A Última Dumbledore escrita por Baggins


Capítulo 11
Falha no Plano


Notas iniciais do capítulo

Mais um pra vocês meus amores :p



Alguns dias depois…


Era hoje. A primeira reunião oficial da AD! Eu, como sempre, seria a última a ir para a Sala Precisa. Assim, poderia observar o corredor e me certificar de que não iria haver nenhuma interrupção.

Estava indo pro Salão Principal na hora do jantar tentando controlar a ansiedade, o que parecia impossível. Me sentei ao lado de Neville que parecia tão nervoso quanto eu.

- Preparado? – Perguntei.

- Na verdade não. Sou capaz de ter um ataque do coração nesse momento! – Disse brincando. – Será possível alguém ficar tão nervoso desse jeito?

- É sim, como acha que eu estou?

- Eu sei, é que… Eu acho que não posso ser “professor”! Acho que não sou um bom bruxo, não tão bom quanto o Harry ou você. – Falou.

- Ok, escuta! – Me virei na cadeira pra ficar de frente à ele. – Você é um bruxo fantástico Neville. O único problema é que você não acredita em si mesmo. – Peguei suas mãos. – Lembre-se disso: Você é tão bom quanto o Harry, ou qualquer outro bruxo. – Isso fez ele sorrir e eu ganhar meu dia.

Assim que terminamos de comer, ele disse: - É melhor eu ir.

- Ok, te encontro depois, professor! – Sussurei.

Fiquei mais um tempo por lá. Me peguei observando as coisas ao meu redor. A atmosfera, os alunos, professores, tudo. Pensei como era Hogwarts alguns anos atrás, risos pra lá, brincadeiras pra cá, os alunos com os produtos das Gemialidades Weasley. Hogwarts era um refúgio pra todos ali, era o nosso lar. Agora ele estava ameaçado por Comensais. Era triste ver as mudanças feitas na minha escola, no meu lar. Pensar nisso só fazia com que eu desejasse ainda mais que tudo voltasse a ser como era antes.

“Precisamos fazer alguma coisa!” Pensei.

……….

Depois de certificar que não havia ninguém no corredor do sétimo andar, fui direto para a Sala Precisa. Assim que entrei os olhares se voltaram para mim. Odeio isso!

Fiquei ao lado de Neville, Gina e Luna.

- Oi! – O nervosismo de Neville era palpável. – Eu e a Bella combinamos de fazer algo hoje. Não vamos praticar, nem nada do tipo. Se vocês concordarem é claro!

- Mas como assim não vamos praticar? – Perguntou Miguel Corner.

- Estávamos pensando em sair por Hogwarts “pichando” as paredes. – Disse me levantando. – Se concordarem!

- E o que exatamente nós vamos escrever nas paredes? – Perguntou Lilá.

Olhei para Neville com ar brincalhão e disse: - Que tal, Armada de Dumbledore: o recrutamento continua. – Todos gritaram concordando. Conjuramos algumas tintas… - Então, quero que todos tomem o máximo de cuidado. Vamos nos separar em grupos, assim que terminarem uma voltem para cá. Sem distrações ou coisas do tipo, entenderam? – Todos concordaram com a cabeça.

- Mas só uma? – Perguntou Miguel parecendo desapontado. Eu ri.

- Tudo bem, talvez duas. Mas tenho a sensação de que você pode causar problemas Miguel, então você vai no meu grupo. – Ele fez cara de anginho. – Quero ficar de olho em você!

Dividimos os grupos e saímos da Sala Precisa, tomando cuidado para não sermos vistos. Pegamos a primeira parede que vimos e começamos. Já estávamos na segunda quando Miguel começou a querer criar problemas.

- Vamos, Bella. Só mais uma! – Implorava.

- Não Miguel. Já fomos longe demais, se algum dos Carrow ou Snape nos ver… Quero nem pensar no que pode acontecer com a gente! – Falei, puxando-o na direção da Sala Precisa.

- Por favor, Bella, só mais uma! – Falou, me impedindo de puxá-lo.

- Não! – Falei mais firme.

- POR FAVOR, POR FAVOR, POR FAVOR! – Gritou.

- Shh, ficou doido? E se alguém… - Não pude terminar porque de repente tudo ficou frio. As luzes se apagaram e tudo pareceu sem vida. Foi quando eu o vi, estava vindo na nossa direção, um dementador! – CORRAM! – Gritei e começamos a correr em direção à Sala Precisa. Ele estava chegando mais perto, parecia que quanto mais rápido corríamos era pior. Graças à Merlin, chegamos na Sala Precisa e conseguimos fugir dele.

Desmoronei assim que chegamos lá. – O que foi que aconteceu? Foram vistos? – Perguntou Neville.

