Opposite Attraction escrita por Giu, Bloody Mari


Capítulo 17
Capítulo 14


Notas iniciais do capítulo

Supresa!!!! Quem esperava um capítulo assim, em plena quarta-feira? HAHAHAHAH




Acordei com uma baita dor de cabeça. Manti meus olhos fechados, e comecei a me remexer, abri um olho e vi que estava no meu quarto. Rapidamente lembrei tudo o que tinha acontecido: festa, policia, cadeia, traição, Jacob...

Me levantei rapidamente, correndo pro banheiro. Tudo estava meio turvo, e minha cabeça latejava. Liguei a torneira da banheira, enquanto enchia fui tirando minha roupa e prendendo os cabelos. Lavei meu rosto, e entrei na banheira, tentando fazer um pouco da dor de cabeça passar.

Devo ter ficado bastante tempo lá, mas estava me sentindo melhor. Saí do banheiro e fui procurar uma roupa confortável, estava triste e não tinha humor para nada. Coloquei uma blusa básica, e um short cinza larguinho, calcei minha sandália e desci para comer alguma coisa e tomar uma aspirina.

Assim que desci as escadas ouvi vozes vindo da cozinha. Emmett deveria estar ai.

- A Bela adormecida acordou - Ele zuou quando sentei na bancada da cozinha.

- Oi Emm, o que tem para comer?

- Eu fiz um macarrão. Mas já deve ta frio.

- Nossa, são que horas? - Não tinha olhada nenhum relogio.

- Tres horas da tarde. Você dormiu demais. - Ele respondeu.

- Tava precisando descansar.  - Falei me levantando e indo olhar as panelas.

- Bom, eu vou sair jájá, marquei compromisso. Alice estava ligando de cinco em cinco minutos para cá querendo saber se você já tinha acordado. Porque você não aproveita e liga para ela? - Ele falou colocando o telefone em cima da bancada e saindo da cozinha.

Bufei e acabei de colocar minha comida, sentei na bancada e comi em um silêncio desconfortável. Quando acabei, peguei o telefone e liguei para Alice.

- Ness, Ness? Oh meu deus, estava desesperada, preciso falar com você. Você deve estar tão chateada comigo. Ai, me desculpa. Por favor, sério eu só queria ajudar.

- Ei, calma Ali, eu sei que você não fez por mal, foi só para me ajudar. Mas vamos esquecer isso, não quero comentar sobre ontem. - Falei, alcamando ela.

- Ufa, ainda bem. Achei que você estivesse chateada comigo.

- Claro que não, eu te entendi, sei que você não se entregou para poder me ajudar, se dependesse do Emmett ele não ligaria pro advogado, ia se desesperar e não ia fazer nada. - Disse, e ri.

- O que você acha de nós sairmos? Você deve estar um caco, podemo dar uma volta pelo shopping para te animar um pouco, ir no cinema.. Que tal? - Ela tagarelou.

- Pode ser...

- Ta bom, então daqui a pouco eu passo ai, ok? - Ela falou, ja desligando.

- Ok.. - Desliguei o telefone e me levantei subindo para trocar de roupa.

[...]

- Hey Ness, você esta bem com o Jacob? - Alice perguntou quando colocamos nossas bandejas na mesa do MC Donald's.

- Sei lá Lice. Ontem ele me magoou muito, saindo de lá daquela forma. Queria que ele estivesse ficado comigo, me apoiado, sabe? - Falei já ficando triste.

- Conversa com ele amiga. Sabe, o Jasper me ligou para saber se estava tudo bem. Falei que você tinha ido para a cadeia mas já tinha saído. Ele falou que o Jacob estava arrasado por não estar conseguindo falar com você, que ficou mal por ter que sair de lá daquele jeito.

- Ai Alice, ele tinha que ter ficado lá comigo. - Falei emburrada.

- Mas olha, pensa por outro lado. Ele já foi preso né, e ainda tem a Rosalie. Você sabe que se ele fosse com você, seria fichado pela segunda vez e ia acabar preso, e a Rosalie ia descobrir que tem alguma coisa entre vocês.

Ela tinha razão, eu estava exagerando, não deveria ficar chateada com ele. Iria ligar depois e falar para ele ir conversar comigo.

