreno parecia confuso.

–Tsumi, eu não posso deixar o Daiji roubar você de mim! - Disse, sério e convicto de minhas palavras.

–C... Como assim o Daiji me roubar...? Como você sabe?! Como você sabe de nós dois?! - Agora, além de confuso, ele estava ainda mais ruborescido.

–Bem, eu sou irmão da dona da agência, é claro que eu tenho aceso às câmeras de segurança... Vocês não deviam ficar aos agarros nas salas e elevadores daqui!

–Eu não acredito que você estava nós espionando... - pareceu muito envergonhado, mas ainda assim conseguiu continuar falando - Toshi, o que você fez não faz sentido! Vamos esquecer sobre isso ok? Você ainda é uma criança, está confuso e com medo de perder minha amizade por causa do Daiji e por isso acha que está apaixonado por mim e...

–Eu não sou uma criança! - Gritei - Eu tenho total conhecimento do que eu sinto, e maturidade o suficiente para ter certeza que é real. Droga, você nem pode falar de mim! Você finge ter dezoito mas na verdade é só dois anos mais velho que eu! Eu não estou brincando Tsumi, eu te...

–Como você sabe que eu não tenho dezoito?! Como você descobriu todas essas coisas?! Toshi, você precisa ficar calado! Se descobrirem isso o contrato será anulado e ainda a imagem da dupla será arruinada se descobrirem que eu e o Daiji somos... - calou-se e engoliu seco.

–Que vocês são o que? Gays? Namorados?! - Perguntei, tão nervoso que à essa altura minha voz estava mais para gritos, mas senti que o peso de minhas palavras o fez estremecer.

–Bem, eu ainda não tinha pensado sobre isso... Sobre ser...gay. - abaixou a cabeça, com uma expressão um pouco triste - Tampouco sei se somos namorados... Mas se soubessem que nós dois estamos juntos e que eu sou de menor, seria o fim da dupla! - reergueu a cabeça, voltando ao vigor de antes - Por favor Toshi, eu...

Neste momento, a voz de Tsumi foi interrompida pelo barulho de alguém tentando abrir a maçaneta e logo em seguida batendo na porta impaciente.

–Droga, eu disse aos seguranças para não deixar ninguém incomodar! - reclamei baixo, para não correr o risco da pessoa do lado de fora me escutar.

–E agora Toshi?! Se nos verem trancados aqui vão pensar que... -

–Calma, é só agir naturalmente! Se vista - ordenei - mas esse assunto ainda não acabou..

Peguei meu ursinho Pupi e fui até à porta, a pessoa impaciente lá fora já estava batendo pela terceira vez. Aí que ódio! Respirei fundo e me concentrei em voltar para o personagem que eu interpretava sempre, o doce e gentil Toshi. Abri a porta e vi que era aquele maldito loiro oxigenado!

–Toshi, o Tsumi está aí com você? - Me perguntou, com aquela cara azeda de quem chupou limão.

–Sim! - Respondi amavelmente - Nos estávamos vendo umas questões do figurino para a capa do cd, o Tsumi andou engordando então eu terei que fazer muitos ajustes!

–Sério?! - Riu-se o loiro - Bem, eu não percebi nada... Mas olha, a Midore mandou chamá-lo, parece que há alguém querendo fazer uma matéria sobre a dupla para uma revista, querem falar com nós dois.

–Eu estou aqui, Daiji - Disse Tsumi, aparecendo por trás de mim - Vamos então?

–Ah, claro... Até mais Toshi! - Disse-me Daiji, acenando e indo embora com meu Tsumi, que me ignorou.

–E agora? Eu fui muito precipitado... - comecei à pensar em voz alta, enquanto perambulava pela sala - Talvez não tenha outra chance nunca mais... Eu deveria ter pensado mais, esquematizado melhor...

–Isso é verdade! - Apareceu e disse por trás de mim, me surpreendendo, aquela garota que já estava me irritando, minha prima.

–Kaoru! O que você está fazendo aqui?

–Vim cobrar minha recompensa, oras! - respondeu a morena, ajustando os óculos e dando um sorriso amarelo.

–Pois pode dar meia volta! Deu tudo errado!

–Sim, isso eu pude ver... - Respondeu, revirando os olhos e cacheando as pontas dos cabelos com os dedos.

–Pôde ver... Não me diga que você realmente usou as câmeras?!

–Claro! Pense bem Toshi... Por que acha que eu pedi para colocar câmeras escondidas por aqui?

–Sei lá, diga-me você, sua pervertida!

–Assim você me ofende... - choramingou falsamente - Eu tenho um plano priminho! O que acha que o Daiji faria se soubesse que o Tsumi está traindo ele? - Falou, mostrando na tela de seu celular a cena de eu e Tsumi nos beijando, o vídeo já editado, fazendo parecer que eu não havia forçado nada

–O que? Você pretende mostrar esse vídeo para o Daiji?! Isso causaria muitos problemas, não só para os dois, mas também comigo e com minha irmã!

–Pense bem Toshi, o Tsumi jamais contaria uma coisa desse tipo para o Daiji... Se por acaso o loirinho souber de uma traição, com aquela cara de pavio curto que ele tem, com certeza não vai perdoar o Tsumi! E o Tsumi não poderá dizer nada para a Midore, pois ela ficaria furiosa...

–Pensando bem, você tem razão, Kaoru... Aqui, pra você! - Disse, jogando para ela uma faixa de cabelo lolita que eu tinha feito em poucos minutos naquela manhã - Agora vá, eu tenho que pensar direito nos detalhes... Não haja antes de combinar tudo comigo!

–Pode deixar priminho! - Disse ela,me abraçando e me dando um beijo na bochecha - mas acho melhor me dar umas roupas mais elaboradas ok? Não pense que vou me deixar comprar por uma faixa, afinal, até que shippei aqueles dois...

–"shippou?"

–Nada não! Enfim, agora tô indo, tchauzinho! - saiu saltitante, com aquele vestido cheio de anáguas até os joelhos... Definitivamente, a moda lolita não combinava com a personalidade maliciosa dela... Mas quem sou eu para falar não?

Fechei a porta e voltei para a minha mesa, iria desenhar lindas roupas para o Tsumi... Não teria como ele não me amar!



Notas finais do capítulo

Coments please!~



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Tsumi Is Mine!" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.