- Fomos. – Vi ele arregalar os olhos e todos arfarem. – Calma. Foi que o Miguel, – fuzilei ele com os olhos. – Chamou a atenção de um dos dementadores.

- Desculpa! A adrenalina me dominou naquela hora. – Falou meio sem graça.

- Tudo bem. – Falei. – Acho melhor voltarmos pros dormitórios. – Concordaram. – Fiquem de olho no galeão para saber quando será a próxima reunião.

Chegamos no dormitório sem problemas, fui direto pra cama. Estava exausta e dormi imediatamente. Porém, algo me dizia que amanhã teríamos um dia cheio.

………….

Acordei com Gina me sacudindo e falando que o Snape tinha convocado uma reunião com todos os alunos no Salão Principal. Tomei banho e me arrumei.

Estávamos chegando no Salão quando sinto alguém puxar meu braço na direção contrária.

- Foi você, não foi? Foi você que fez aquilo? – Perguntou Draco.

- O que foi que eu fiz?

- Você e o pessoal da Grifinória escreveram aquilo nas paredes, não foi? – Ah, era disso que ele estava falando.

- Não sei do que está falando. – Me fiz de idiota.

- Você sabe como isso é perigoso. – Isso não era óbvio? – Pode se machucar, pode ser pega pelos Carrow ou pior, por um dos dementadores. – Sussurou.

- Eu sei disso, os dementadores quase nos pegaram ontem! – Falei pensativa.

Ele ficou mais pálido que o normal. – O quê?

- Pois é. Um deles nos viu, e eu ainda estou aqui!

- Não sei o que é pior, o que está fazendo ou a naturalidade com que fala… – Falou incrédulo. - Por favor, você tem que parar com isso! – Agora ele estava quase implorando.

- Não posso. Alguém tem fazer isso parar, não entende? Isso nem é mais Hogwarts. Eu tenho que fazer isso! – Falei.

Ele ia falar algo, mas Aleto apareceu: - O que vocês dois estão fazendo ai? O diretor vai começar o discurso. Venham. – Nenhum dos dois se mexeu. – VENHAM!

Nos dirigimos à Entrada do Salão Principal quando Snape estava se preparando para fazer seu discurso. Me juntei a Gina e os alunos da Grifinória que estavam enfileirados e com a cabeça baixa. Estranho, não via o Neville em lugar nenhum!

- Todos vocês já devem ter visto o que aconteceu. Já viram o ato de vandalismo que foi executado, por alguém, provavelmente algum ou alguns alunos. – Falou enquanto passava em frente à fila de alunos da Lufa-Lufa. – Peço, desde já, que se alguém tiver conhecimento do culpado se pronuncie, independente da Casa à qual pertencem.

Olhei para Draco, como se pedisse para não falar nada e rezando para que entendesse o que eu queria dizer. Ele assentiu com a cabeça, e eu não pude deixar de sorrir.

- Ninguém? – Snape falou, enquanto passava na frente dos alunos da Sonserina. – Que pena! – Ele fez um aceno de cabeça e vi Amico entrar no Salão arrastando Neville pelos cabelos. - Sabemos como vocês, Grifinórios, são leais. Então, se souberem quem fez isso, peço que falem, ou seu amigo será punido pela ação. Seja ele culpado ou não. – Comecei a perder o controle, não sabia o que fazer. Olhei pra Gina que parecia tão perdida quanto eu. – Bom, já que vai ser assim… - Ele acenou na direção de Aleto, que gritou:

- CRUCIO! – Vi Neville se contorcer diante de meus olhos. Estavam todos tão abismados que não conseguiram fazer nada, além de ficar parados.

- PARA, PARA POR FAVOR! – Gritei tentando chegar até onde ele estava, porém fui impedida por Amico. Olhei para Aleto que estava com um sorriso assassino no rosto. Não conseguia mais refrear as lágrimas. Porque ninguém fazia nada? – POR FAVOR, PARA! – Resolvi apelar para Snape. – POR FAVOR!

Ele fez um aceno com a mão e a contra gosto Aleto removeu a maldição. – Sabe de alguma coisa, senhorita Dumbledore? – Perguntou, segurando meu queixo, me obrigando a olhar pra ele.

- Não senhor. – Falei, firme. Vi ele fixar os olhos nos meus, mas não iria deixar que entrasse na minha mente.

Passados alguns momentos, ele disse: - Pois bem, estão despensados. – Falou. – Vão para suas aulas!

Esperei Amico me soltar e fui em direção à saída.

“É, foi um ótimo começo de dia!” Pensei, ironicamente.



Notas finais do capítulo

Então, não sei se vou conseguir postar amanhã, mas se der prometo que posto :3
Deixem reviews pra deixar uma escritora feliz, ok? kkkk
Até o próximo xx



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A Última Dumbledore" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.