Just In One Direction escrita por CostaSalazar


Capítulo 8
Capítulo 8





A aula de Louis tinha terminado e, tal como estava combinado, dirigiu-se ao bar para encontrar Zayn. Ele lá estava. Precisava de umas dicas do Louis para um trabalho que aquela professora que os estudantes de artes cénicas tanto gostavam (ironicamente, claro), tinha mandado fazer. É que Zayn sabia aproveitar-se do facto de ter um amigo que andava no mesmo curso, dois anos a seguir ao seu. Louis andava no quarto ano – era naquele ano finalista.

- Até que enfim, – resmunga Zayn – já estava a criar raízes!

- O que importa é que eu estou aqui. – Responde-lhe Louis.

Enquanto Louis ajudava Zayn ia olhando em redor para ver quem passava. Num súbito movimento Louis cruza o olhar com uma rapariga de caracóis que lhe parecia familiar.

- Oh Zayn, oh Zayn… - diz Louis chamando a atenção de Zayn. – Aquela não é a rapariga da discoteca, aquela que fugiu de ti depois de… trumbas?

Zayn, movimentando lentamente a cabeça fixa o seu olhar naquela rapariga de cabelos escuros e volumosos que o deixara louco por uma noite e o fizera alvo de gozos dos amigos.

- Eu volto já. – Avisa ele a Louis sem mais pensar, dirigindo-se àquela rapariga que fora a única que até ao momento tivera o descaramento de o deixar daquela forma depois de uma noite como aquela.

Durante o seu percurso até ela, ele tentava lembrar-se do seu nome. Depois de vários nomes lhe passarem na mente, lembrou-se de que o seu nome não era comum. Ela era portuguesa. Aí se lembrou do único nome, provavelmente, que sabia em português.

- Sofia. – Sussurra ele para si mesmo. – É isso!

Andava ela à procura da sua amiga Gina, quando subitamente alguém lhe toca no seu ombro. Ela, arrepiada, volta-se repentinamente e fica estupefacta com aquele rosto.

- Aposto que tiveste saudades minhas, Sofia…

Sofia, atónica por vê-lo, responde-lhe:

- Tu? Aqui?

Zayn ri-se do jeito surpreso de Sofia e diz-lhe:

- Eu é que não esperava ver-te mais. Afinal, nem és de cá…

- Pois… - Responde Sofia sem saber o que lhe dizer devido ao choque de o ter reencontrado. Afinal, ela nunca tinha imaginado voltar a encontrá-lo.

- Eu sou o Zayn, já agora. – Tenta ele deixá-la mais à vontade. – Acho que não chegaste a saber o meu nome.

Sofia cora e ri-se desviando o olhar envergonhada. Nesse momento tomou noção do que tinha feito: tinha dormido com um rapaz cujo nome nem sabia!

Zayn, reparando que a tinha deixado constrangida, brinca com ela:

- Não precisas de ficar vermelha… Isso também já me aconteceu.

- Já vi que és um engatatão…

- Tu também és malandra. Para me deixares como deixaste da última vez… Ou eu fui assim tão mau? – Continua Zayn a tentar fazer conversa com Sofia.

- Hum! – Exclama Sofia encolhendo os ombros, mostrando indiferença.

Zayn ficou a olhar para ela com os olhos arregalados, surpreso com a resposta dela. Não entendia o porquê das reações de Sofia. Todas as raparigas com quem dormira perseguiam-no, mas esta mostrava-lhe indiferença.

Sofia ri-se num ar descontraído:

- Estou a brincar. Gostei, gostei…

Zayn solta um suspiro de alívio:

- Uff… Já estava a ver a minha reputação a ir por água abaixo.

Ambos riram. O ambiente estava mais descontraído do que no início da conversa e Sofia já nem se lembrava do que tinha para contar a Gina.

Louis ao longe observava os dois e ria-se do amigo. Até que lembrou-se de ter visto Sofia com aquela rapariga que ele vira ainda nessa manhã. Num súbito impulso decide interromper a conversa dos dois.

- Zayn, vamos ou não? Tenho aulas a seguir! – Exclama Louis.

- Pronto, tenho de ir. – Diz Zayn a Sofia – Marcamos alguma cena um dia destes?

Louis logo aproveita o rumo da conversa e diz:

- Não queres vir almoçar connosco? – Sugere Louis – E podes levar amigas se quiseres…

O amigo fica a olhar-lhe de canto surpreendido, não entendia o propósito daquele convite. Louis entendeu a surpresa de Zayn e dá-lhe umas palmadas no ombro para este ter calma, depois explicava.

O impulsivo Louis não sabia explicar o porquê mas sentia que era a forma de a conhecer. Tinha a convicção de que ela era amiga de Sofia e talvez estivesse no caminho certo.

Sofia não sabia se deveria aceitar ou não.

- Não sei, talvez apareça.

- Nós vamos estar ali pelo refeitório. – Responde-lhe Louis indo-se embora com Zayn, que antes de deixar o bar pisca o olho a Sofia.

- Finalmente encontrei-vos! – Grita Sofia alegremente às suas amigas Lúcia e Gina – Vocês nem sabem o que me aconteceu!

- Conta lá! – Diz Gina ansiosa pela resposta.

- Encontrei o Zayn.

- Quem? – Perguntam em uníssono as raparigas.

Sofia explica-lhes a história toda e as suas amigas ficam espantadas.

- Mas isso foi aqui? – Pergunta-lhe Lúcia.

- Sim, foi ali no bar. Eu estava à procura da Gina… Ah! É verdade! – Exclama Sofia. – Gina, nem sabes quem é que é da minha turma de Direito!

Gina fica a olhar para Sofia curiosa com a resposta. Até que por fim, Sofia acaba com o suspense e diz-lhe:

- Harry!

- Como? Quem? Ah? Como é que sabes que é ele?

- Pelo que tu descreveste… Parecia ele… - Responde-lhe Sofia.

- Não pode ser… - Diz Gina.

- Ou até pode! Tu conheceste-o na secretaria desta universidade. – Replica Lúcia.

- Contudo, quando eu o vir e se estiveres comigo eu digo-te. – Descansa-a Sofia - Ah! E sabes com quem é que ele estava? Com a Mónica.

- Aquela que conhecemos quando chegamos a Inglaterra? – Pergunta Gina.

- Sim, e ao que parecia são muito amigos…

- Ou até mais não? – Diz desiludida Gina.

- Não, não me pareceu…

- Bem!, tiveste mesmo uma manhã animada. – Constata Lúcia.

- Realmente, até me convidaram para almoçar.

Sofia conta a intromissão do amigo de Zayn para a convidar para almoçar.

- E até disse para levar amigas.

- Conhecer rapazes novos? Estou nessa! – Diz Lúcia. – E até quero conhecer esse Malik que te fez dormir fora de casa.

- Ui, nem pensem! Não estou para conhecer engatatões. Já sabem que eu não gosto desses. – Resmunga Gina.

Sofia ri-se e concorda com Gina:

- A mim também não me apetecia muito ir…

- Vamos e acabou a conversa, estamos em Inglaterra e é para conhecer pessoas novas! – Exclama Lúcia. 





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Just In One Direction" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.