All The Way escrita por L Angels


Capítulo 29
Capítulo 29





———- P.D.V Samantha :


Eu estava conversando com a Lary quando o Zach apareceu na porta, Ele estava mais lindo do que nunca, eu olhei para aqueles olhos azuis e até fiquei tonta.

A Lary falou que ia se arrumar e passou por traz de mim, ela deve ter feito alguma palhaçada que fez o Zach rir ( bem tipico da Lary mesmo ), e depois subiu.

– Você está lindo. Eu disse em quanto ele chegava até mim.

- Você que está linda, não… você não está, Você é linda. Ele deu um sorriso e eu até fiquei meio vermelha.

- Ah você ficou vermelha, Linda, linda, linda. O Zach riu e eu ficava mais vermelha ainda.

- Para Zach !!. Eu falei me segurando pra não rir.

- Ta desculpa, parei !! … Mais você ta linda mesmo.

- Bobo. Dei um tapinha de leve nele .

- Então , Vamos ??. Eu falei.

- Claro mile-ide !!. O Zach se fez se sério e mi deu o braço. Eu ri e fui com ele pra fora. Ele abriu a porta do carro pra mim , eu entrei e ele entrou em seguida.


[…]


Nós escutamos algumas musicas do CD All The Way, e eu cantei Mr. Wonderful olhando fixamente para ele (pois ele é o Meu Mr. Wonderful).

- Chegamos. O Zach falou e eu olhei pra janela, Estava tudo tão calmo e vazio.

- Zach, tem certeza que é aqui ??. Eu disse em quanto ele estacionava o carro.

- Absoluta. Ele olhou pra mim e deu um sorriso. Então eu comecei a pensar …

# Bem… a Lary disse que viria mais tarde, o Cameron também deve vir, mais ele nem estava em casa quando a gente saiu, Talvez eu e o Zach estivéssemos chegado cedo de mais… #

- Então, Vamos ??. O Zach me esticou a mão interrompendo o meu raciocínio. Eu estava tão destraida que nem percebi que ele já tinha saído do carro e aberto a porta pra mim.

- Ah é claro. Eu segurei a mão dele e sai do carro.


[…]


Ele colocou a mão em volta da minha cintura e foi me guiando, Mais não havia nada nem ninguém lá, então eu vi um caminho iluminado apenas com pequenas lampadas e uns arranjos de flores, Era lindo de mais.

Então nós passamos por esse caminho e chegamos em um salão vazio e pouco iluminado, Eu dei uma olhada então eu vi no centro uma mesa, A mesa tinha dois lugares e estava toda enfeitada com velas e tudo mais, Foi ai que a ficha caiu.

– Meu deus , Zach, Um antar a luz de velas ??. Eu falei toda feliz.

- Sim, só eu e você em um jantar a luz de velas, oque achou ?. O Zach sorrio e puxou a cadeira pra eu sentar.

- Está tudo tão lindo, Eu amei !!. Eu falei em quanto sentava.

- Eu só queria fazer algo especial pra você. Ele sentou também , e meus olhos brilharam.

- Mais você não fez isso tudo sozinho, fez ?.

- Ah agora você mi pegou, eu tive a ajuda de um casalzinho. Ele começou a rir.

- Lary e Cameron, acertei ??. Ele fez que sim com a cabeça.

- A Safada me enganou, Ela vai ver depois. Nós começamos a rir.


[…]


O Jantar estava sendo ótimo, eu e o Zach conversamos e rimos muito das palhaçadas um do outro. Então Derrepente nós paramos de falar e ficamos apenas nos olhando, Era como se o olhar dele fosse um ima, eu não conseguia desviar.

Até que o Zach se levantou e veio até mim, Eu também levantei e continuei olhando fixamente pros olhos dele. Ele segurou a minha mão

- Samantha, não tenho nem como explicar esse amor que sinto por você, esse amor é tão puro e verdadeiro, eu nunca senti algo igual, é como se eu tivesse esperado por você a minha vida inteira, E eu sinto que já não posso mais viver sem você. Ele colocou a mão no bolso e tirou uma caixinha.

- Samantha você quer ser minha princesa ?… Você quer namorar comigo?. Eu estava muda mais quando ele perguntou aquilo eu fiquei tão feliz.

- SIM , SIM, é claro que sim, Você ainda pergunta ?. Eu o beijei e ele retribuiu e depois foi parando o beijo de vagar.

Eu o olhei nos olhos e ele tirou um anel lindo da caixinha e colocou no meu dedo.

– Zach você é tão incrível, eu sou a garota mais feliz e apaixonada desse mundo.

- E eu sou o garoto mais sortudo do mundo por ter você ao meu lado. Ele mi deu um beijo calmo e super apaixonado.

- Vamos dançar ?. Ele disse parando o beijo, e eu olhei pra ele com uma cara, eu não queria estragar aquele momento.

- Eu prometo que vou dançar direitinho. Ele disse rindo, e eu sorri pra ele.

- Sem musica ?. Eu perguntei , então ele apontou pra um canto escuro, quando eu olhei as luzes se acenderam e tinha uma banda lá, Eles começaram a tocar uma musica lenta.

- Só você mesmo Zach. Eu ri.

- Eu sei … Então mi concede essa dança ?.

- Claro. Eu coloquei as mãos em volta do pescoço dele e ele as mãos em volta da minha cintura. Nós ficamos ali , dançando, um sentindo a respiração do outro.

Então eu encostei minha cabeça no ombro dele e as lagrimas começaram a cair, ( aquele dia estava sendo perfeito ).

- Eu te amo sabia ?. Eu susurrei no ouvido dele.

- Não sabia não, da pra repetir ?. Então eu olhei nos olhos dele e falei novamente :

- Eu te amo !!. Ele secou minhas lagrimas e sorrio.

- Eu também te amo !!… e não chora ta ??.

- São lagrimas de alegria. Eu respondi.

- Lagrimas são lagrimas. Ele me deu outro beijo.

E nós ficamos ali trocando caricias até chegar a hora de ir em bora.


[…]


Continua …






Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "All The Way" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.