You Belong With Me escrita por MrsHazelLevesque


Capítulo 1
Oneshot (You Belong With Me)


Notas iniciais do capítulo

Essa é só minha segunda fic aqui e eu não sei se ficou muito boa :S Só espero que gostem!




Hermione olhou novamente pela porta que levava à sacada – não era uma miragem, Ronald Weasley estava realmente brigando novamente com sua namorada Lilá Brown. A garota se perguntava por que raios eles ainda continuavam juntos, já que não havia mais sentimentos.

   Com certeza Rony havia dito algo que não agradara nadinha a namorada, que para Mione levava as coisas (principalmente as ditas pelo namorado) muito a sério; enquanto ele tinha um senso de humor incrível e um repertório de brincadeiras e piadas interminável. Ela tentou imaginar o que o amigo poderia ter dito desta vez... Todas opções a fizeram rir, afinal, ela entendia muito bem o senso de humor de Rony – diferentemente de Lilá.

You’re on the phone with your girlfriend, she’s upset

(Você está no telefone com sua namorada, ela está brava)

She’s going off about something that you said

(Ela está discutindo sobre algo que você disse)

She doesn’t get your humor like I do

(Ela não entende seu humor como eu entendo)

   Em seu quarto, enquanto observava o amigo, Mione mantinha o rádio ligado, tocando Coldplay no último volume – o tipo de banda que Lilá detestava. Era apenas mais uma típica noite de terça-feira, onde a garota de cheios cabelos castanhos se pegava pensando em o quanto Brown estava longe de conhecer a história do namorado como ela conhecia.

I’m in my room, it’s a typical Tuesday night

(Estou no meu quarto, é uma típica noite de terça-feira)

I’m listening to the kind of music she doesn’t like

(Estou ouvindo o tipo de música que ela não gosta)

She’ll never know your story like I do

(Ela nunca conhecerá sua história como eu conheço)

   Quando percebeu que Ron estava na sacada da casa dele, Hermione rapidamente se levantou de sua cama e foi até sua sacada.

   - O que houve? – Perguntou, preocupada; ajudando o amigo a passar de sua sacada para seu quarto.

   - Nada, nada... – O ruivo tentou desviar o assunto, mas o olhar fixo da amiga sentada na cama fez-lo desistir da ideia. – Brigamos novamente... Não dá para falar absolutamente nada com ela! Isso me tira do sério...

   - Então por que continua com ela? – Atirou a indagação sobre o amigo.

   - Porque... porque... – Ele suspirou. – Eu não sei o porquê. Simplesmente não posso terminar com ela. – A morena abriu a boca para falar e tornou a fechá-la, era inútil discutir sobre isso; e ela não queria aparentar ciúmes.

   - Mas o que te fez se sentir assim sobre ela?

   - Bem... – Ele hesitou por um momento. – Ela começou a se tornar tão fútil... Sempre usando aquela mini-saia como se quisesse me fazer ciúmes atraindo outros caras... -  “Eu uso camiseta básica, não mini-saia”, Hermione involuntariamente pensou. – E sempre falando de como “é bom e saudável ser líder de torcida e durante o jogo, eu deveria olhar mais pra ela e não pra bola”. – Ele tentou imitar uma voz feminina e fina, como a da Lilá. “E eu estou nas arquibancadas, sonhando com o dia em que você vai perceber que quem você esteve procurando sempre esteve aqui, o tempo todo”, Mione não pôde se impedir de pensar.

But she wears short skirts, I wear t-shirts

(Mas ela usa mini-saias, eu uso camisetas)

She’s cheer captain, and I’m on the bleachers

(Ela é líder de torcida, e eu estou nas arquibancadas)

Dreaming about the day when you wake up and find what you’re looking for

(Sonhando com o dia em que você irá acordar e notar que o que você procura)

Has been here the whole time

(Esteve aqui o tempo inteiro)

   - Talvez ela não seja a pessoa certa para você. – Ela falou, deixando a indireta muito óbvia para quem prestasse atenção na garota.

   - Não sei... – Ele suspirou e deixou-se cair no colo da amiga, que ficou acariciando seus cabelos cor de fogo.

   “Sou a única que te entende, sempre estive aqui ao seu lado. Por que você não consegue perceber? Você pertence a mim”, ela pensava, observando o garoto se acalmar com o tempo.

