Os Homens De Nossas Vidas escrita por Sansan


Capítulo 15
Um fim distante do que pensavam


Notas iniciais do capítulo

Olá, meninxs. Tudo bem? É, faz um ano e meio que não posto.
A criatividade foi para o brejo e tudo mais.
Hoje, fuçando por aqui, resolvi dar um fim a esta história. Talvez, ou melhor, tenho a certeza de que esse não é o fim que cada leitor esperou, mas é esse fim que terá. É o fim que condiz com a San do momento e com a Nina, que é praticamente meu alter ego.
Espero que gostem e reflitam sobre o que escreverei.
Obrigada por todos que acompanharam.
Um grande beijo e boa leitura.



18 de dezembro de 2014

Queridxs leitores,

Estavam com saudades de mim? Pois é, eu voltei. É uma volta breve e apenas para encerrar, definitivamente, a minha busca pelo príncipe encantado. "Nossa, Nina! Mas o que houve?"

Ao longo do último ano e meio, eu descobri muitas coisas sobre o mundo e sobre mim. Descobri que as vezes pensamos pequeno demais e que nossos pensamentos estão sujeitos a uma mudança enorme. Bem, por que digo isso?

Príncipe encantado foi algo colocado para cada menina desde que nasceu. Não sei se o príncipe encantado existe ou não, mas não é essa a questão que importa. Eu descobri que eu posso e sou a princesa da minha própria vida. Não importa as opiniões que homens terão sobre mim, ou até outras mulheres. O que importa é que posso ser o que quiser ser. Eu tenho poder sobre mim, sobre minhas atitudes, sobre o meu corpo.

Não estou dizendo que desisti do amor, porque convenhamos, o olhar de duas pessoas se casando é contagiante. É nítido que o amor está ali. Mas o amor que realmente vale a pena acontece quando e se tiver que acontecer. Não há problema em não achar um relacionamento, porque dá para amar a si mesmo.

Ter alguém é bacana, mas não ter alguém não é um problema. A solidão não é uma desgraça e dependendo das horas, possa até ser uma virtude. Eu sei, vocês devem estar desapontadas com o que lhes escrevo, só que essas foram as minhas descobertas, e sinto-me na missão de passá-las para cada uma de vocês.

É uma pena que achem que uma mulher só pode ser feliz com o homem. Para quem acredita nisso, um pequeno recadinho: eu sou feliz pelo que sou, eu me amo e isso basta.

Amem a si, acreditem no potencial de vocês como mulher, lutem contra as desigualdades, busquem dias melhores, creiam que cada uma pode, e pode bonito!

Nós não precisamos de um príncipe encantado para nos salvar, porque nós podemos nos salvar.

Beijos feministas,

Nina!



Notas finais do capítulo

É o fim. Acabou. Não tem mais jeito, boa sorte! Não sei o que dizer
Brincadeiras a parte, queria agradecer para todos que leram e comentaram. Foi um prazer escrever para vocês, mesmo que a San 2014 esteja muito distante do que a San 2013 representava.
Sei que não agradarei a muitas pessoas, mas indico a todas mulheres: leiam sobre o movimento feminista, busquem saber mais, é uma luta importante e nossa, queridas leitoras!
Obrigada por tudo,
um grande abraço, San!



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Os Homens De Nossas Vidas" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.