Depois De Nove Anos escrita por Morgana Salvatore


Capítulo 18
Capitulo 18





Pov/Bela

Já tinha se passado um mês desde o quase jantar na casa dá Esme,
naquela noite o Edward foi buscar a Valentina na minha casa, por
pressao do Antôny eu convidei ele para jantar com a gente,
aproveitamos e comemorarmos o nascimento dá sobrinha do Edward, pois e
o Emett é a Rosalie tiveram uma menina.
O jantar foi muito divertido, minha mãe é o Edward juntos era uma
comédia, também conversamos sobre o futuro.
Entramos em um acordo de que iriamos procurar uma escola para o Antôny
juntos, eu comentei que eu precisava de um trabalho para ocupar a
mente e ele me ofereceu o cargo de assistênte pessoal dele, o que me fêz
lembrar de um dia quando ainda éramos jovem em que conversávamos sobre eu e o Edward tínhamos sido convidados a sermos patrinhos do bebe, o
Edward tinha aceitado mesmo não entedendo o convite, eu aceitei e
claro.
Nesse um mês que passou nada tinha acontecido entre mim e o Edward,
tirando dois beijos, um no dia em que eu e o Edward fomos conhecer as
possíveis escolas para o Antôny.

flash back on

_Então esta descidido sera a primeira?_ perguntei.

_sim, mas eu também gostei da quarta_ ele disse dando um gole no milk shake.

_mas a da primeira tem mais atividades físicas no curriculo, ele e uma
criança agitada precisa brincar_eu disse e joguei meu copo de milk
shake no lixo.

_não fala assim dele_ ele disse e me puxou fazendo eu olhar para ele.

_Edward ate ele sabe que e atentado não sei porque mais esses últimos
mêses ele esta Milagrosamente comportado_ eu disse

_talvez ele tinha esse comportamento por não ter pai um modo de chamar
atenção _ ele disse ate fazia sentido

_é pode ser_ eu disse _tudo por minha culpa se eu tivesse sido mais maduro e assumido as
minhas responsabilidade_ ele disse.

_Edward pensei que já tivéssemos parado com isso_ eu disse tínhamos
combinado de superar isso_ eu disse tínhamos combinado de superar
aquilo, eu pararia de culpar ele e ele pararia de se culpar.

_Eu te amo sabia_ ele disse e segurou na minha mão eu rapidamente afastei.

_Edward, por favor?_ pedi e andei mas rápidamente.

_Bela espera_ ele disse e me puxou para ele, fazendo eu bater de
encontro ao corpo dele, tentei me afastar, mas ele segurou meu rosto
me impedindo de me afastar, os olhos dele estavam focados nos meus
lábios, eu previa o que ele iria fazer ainda tentei vira o rosto, mas
foi impossível, ele colou os lábios nos meus, a sensação era
indescritiveis, ele movia os lábios com certa ignorancia. Eu
inicialmente não correspondia mais em questão de segundos sentido o
calor que os lábios dele passava para mim eu desisti, minhas mãos
foram para os cabelos dele puxando ele para mais perto,

o futebol.

Flash Back on

_ E ai amor já decidiu em que faculdade e que curso voce ira fazer?_
perguntou o Edward.

_Estou entre advogacia é administração vou cursa na faculdade que voce
fazer_ eu disse e deitei a cabeça no peito dele.

_Quando nos dois nos formamos voce vai trabalhar comigo_ ele disse
acariciando meus cabelos e depositando um beijo nos meus lábios.

_mas voce não vai se cansar de mim?_ perguntei
_claro que não, eu jamais teria motivos para isso_ ele disse.
_mesmo se morarmos e trabalharmos juntos?_ perguntei
_E claro que não, Eu te amo_ ele disse e eu o beijei.
_Eu também te amo muito_ eu disse.

flash back of

Eu não aceitei o emprego, mas depois de dias procurando e sem
conseguir nada eu resolvi aceitar trabalhar com ele.
O Antôny já estava estudando, assim como eu já estava trabalhando ( e
muito), a escola em que Antôny estudava foi escolhida por mim é o
Edward, o Antôny estava se adaptando muito bem (graças a Deus), ele
estudava das 10:00hrs ás 17:00hrs o Edward levava ele na escola e eu o
buscava.
Eu e o Edward ficamos muito próximos. Nesse mês que passou serviu para
nos aproximar cada vez mais, nesse tempo também fiquei mais próxima da
familia Cullem.
Eu reencontrei algumas das minhas antigas amigas elas ficaram
bastante surpresas quando eu contei tudo que aconteceu.
Tive uma grande surpresa ao saber que minha amiga Erika estava grávida
e iria se casar (mais só depois do nascimento do bebe) nos separamos totalmente ofegante.