   - Por que está quase chorando? – Ron abriu os olhos e acariciou levemente a bochecha da amiga, que continha os olhos marejados.

   - O que? – Ela percebeu que estava beirando as lágrimas. – Ah, nada... Sabe que não gosto de te ver triste. – Falou rapidamente, limpando as lágrimas.

If you could see that I’m the one

(Se você pudesse ver que sou aquela)

Who understands you

(Que te entende)

Been here all alone

(Estive aqui todo o tempo)

So why can’t you see?

(Então por que você não consegue ver?)

You belong with me

(Você pertence a mim)

You belong with me

(Você pertence a mim)

(...)

   No dia seguinte, após as aulas, Hermione e Ron começaram a caminhar até um parque próximo – Ele usava a mesma jeans usada e desgastada de sempre, que a garota amava. “É assim que deveria ser... Sempre”, ela não parava de pensar. Eles se sentaram em um banco do parque, observando a brisa do outono balançar as copas das árvores e derrubar folhas de colorações amareladas e alaranjadas no chão.

   - Não achei que fosse assim... O grande Harry Potter, o conquistador de corações, gaguejando na frente da sua irmã... – Mione riu após ouvir a história de como Harry tomara coragem para pedir Gina em namoro, sua risada contagiando o amigo. “Viu como é fácil? Você não mede esforços pra me fazer feliz! Por que não percebe?”, ela se pegou pensando em silêncio.

Walking in the streets

(Caminhando pelas ruas)

With you and your worned out jeans

(Com você e sua calça jeans usada)

I can’t help thinking this is how it ought to be

(Não posso parar de pensar que é assim que deveria ser)

Laughing on a park bench thinking to myself

(Rindo em um banco do parque, pensando pra mim mesma)

“Hey, isn’t this easy?”

(“Ei, viu como é fácil?”)

   A morena sempre pensava em como o sorriso do outro poderia iluminar toda aquela cidade – nenhuma luz era mais brilhante -, mas fazia um bom tempo que ela não o via sorrir sinceramente... “Desde que ela te magoou”, ela concluiu. Brown a irritava cada vez mais... O que ele estava fazendo com uma garota como aquela?

   - Por que está triste? – Hermione questionou, mesmo sabendo o real motivo.

   - Estou bem. – Ela revirou os olhos.

   - Eu sei que não está... Te conheço melhor do que isso, Ronald! – Ela afirmou, em tom autoritário.

   - Mione, eu sei disso! Você me conhece melhor que eu mesmo.

   - Não exagera. – Ela revidou, brincando e empurrando o ruivo para o lado. “Lilá Brown não te merece, Rony”, pensou.

And you’ve got a smile

(E você tem um sorriso)

That could light up this whole town

(Que poderia iluminar essa cidade inteira)

I haven’t seen it in a while

(Eu não o vejo faz um tempo)

Since she brought you down

(Desde que ela te deixou pra baixo)

You say you’re fine, I know you better than that

(Você diz que está bem, eu te conheço melhor que isso)

Hey what you’re doing with a girl like that?

(Ei, o que você está fazendo com uma garota como aquela?)

   Não demorou muito para uma garota com uma mini-saia jeans justa e um salto agulha preto de no mínimo 15 centímetros passar por eles e abrir um sorriso um tanto cínico, mostrando dentes extremamente brancos.

   - Olá, Won Won! – Era Lilá. O olhar de Hermione correu do salto alto da garota até seu converse vermelho de cano médio. “Certo, ela usa salto alto e eu uso tênis. Ela é líder de torcida e eu nas arquibancadas...”, Hermione olhou para o amigo aos beijos com a namorada, “E continuo sonhando com o dia em que você perceberá que o que você realmente procura sempre esteve aqui”. Ela suspirou, cansada, e se retirou dali, deixando-os sozinhos.

She wears high heels, I wear sneakers

(Ela usa salto alto, eu uso tênis)

She’s cheer captain, and I’m on the bleachers

(Ela é líder de torcida, e eu estou nas arquibancadas)

Dreaming about the day when you wake up and find what you’re looking for

(Sonhando com o dia em que você irá acordar e notar que o que você procura)

Has been here the whole time

(Esteve aqui o tempo inteiro)

   Ela correu até a casa do amigo e encostou-se na porta dos fundos dela, chorando. Por quê? Por que ele não percebia que ela que o entendia? Que fora ela que sempre estivera lá para ajudá-lo? Por que ele não entendia que ele a pertencia? Que era ela que o estava esperando na porta dos fundos durante todo esse tempo? Como ele não conseguia entender?

