A Última Missão escrita por Angelzinha, Angelzinha2


Capítulo 2
Capítulo 2


Notas iniciais do capítulo

Autora: Yoo meus amores!!
Sasuke: Quanta falsidade..
Autora: Falso é voce, que nem mesmo existe de verdade! u.u
Sasuke: Mas mesmo assim vivo na sau imaginação XD
Autora: Sasuke, vá ver se eu toh lá na esquina! ¬¬ bom pessoal, demorei um pouquinho mais postei! Espero que gostem! Boa leitura!!




      Capitulo anterior: 

"-Cuidado garota!- Sasuke disse levantando irritado.

-Desculpa! Não foi porque eu quis.. eu estou com um pouco de pressa e..- Sasuke a interrompeu.

-Da próxima vez..- Ele olhou para a garota.- Olhe por onde anda..- diz com a voz falha. Quando viu a garota ficou hipnotizado com sua beleza, mas logo se recompôs.

-Mas eu já disse que foi sem querer! me desculpa..

-Tudo bem.- Disse mais calmo, mas com a mesma expressão indiferente de sempre. Mas acabou se repreendendo, como poderia dizer tudo bem para uma garota desastrada como essa?!

-Tenho que ir. Me desculpe mais uma vez..- Disse saindo rapidamente. A garota saiu, e Sasuke ficou que nem um bobo a olhando se afastar, quando derepente se deu conta de que estava atrasado. Se amaldiçoou por ter ficado lá parado. "É apenas uma garota idiota! Igual a todas que voce pega.." pensava ele. Não sabendo ele, que estava totalmente enganado, pois aquela não era uma garota, mas sim a .garota. Seguiu seu caminho apressadamente de novo, mas agora prestando mais atenção no seu trajeto."

...........................................................................................................................................

      Chegou no tal lugar marcado. Era uma lanchonete pouco movimentada. Logo viu Madara em uma mesa, e foi ao seu encontro.

-Até que enfim! Achei que não vinha mais!- Madara disse com uma expressão meia irritada.

-Hunf.- Sasuke resmungou.- Tive um emprevisto. O que quer comigo?

-Tenho uma nova missão para voce.

-Hum.- Respondeu indiferente.

-Mas é um caso de emergencia. Quanto mais rápido o serviço, melhor.

-Ok. Quem é a vítima.

-Aqui está tudo o que voce deve saber sobre a pessoa.- Disse entregando a Sasuke uma pasta preta.- Mas só olhe quando chegar em casa. Não podemos ter nenhuma suspeita.

-Só isso?- Sasuke perguntou impaciente. Já estava incomodado com a presença de Madara, mesmo estando a menos de dez minutos com ele.

-Já pode ir.- Madara o dispensou.

   Sasuke saiu sem dizer nada. Foi em direção a seu carro, deu a partida em foi em direção para a casa. A noite um olhada na ficha de sua mais nova "vítima", e tentaria bolar um plano.

..........................................................................................................................................

      Sakura chegou apressada, e foi direto para a sala de sua chefe.

-Shizuny..- Disse hesitante abrindo a porta da sala de sua chefe.

-Bom dia Sakura!- Shizuny respondeu alegremente.- Sente-se aí.- Disse mostrando uma cadeira em frente a sua mesa.

-Bom dia..- Sakura respondeu sem graça.- Er.. desculpa o atraso..

-Não tem problema, alguns minutinhos de atraso não matam ninguém..- Disse gentilmente.

-Obrigada por me entender..- Disse sorrindo.- Agora tenho ir, tenho muitos pacientes para atender. Tenha um boa manha!!- disse sorrindo gentilmente.

-Para voce tambem querida! Até a hora do almoço.

-Até.- Disse saindo da sala.

      Sakura agradeceu mentalmente por sua chefe ser Shizuny. Ela sempre foi uma ótima pessoa, e era amiga de Tsunad, tanto é que foi ela quem conseguiu o emprego de médica no hospital para Sakura, e Sakura era muito grata a ela.

-A porquinha se atrasou de novo?- Sakura perguntou rindo a Hinata, que estava na cantina do hospital.

-Atrasou..- Hinata respondeu caindo na risada com Sakura.

-Bom Hina, eu tenho que ir. Também me atrasei um pouco hoje, e já tem muita gente esperando para ser atendiado.

-Tudo bem, então nos vemos na hora do almoço?

-Sim, hoje vou almoçar com voce e a porquinha.

-Então a hora do almoço.- Hinata disse sorrindo.

-Até..- Sakura respondeu tambem sorrindo, e saindo em direção a seu consultório.

      Sakura, Hinata e Ino eram amigas de infãncia. Cresceram juntas, estudaram juntas, fizeram faculadade também juntas. Mas cada uma se especializou em uma área da medicina. Sakura se especializou em clínico geral, Hinata em pediatria e Ino e terapeuta. Tinham uma amizade de dar inveja a muitos, pois eram muito unidas e quase inseparáveis.

      O dia como sempre foi bem cansativo para Sakura. Muitos pacientes para atender, e pouco tempo de descanço. E ainda por cima, teria que fazer plantão até as 23:00 hrs, pois um médico tinha faltado. Quando chegou a hora de ir embora, já estava super cansada. Chegando em casa apenas tomou um banho e foi dormir.

...............................................................................................................................................

      Era meia noite quando Sasuke chegou em casa. Chegou mais cedo, tinha saído com Naruto, seu amigo de infancia, mas não estava com animos para aguentar a alegria exagerada do loiro, e muito menos aquele bando de oferecidas que ele geralmente levava para casa depois das "noitadas" para satisfazerem seus desejos.

      Entrou em seu quarto, jogou as chaves em cima do criado mudo que fica do lado de sua cama e foi tomar um banho. Vestiu uma calça de moletom, e deitou em sua cama. Logo lembrou que ainda não tinha olhado a ficha de sua próxima vítima . Levantou e foi até seu guarda roupa e pegou a pasta preta dentro de uma gaveta de documentos, voltou para sua cama e se deitou novamente. Quando abriu a pasta, tirou uma espécie de apostila, virou a primeira página e começou a ler as principais informações.

"Nome: Sakura haruno.

Idade: 23 anos.

Profissão: Médica."

      Sasuke não leu todas as informções, somente as que julgava serem importantes. Depois de uma breve olhada na primeira folha, foi para a segunda na qual teve uma surpresa. Tinha uma foto de uma mulher de cabelos róseos e olhos verdes esmeraldas. Sim, aquela era a mulher na qual Sasuke ficou admirado pela beleza de manha. E agora descobriu que estava sendo pago para matá-la. "o que será que faz uma pessoa querer vê-la morta?" pensou ele- "Aff.. tenho que parar de pensar nisso, e bolar um bom plano para executar esse trabalho."

      Depois de um bom tempo tentando bolar um plano- o que foi sem sucesso- resolveu ir dormir. No outro dia poderia pensar melhor em algo.  



Notas finais do capítulo

Autora: Bom, primeiramente quero pedir desculpas pela demora, e por ter saído pequeno, mas é que ando meia sem tempo..
Sasuke: Que nada! Voce que é preguiçosa mesmo. u.u
Autora: ¬¬ Bom gente, espero que tenham gostado. Críticas, reclamações, dicas--> reviews :D
Sasuke: Deixem reviews e faça essa autora baka feliz XD
Autora: ¬¬ Até mais pessoal!! Ja ne! Kisses ^.~



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A Última Missão" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.