_nunca mais faça isso_ eu disse me afastei dele rapidamente, é
parecendo cena de filme, somente me aproximei da rua e um táxi chegou
entrei, indiquei o caminho da minha casa e fui embora deixando ele ali
ainda surpreso.

flash back off

A segunda vez, estavamos aqui em casa, jantamos juntos como uma
familia e depois do Antony dormi ficamos conversando e bebendo vinho e
acabou acontecendo, por iniciativa minha.

Flash back on

_estou super cansada_ eu disse tirando as sandálias e colocando meus
pes no colo dele o mesmo começou uma massagem incrível_ isso e uma
tortura.

_està tão ruim assim_ ele perguntou apertando mais, eu gemi, eu estava
levemente alcoolizada.

_voce sabe a quanto tempo estou sem sexo_ eu perguntei, ele me olhou
com os olhos arregalados.

_acho melhor voce ir dormi, voce esta Bêbada_ ele disse
rindo daquela forma sex.

_sério deve ter uns quatro mêses que eu não faço nada_ eu disse.

_mas voce não tinha aquele tal de Jacob?_ ele perguntou. _sim mais a ultima vez foi na semana que voce chegou a Londres_ eu disse

Ele riu e voltou a massagear meus pes.

_voce ainda e bom de cama Edward?_ eu perguntei, ele riu.

_claro que sou esse tipo de habilidade não se perder_ ele disse

_então prova_ eu disse

_quando voce estive sóbria eu vou Adora te prova_ ele disse

_por mim pode ser agora_ eu disse e abraçei ele, ele tentou me afasta
mais eu o abraçei mas forte e colei nosso lábio eu o beijava de uma
forma bruta é ele correspondia, ele me deitou no sofá, foi abrindo os
botoes dá minha blusa. Quando o ar nos Fêz falta ele foi descendo os
beijos pelo meu pescoço me fazendo gemer.

_ eu quero muito voce, mas voce não tem consciência do que voce esta
fazendo_ ele disse e se afastou.

_deixa de ser chato_ eu disse e me sentei no colo dele, e tinha alguma
coisa muito dura no bolso dele.

_eu vou embora_ ele disse e me tirou do colo dele.

_Por que, voce esta com algum problema ai em baixo, vai precisa de um
remédio_ eu disse
_sim, eu vou la compra o remédio e voce me espera aqui_ ele disse e se
levantou sem nem espera eu responder.
Me deitei no sofá para espera ele volta, mas acabei pegando no sono.


Acordei com o barrulho de alguém pragejando, minha cabeça latejava de
dor, me sentei e abri os olhos a claridade só serviu para minha dor
aumentar.

_ai_ resmungei e coloquei a mão sobre os olhos protegendo-os da claridade.

_mamãe voce já acordou?_ perguntou o Antony ele estava sentado na
mesa de centro com o tablet na mão.

_desce da mesa meu amor voce vai se machucar_ eu disse.

Ele desceu meio Contrariado.

_pai a mamãe acordou_ gritou o Antony.

_pai?_ perguntei e a noite de ontem veio toda na minha cabeça me
fazendo corar de vergonha.

_É ele estávala na cozinha,quando eu acordei ele já estáva aqui,ele
memandou tomar banho e escovar os dentes depois eu e ele tomamos café da manhã ele mandou eu ficar quieta e deixa voce dormi que sua cabeça estáva doendo,sua cabeça ainda esta doendo? ele disse tudo em um
folego só.
_sim meu amor_ eu disse

_toma isso daqui vai ajuda aliviar a dor _ disse o Edward me assustando.

_ meu Deus Edward voce quer me mata do coração_ disse colocando a mão
no coração.