- Você tá certa Alice. Eu estava pensando em não dar nem a chance dele se explicar, mas agora pensei melhor e vou falar para ele ir lá em casa para podermos conversar. - Falei e dei um sorriso para ela, meus olhos brilhavam de imaginar que tudo ficaria bem novamente.

Fizemos boas compras e quando saimos do shopping já era bem tarde. Estava cansada mas assim que cheguei em casa coloquei as compras no meu quarto e peguei meu celular para ligar para o Jacob.

Tocou umas três vezes até que ele atendeu:

- Alô?

- Jake... Sou eu - Falei. - Eu queria muito falar com você.

- Ness?! Ah Ness, meu amor, me desculpe, por favor, estava desesperado, tentei ligar para você, fui ai e você não estava. Esta tudo bem? Quer que eu vá ai?

- Calma Jake, só quero conversar com você. Fiquei muito chateada com o que aconteceu, você me largou lá. Mais Alice meio que já me explicou, mas tenho que ouvir você falar comigo. Você não sabe o quanto estou triste. - Despejei as palavras.

- Me espere, vou trocar de roupa e estou indo para ai. - Disse e desligou.

Prendi meu cabelo num rabo de cavalo alto e desci para esperá-lo, peguei uma maça na cozinha e sentei no sofá da sala, assistindo um programa qualquer, esperando a campainha tocar.

Uns vinte minutos depois ele chegou, abri a porta e ele me abraçou.

- Me desculpe, me perdoe, eu fui um idiota, não tinha que ter ido embora, tinha que ter ficado lá, tinha que ter te ajudado, te apoiado. Eu fui um babaca, só pensei em mim mesmo. -  Ele falou contra o meu cabelo, ainda me mantendo em volta de seus braços.

Me separei e olhei para ele

- Jacob. Não fale assim, eu te entendo, eu sei que se você ficasse lá comigo ia sobrar para você, e que se você fosse parar na delegacia de novo ia ser fichado e ficado preso de vez.

- Mas você me perdoa? Eu me senti culpado, quando você saiu de lá presa. - Ele disse abaixando a cabeça.

- Ei, esquece isso, amor. Vem, vamos lá pro meu quarto. - Puxei ele escada acima.

[...]

O dia amanheceu chuvoso e frio. Mesmo assim levantei animada, porém receosa, sabia que meus pais voltariam hoje, e eu ia ouvir muitos sermões, sem contar o castigo.

Ontem Jacob tinha ficado comigo até já estar bastante tarde, eu tava cansada e queria dormir então ele foi para casa, com a promessa de tentar me ver escondido amanhã.

Rotineiramente tomei meu banho, escolhi minha roupa, ajeitei meu cabelo e fiz uma maquiagem. Depois peguei minha bolsa e desci para comer algo.

Emmett já estava na mesa comendo um cereal. Peguei um copo, coloquei leite e sentei com ele na mesa.

- Booom dia, maninho! - Falei sorrindo para ele.

- Falae baixinha.  - Ele respondeu dando seu sorrisão. - Está tão animada porque? Sabe que hoje sua vida vai ser um inferno né.

- É... sei. Tenho que manter a animação para aguentar tudo. - Respondi e ri.

- Então, vai comigo? Ja to saindo.

- Claro - Falei levantando da mesa, e pegando minha bolsa.

[...]

Estava encostada no carro de Emmett no estacionamento da escola, esperando Alice chegar. Logo que ela chegou nós entramos e fomos no banheiro antes da aula começar.

Entrei numa cabine e ela na do lado. Estava me preparando para sair quando ouvi alguém entrar no banheiro rindo.

- HAHAHA sério que você fez isso Tanya? - Falou uma voz que eu conhecia bem, Rosalie.

- Você tinha que ver, ela saindo de lá, algemada... - Falou outra pessoa, Jessica.

- Foi muito engraçado! - Disse Lauren.

- HAHAHAH Adorei o que vocês fizeram, sério. Mas ainda acho que ela merece uma lição melhor. - Rosalie disse, ainda rindo.

- Argh odeio aquela garota. Ta na hora dela voltar pro lugarzinho dela. - Disse Tanya.

- Temos que pensar em algo para acabar de vez com ela. - Completou Lauren.