   - Ronald Billius Weasley... Por que você não consegue ver? Você pertence a mim! – Ela gritou em um sussurro rouco e escorregou até a calçada.

If you could see that I’m the one

(Se você pudesse ver que eu sou aquela)

Who understands you

(Que te entende)

Been here all along

(Estive aqui todo o tempo)

So why can’t you see?

(Então por que você não consegue ver?)

You belong with me

(Você pertence a mim)

Standing by and waiting at your backdoor

(De pé e esperando na sua porta dos fundos)

All this time

(Durante todo esse tempo)

How could you don’t know baby?

(Como você não pôde perceber baby?)

You belong with me

(Você pertence a mim)

You belong with me

(Você pertence a mim)

   Ela repassou todos os momentos deles... Ela se lembrava dele dirigindo até sua casa no meio da noite para conversar com ela e eles ficaram dançando a noite inteira. Ela era a única que o fazia sorrir quando ele estava prestes a chorar. Ela sabia tudo sobre ele... Suas músicas favoritas, seus filmes favoritos, seus medos... Ele a contava sobre todos os seus sonhos e pesadelos... “Acho que sei onde é seu lugar... Acho que é comigo”, ela pensou.

   ‘Eu te amo, você sabe... Você é minha irmã mais nova, praticamente... Você é genial!... Como você faz isso?... Você está linda!’... Cada palavra que ele dirigira a ela, ela se lembrava, mesmo a que mais partiu seu coração... ‘Estou namorando a Lilá’. Por que justo ela tinha que se apaixonar por alguém que não a correspondia?

Oh, I remember you driving to my house

(Oh, eu lembro de você dirigindo até a minha casa)

In the middle of the night

(No meio da noite)

I’m the one who makes you laugh

(Sou eu quem te faz rir)

When you know you’re about to cry

(Quando você sabe que está prestes a chorar)

I know your favorite songs, and you tell me about your dreams

(Eu sei suas músicas favoritas, e você me fala sobre seus sonhos)

Think I know where you belong, think I know it’s with me

(Acho que sei onde você pertence, acho que é comigo)

   Ron voltou correndo até sua casa gritando por Mione e viu-a chorando encostada na porta dos fundos de sua casa. Seu coração se apertou, não agüentava ver a garota que amava assim.

   - Mione, o que houve? – Ele perguntou, a voz embargada, ajudando-a a se levantar.

   - Olha, vou falar tudo de uma vez, mesmo sabendo que você não sente o mesmo. – Ela começou, a voz saindo desesperada e as lágrimas caindo incontrolavelmente. – Você nunca pensou que talvez você me pertença? Não consegue ver que sou eu que te entende? Eu que estive aqui o tempo todo? Por que você não vê? Você pertence a mim, Rony... Eu te amo! – Ela desabou em lágrimas e Rony a abraçou.

Can’t you see that I’m the one

(Você não consegue ver que eu sou aquela)

Who understands you?

(Que te entende?)

Been here all along

(Estive aqui todo o tempo)

So why can’t you see?

(Então por que você não consegue ver?)

You belong with me

(Você pertence a mim)

You belong with me

(Você pertence a mim)

Have you ever thought

(Você já pensou)

Just maybe

(Que talvez)

You belong with me?

(Você pertença a mim?)

You belong with me

(Você pertence a mim)

   - Quem disse que eu não sinto o mesmo? – Ele perguntou, calmo.

   - Você está com a Lilá, não é? – Ele negou com a cabeça.

   - Eu nunca conseguiria te esquecer... Só percebi isso hoje e terminei com ela. Meu lugar é contigo. Eu também te amo, Mione. – Ele falou e agarrou cuidadosamente o rosto da morena, dando-lhe um beijo amoroso. No meio do beijo, ela sussurrou:

   - You Belong With Me



Notas finais do capítulo

Bem, é isso... mandem reviews e façam uma escritora feliz :D