_desculpa não foi a minha intenção_ ele disse e se sentou ao meu lado,
e me ofereceu uma xícara_ é café.

Ele me deu um comprimido eu tomei junto com o café que estava muito forte, nem reclamei sabia que aquilo iria ajudar a cura minha ressaca.

mamãe me empresta seu notebook_ pediu o Antôny.

_pegue mas não mexa nos meus arquivo_ eu disse ele sorriu e saíu
correndo para o andar de cima.

_ É ai ainda esta com vontade de fazer sexo?_ perguntou o Edward senti meu rosto queima de vergonha.

_por favor Edward esquece esse assunto_ eu disse

_por que eu já tomei o remédio_ ele disse rindo.

_Edward por favor_ pedi.

_ok, parei.


_voce realmente toma esse tipo de remédio?_ perguntei eu precisava saber.

_claro que não_ agora foi a vez dele de ficar envergonhado.

flash back off
Ele ainda me perturbar com esse assunto.

Bom trabalhar na "cullens" tem seu lado bom e seu lado ruim, seu
lado ruim e algumas daquelas secretárias invejosas que acham que eu
sou uma amante do Edward, agradeco a Deus por elas não saberem que eu e o edward temos um filho, não que eu ligasse assim como elas não
tinham nada haver com a minha vida mais os comentarios aumentaria.


Eu já estava vestida só estava arrumada, só estava esperando o Antony se vestir, iriamos almocar na casa da Esme .

_mãe já estou pronto_ disse ele, ele estáva lindo, cabelo arrepiados,
bermudas jeans claro, a blusa azul escuro, ele estava tão grande nem
parecia aquela coisinha minúscula que eu peguei toda ensanguentada assim que nasceu.

_Meu amor voce está lindo_ eu disse e baguncei o cabelo dele.

_para mãe.

Fomos almocar na casa dá Esme e do carlisle,o almoco foi
ótimo,nósmulheres fomos ajudar na cozinha,ate a pequena Manuela (filha do Emett e da Rosalie) já os homens estávam na beira dá piscina
tentando fazer um churasco.
O almoco foi delicioso,não só a comida, mas também a companhia, as piadas do Emett, um verdadeiro almoco em familia, todos rindo e conversando, meu domingo foi muito especial para mím, mas teve um momento que me emocionou muito .

_pessoal eu queria agradecer a todos voces por estarem aqui hoje,
voces são muito especiais para mim, cada um do seu jeito, eu amo ver voces assim juntos é feliz e espero que voces continuem assim_ ela disse a maioria das pessoas que estava presentes tinham lágrimas nos olhos.
_Quer dizer que você me ama também vovó?_ perguntou meu filho
provocando rizadas de todos ali.

_ claro que sim_ disse a Esme ele sorriu desceu da cadeira e correu
para o colo da avo.

_Eu te amo muito vovó_ ele disse

_oh meu Deus.

Depois disso almoçamos entre mais risos e chorros.
Quando deu 20:00hrs, eu fui embora o Antony ja dormia no colo do
Edward, o Edward carregou o Antony no colo, quando chegamos na minha casa o Edward levou o antony direto pro quarto dele.
ele colocou o Antony na cama.

_amanhã eu posso levar ele ao sopphing?_ perguntou o Edward.

_eu já disse que voce e paí dele pode sair com ele quando quizer e só
comunicar_ eu disse.

_ então Isabela Amanhã eu vou ir para o sopphing com o Antôny_ ele disse

_vai ficar o dia todo com ele_perguntei.

_sim amanhã eu não trabalho meu pai vai nó meu lugar tem alguns
assuntos naquela empresa que só ele resolver, então amanhã voce ajuda
ele_ele disse.

_tá então vou avisar a Marie que amanhã ela tem o dia de folga_eu disse.

_tudo bem , venho aqui para busca-lo para ir a escola_ele disse.

_amanhã não tem aula Edward , conselho de classe lembrar? _perguntei.

_claro , então venho busca-lo antes de voce ir trabalho_ ele disse.

_tchau , tchau -ele disse e foi embora.



Notas finais do capítulo

postado tambem no meu blog.
http://ilovetwilightmyblog.blogspot.com.br/



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Depois De Nove Anos" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.