- Sem contar que essa vadia ta doida para pegar o Jacob de mim.

Estava pensando se saia ou não, tinha vontade de jogar tudo na cara dessa piranha, e dar uns bons tapas na cara dela.

Meu celular vibrou, mostrando que tinha uma nova mensagem.

De: Alice

Se você ta pensando em sair não faz isso, vamos ouvir o que elas vão aprontar. Fica quietinha ai.

É, era melhor mesmo. Me manti em silêncio, ouvindo o que elas falavam. 

- Eu tenho que dar um jeito de ferrar com essa garota. Ela tirou tudo da gente, perdi meu cargo nas cheerleaders, e se eu esperar mais ela vai tirar meu namorado. Não posso deixar isso acontecer.

- Isso é, mas o que vamos fazer? Ela parece ser a garotinha perfeita, não faz nada de errado... - Falou Jessica.

- Ela só parece. Ja fiquei sabendo de algumas coisas que ela andou fazendo, e vou juntar tudo para usar contra ela. Mas não vou contar meu plano aqui nesse banheiro, depois a gente conversa. Vamos. - Disse Rosalie, dava para ver o veneno na sua voz.

Ouvi passos, e depois elas sairam do banheiro, o silêncio tomou conta do banheiro, e resolvi sair. Alice saiu juntamente comigo. Nos olhamos por um momento, ela parecia meio assustada, e com raiva delas.

- Que vontade de esganar essa Rosalie. Se ela pensa que vai fazer alguma coisa com você HAHAHAH Vai ter que passar por mim primeiro. - Alice disparou a falar.

- Fica calma, eu vou acabar com a vida dela e de suas amiguinhas. Principalmente de Tanya, só por ela ter denunciado a festa. Mas eu já imaginava que tinha sido uma delas.

- Vamos pensar em algo, acabar de vez com a reputação dessas idiotas. - Alice falou, chegou a me dar medo o olhar mortal dela.

- Sim, sim. Vamos parar de falar disso no banheiro, e eu vou tomar cuidado, qualquer deslize e ela usa para acabar comigo.

- É, vem vamos, o sinal acabou de bater. - Disse Alice, encerrando o assunto.

Fui para minha sala, o dia passou depressa, logo eu estava no vestiário, trocando de roupa para o treino das cheerleaders. Na sexta feira tinha jogo do Estadual e a escola já estava toda em clima. Nós estavamos ensaiando sem parar, nessa semana o tempo de ensaio era dobrado, era importante que arrazassemos, para ir pro concurso nacional de Líderes de Torcida.

As meninas ficaram preocupadas e perguntaram como tinha acabado tudo na festa. Eu expliquei tudo o que aconteceu, e elas falaram que sairam rapidamente quando ouviram a policia, se não teria dado merda para elas. Eu as entedi, com certeza faria o mesmo.

Quando o ensaio acabou fomos no Café que tinha perto da escola. Eu estava enrolando o quanto podia para chegar em casa, sabia que meus pais já deveriam estar lá.

Alice me deixou em casa, e já deveria ser umas sete horas da noite. Estava escuro e chuvendo.

Entrei em casa, e meus pais estavam sentados na sala.

- Renesmee, onde a senhorita estava até essa hora? Nós precisamos ter uma conversa séria. - Meu pai falou sério, minha mãe também me encarava e eu via a decepção nos seus olhos.

Ótimo, eu estava ferrada.



Notas finais do capítulo

Ficou legal né gente?
.
.
Bom, eu peço para vocês não terem raiva da Renesmee, ela não é mal, mesmo que ela esteja errando, mas vocês não acham que ela melhorou? E o Jacob não fez por mal poxa, mas ele nao podia mesmo ficar lá, e a Alice só não foi junto porque senão, não conseguiria ajudá-la.
.
.
Ah, agora eu vou começar a colocar os looks de várias personagens, no capítulo 12 eu atualizei colocando os links nas roupas da Renata, Jane, Angela e Alice. Espero que vocês gostem.
.
.
.
Vou adiantar, no próximo capítulo vocês vão ver a Ness arrasando como líder de torcida! HAHAHAHAH Não percam! Espero bastante comentários, assim o próximo capítulo vem ainda mais depressa.
.
.
Estou indo, beijos!