Os Filhos Da Mafia escrita por Naomi Karev


Capítulo 9
Capítulo 9


Notas iniciais do capítulo

Desculpa meus amores,eu to muito ocupada então me perdoem



P.O.V Vivian
Acordei com a cabeça doendo,com as mãos amarradas,e  meus pais no quarto onde eu estava.
-Pai?
-Sim filha.
-Me solta!
-Shin me mandou te amarrar e não fazer nada.
-Me solta!
-Já disse que não!
Ele foi embora,mas o idiota esqueceu da vela acesa,dava facilmente para arrebentar a corda,e foi o que eu fiz,depois de ter os meus pulsos libertados,fui até a porta e a mesma estava trancada.
-Pai abre a porta ou eu arrombo.

-Arrombe a porta é de madeira você nunca.....
Eu o enterrompi com a porta caindo.
-Não me subestime pai.Agora me de a chaves do bugatti e quero a pistola,meu punhal de prata e ônix,e quero a calibre 38.
-Mãe se eu não der notícias em 1 hora leva a mafia para a de Don Marcelo,e abre fogo!E estejam preparados para ferimentos.

Meu pai voltou com tudo que eu pedi,ainda bem que estava de short,peguei meu punhal e ele estava do jeito que eu gosto,simplesmente mortífero,coloquei-o na minha cinta especial(na coxa),peguei as chavez e as luvas, como é bom dirigir no meu bugatti querido e amado.A mansão Marcelo é grande,perfeita para explodir,escalei o muro,dois guardas babacas tentarm me deter o resultado foi que eu cortei a cabeça deles,entrei na mansão e subi as escadas e ouvi a voz da minha irmã gritando,corri para a sala,arrombei a porta,com a arma em mãos.

-Olha que lindo!Você torturando a minha irmã,por que seus filhos saõ uns merdas em questão de mafia,ain vejamos,você perdeu a minha mãe e as filhas que sempre quis!Ai que lindo!

-Calada sua vadia!

-Ahh ficou chatiado?Mas não se preocupe um tiro e eu acabo com isso!

-Você não sabe de nada!

-Claro que sei,passei anos da minha vida sabendo de cada passo seu,nessa casa tem escutas e cameras que vocês nunca souberam,por anos tive acesso ao que eu quise-se aqui nessa casa,como eu sei que você maltratou os meninos por anos por nunca serem o que você esperava,então eu alivio essa dor pra você mas vamos fazer um acordo:Você solta eles e nós lutamos para ver quem é o melhor?

-Vivian não!Não mesmo,nós vamos ficar!

-Kiro cala a porra da boca!Eu mando e vocês obedecem.E ai Don Marcelo?

-Fechado,tenho sua palavra de mafiosa que será até a morte?
-Sim o senhor tem a minha palavra!
Os meninos foram embora,e só ouvi o click da arma,me virei e atirei, acertei seu braço ,mas recebi 3 tiros os quais apenas acertou 2,ele voou em cima de mim,me socando.

-Achei quea mafiosa perfeita?Achei que iria me divertir!

Consegui sair de seu ataque,mas estava fraca estava perdendo sangue,dei mais um tiro,acertei,corri e o soquei,porém ele era mas forte e me jogou contra a parede,bati com a cabela e comecei a perder sangue,ele me pegou pelos cabelos.

-Lindo,se sacrificou pelos o que amava e agora vai morrer,sem munição nenhuma,olha para o que você conseguiu amando.
-Olhe você para o que conseguiu odiando,você é odiado vai ser lembrado por maldades,por ser um péssimo lider,e isso nos diferencia,eu serei amada mesmo depois de minhas morte.

-Pare de falar besteiras!Eu terei a mafia o que é mais importante do que isso?

-Família,amigos,e amor,mas se eu morrer,eu levo você!

Com o punhal rasguei sua perna,fazendo com que seu osso aparece-se,ele gritou e então fiz o mesmo na outra,me arrastei até perto da porta.
-Agora posso morrer em paz,já que todos o que amo estão a salvo.
No mesmo instante chega Didy ,Kiro e Shin,Kiro viu a pulsação de seu pai.

-Ele está morto.E a Vi?
-Estou indo pelo mesmo caminhos,mas eu quero pedir perdão a vocês,por ter amado errado,por ter errado com vocês,por ter protegido demais,mas era só para ver vocês felizes e esqueci da minha própia,mas eu não me arrependo de nada.

-Nós sabemos disso mana,e te perdoamos,mas você vai ficar bem,nós vamos para casa e você vai me ensinar a lutar.
-Para de falar coisas lindas,e liga logo pro hospital,eu preciso dela.

-Shin eu vou ficar bem,mesmo que eu não esteja viva em terra,estarei no seu coração,nas memórias,nos sorrisos e nos minimos movimentos,enqaunto você se lembrar de mim serei eterna.
E então fechei os olhos,ja estava sem forças para voltar.



Notas finais do capítulo

Minhas lindas cerejinhas de primavera,eu amo vocês.
Bj do cup!



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Os Filhos Da Mafia" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.