Convivência Por Contrato escrita por cellisia

Convivência Por Contrato

"-Hunf! No dia em que eu pensar em beijar uma garota como você, espero estar morto. - Ele disse duramente - Você é tão irritante. Não sei por que estou perdendo meu tempo aqui.

Sakura bufou irritada e impaciente. Aquilo agora fora a gota d'água! Ela estava cansada de se humilhar e ser humilhada por Uchiha Sasuke. Dessa vez iria responder a altura àquele garoto arrogante e egocêntrico.

—Admita, Sasuke-kun. Você só me ignora e me despreza porque me ama. Sabia que o ódio é o sentimento mais próximo do amor? - Ela soltou uma risada debochada.

Ele revirou os olhos e girou sobre os calcanhares, andando pra longe dali. Queria o máximo de distância dela.

—O que foi, Sasuke-kun? Você está com medo!? Medo do quê? Não se preocupe. Eu não mordo - Ela ria cada vez mais alto e mais exageradamente.

—Sakura, vai dormir. Você já está sendo mais do que ridícula! - Ele disse por sobre os ombros.

Ela abriu um sorriso debochado de orelha a orelha. Depois correu até ele, parando na sua frente.

—Eu sei por que você está fugindo, Uchiha Sasuke! - Ela disse, zombando do nome dele - Você tem medo sim! Medo de ficar perto de mim e se apaixonar. Aliás, é exatamente isso. Você se sente fisicamente atraído por mim, mas como não quer admitir o óbvio, você me despreza. Mas não se preocupe. Não vou contar pra ninguém. - Ela pôs um dedo nos lábios dele, como se quisesse silenciá-lo - Seu segredo morre aqui.

Com os olhos pretos brilhando de ódio, ele segurou os pulsos dela bruscamente, empurrando-a e voltando a andar.

—Na verdade, estou aqui pensando... Você é tão frouxo! - Sakura continuava com as risadas debochadas - Não tem coragem de admitir nada. Se não tem nem coragem de admitir seus sentimentos por mim, quanto mais coragem de conviver comigo. Por isso que você vive fugindo. É um covarde mesmo...

Ele parou no meio do caminho.

—Você está me desafiando? Não me provoque, Sakura!

—Sim, Uchiha Sasuke! Eu estou te desafiando a conviver comigo uma semana. Não. Um mês! Vamos ver se toda essa sua pose de "gostosão" serve pra alguma coisa, ou se você é apenas um covarde. E não precisa gastar saliva usando suas desculpas esfarrapadas! - Ela ainda tinha um sorriso debochado na cara - Já somos maiores de idade e nada pode nos impedir! Seria como se fossemos casados, você sabe. Morar na mesma casa, dividir o mesmo cobertor... Essas coisas.

—Não seja ridícula, Sakura! Isso é só outro dos seus truquezinhos, apenas mais um que não irá funcionar. Eu já disse que você me irrita, então logicamente nunca aceitaria esse tipo de coisa.

—Como eu disse, um covarde. - Ela suspirou dramaticamente e começou a bater os braços, imitando uma galinha - Có! Có! Có!

—Não abuse da minha paciência, garota irritante! - Ele segurou os braços dela com força.

—Có! Có! Có! C... Ei, você está me machucando! - Sakura protestou enquanto ele a arrastava pelas ruas de Konoha.

—Agora vamos ver quem é o covarde aqui! - Sasuke disse irritado - "Foi você quem pediu, Sakura. Feriu meu orgulho. Agora vai ter que me aturar. Vou fazer da sua vida um inferno à moda Uchiha".

SasuSaku - [Universo Alternativo]

*O casal principal é SasuSaku, mas tem também um pouco de NaruHina, ShikaTema, InoSai, NejTen e SuiKar


Classificação: 16+
Categorias: Naruto
Personagens: Haruno Sakura
Gêneros: Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade

Capítulos: 13 (122.769 palavras) | Terminada: Não
Publicada: 01/06/2012 às 19:31 | Atualizada: 13/11/2015 às 05:08

Notas da História:

Não escrevo essa fic visando fins lucrativos, Naruto e cia. não me pertencem - porque se pertencesse, Itachi e eu já estaríamos casados há muito tempo -, a ideia da fic sim, portanto sem plágio, blá, blá, blá e toda essa chatice que todos já estão cansados de ler.

Ps: Apesar de a minha fic ser universo alternativo, a Konoha e as roupas dos personagens são os mesmos do anime, então vocês já conhecem e sabem como é, por isso eu não vou ficar descrevendo nada e nem me apegando à coisas desnecessárias. Só vou descrever quando eles usarem uma roupa diferente ou algo do gênero. Ah! Tomei liberdade de criar personagens pra incrementar a história hahah