New Legends - Cavaleiros do Zodíaco escrita por Phoenix Matt Marques W MWU 27


Capítulo 61
O castigo de Gildson


Notas iniciais do capítulo

São 2h30 da manhã e aqui estou eu postando mais um capítulo. É, eu realmente precisava fazer essa história andar. E ainda está longe de chegar no ponto que quero alcançar. Espero que voces gostem do resultado e continuem acompanhando. Com isso fechamos mais uma aventura dos cavaleiros de Bronze, mas, logo logo, eles terão mais com que se ocupar. O trabalho deles não pára...
...
...
...
...
Finalmente Gildson é derrotado e recebe sua punição por seus atos contra o Santuário, ficando sob a guarda de seu ex-mestre Berto de Coroa Boreal, que ficou encarregado de efetuar seu aprisionamento nos confins do Santuário.



Este capítulo também está disponível no +Fiction: plusfiction.com/book/264005/chapter/61

Os cinco encaravam Gildson, esperando alguma reação do revoltado. Então, surgiu outro homem de armadura branca envolto em luz, semelhante à de Shaka, porém era idêntica à de Gildson.

— M-Mais um?? – gaguejou Gildson. – O que são vocês??

— Sou Máscara da Morte de Câncer – disse ele. – Vim aqui tirar satisfações com você, seu ladrão safado. Como ousa tirar a minha armadura do seu local sagrado? Você irá pagar caro por isso.

Então, ele se virou para os cavaleiros de Bronze. Estava sério, mas ao falar com eles, seu tom era bem amigável.

— Nós, espíritos dos cavaleiros de Ouro do passado, devemos agradecer a vocês, cavaleiros de Bronze. Graças a vocês e ao Shaka, pudemos recuperar a armadura. Vocês estão provando ser verdadeiros cavaleiros de Atena, que atravessaram com sucesso as provações das 12 Casas. Quanto a esse aí... – ele apontou para Gildson. – Passar um tempo no Cabo Sunion é o suficiente para ele, como creio que o mestre Shion decidirá. Se bem que eu preferiria vê-lo morto.

Gildson engoliu em seco e olhou aterrorizado para Máscara da Morte. Em seguida, Máscara da Morte acenou e a armadura de Câncer saiu do corpo de Gildson, recompondo-se ao lado de seu antigo dono. O cavaleiro de ouro falecido conjurou uma corda e prendeu Gildson nela.

— Betinho! Thiago! – chamou Gildson, choramingando. – Me ajudem, por favor!!

— Ah, cai na real, amigo – disse Thiago. – Você já era.

— A gente se vê por aí, Gildson – disse Betinho. - Curta seu tempo na prisão.

— Divirta-se no Cabo Sunion – acrescentou Gustavo, debochando.

— ARGH! – bradou Gildson. – Tudo bem, eu vou; mas um dia eu vou sair! E vocês vão se arrepender, todos vocês!

— Cale-se – ordenou Máscara da Morte, fazendo o rapaz silenciar automaticamente. Em seguida, voltou-se para a armadura de Câncer. – Volte para sua casa, ó nobre armadura!

Então, a armadura voou longe no ar e desapareceu de vista. Máscara da Morte dirigiu-se aos cavaleiros de Aço:

— Vocês também se redimiram de seus maus atos, e estão conseguindo desenvolver bem suas próprias cosmo-energias – disse ele, e os cavaleiros de Aço sorriram uns para os outros. – Continuem assim, jovens bravos cavaleiros!

Enfim, ele se despediu dos cavaleiros de Bronze:

— Até mais, meus jovens... Algum dia nós nos encontraremos de novo.

Então, Máscara da Morte entregou a corda que prendia Gildson para Berto e desapareceu num piscar de olhos, assim como Shaka havia feito. Berto, então, voltou-se para os cavaleiros:

— É estranho ver tantos espíritos dos cavaleiros de Ouro do passado se manifestando desse jeito. Primeiro Aiolos aparece no Santuário, agora Máscara da Morte e Shaka por aqui... Isso não pode ser coincidência.

— O que quer dizer, pai? – quis saber Betinho.

— Isso não importa agora – respondeu Berto, sacudindo a cabeça. – Apenas devaneios de um velho guerreiro. Talvez só o Mestre Shion e Atena possam sanar meus questionamentos. De qualquer forma, a missão de vocês foi cumprida. Vocês devem agora voltar ao Santuário. Eu levarei Gildson ao Cabo Sunion para que ele espere o julgamento com o Mestre Shion, e em seguida vou cumprir uma missão.

— Que missão, pai? – indagou Thiago.

Berto encarou os filhos com aquele olhar severo, porém sincero, e respondeu:

— Não posso falar. Assunto sigiloso, entre mim e o mestre Shion. Terei que fazer isso logo depois de levar Gildson ao Cabo Sunion.

E, fazendo menção de voltar, ele se despediu:

— Até a próxima, Betinho, Thiago e todos os outros. Vocês são a esperança do Santuário. Sigam seu destino!

E saltou para o telhado da casa e de lá para a escuridão da noite, levando o prisioneiro consigo.


Não quer ver anúncios?

Com uma contribuição de R$29,90 você deixa de ver anúncios no Nyah e em seu sucessor, o +Fiction, durante 1 ano!

Seu apoio é fundamental. Torne-se um herói!


Notas finais do capítulo

Gente obrigado por lerem mais um capítulo, no próximo teremos novidades, espero que tenham gostado... até mais!! *--*



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "New Legends - Cavaleiros do Zodíaco" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.