The Shield escrita por MariSpoladorMoreira, Sandy


Capítulo 40
Capítulo 39:Estúpido


Notas iniciais do capítulo

Olá meninas!
Obrigada pelos comentários e pelo carinho, vocês são demais!
Bem vindas leitoras novas!
Esperamos que gostem!
Máh
---------
Heey meninas, desculpa pela demora, mais eu não pude postar antes. Beijos Sandy =**




Pov Bella.

Edward foi bem direto comigo, doeu ter aquelas palavras jogadas na cara, mas ao mesmo tempo, foi bom, porque eu percebi que ele realmente tinha razão. Quantas e quantas vezes pedi para que ele não ignorasse Lisa, para que ele a tratasse igualmente aos gêmeos, e ele o fazia, a única errada da história era eu, que cheia de preconceito acabava falando e fazendo coisas que não condiziam com meus pedidos, e isso me deixa triste.

Enxotei-o do quarto na hora, pouco depois da conversa, e ele saiu rapidamente, como se precisasse daquilo. Fiquei um bom tempo pensando, pensando, e depois vieram às lágrimas, o cansaço, e eu não conseguia dormir, porque a cama simplesmente parecia enorme e fria demais.

Fui até o quarto de Lisa, beijei sua testa e fiquei observando-a dormir por alguns minutos. Minha princesa... Tão linda, tão amada, e eu ridiculamente não estava vendo isso. Desci lentamente até a sala e encontrei Edward totalmente jogado sem jeito no sofá. Aquilo me partiu o coração e lhe renderia uma enorme dor no corpo, e além do mais, eu não vivia sem ele, de forma alguma. Ele era a peça que faltava para a família que eu e Lisa construímos.

- Eddie, vem dormir na cama, por favor. – pedi baixinho, perto de seu ouvido.

- Está se sentindo mal? – perguntou ele grogue, mas em alerta.

- Não, só, venha pra cama...

- Certo... – sussurrou andando sonolentamente atrás de mim. Deitamos na cama e deitei instantaneamente em seu peito, abraçando-o.

- Eu te amo me desculpe. – pedi.

- Eu também amor, e muito. Não faça mais isso...

- Tudo bem. – funguei começando a chorar novamente. Sentia-me uma louca bipolar.

- E desculpe pelos meus gritos... Pelo meu rompante.

- Sempre, a culpa foi minha e...

- Shh, vamos dormir agora. – ele me calou com um selinho rápido, e nos deitamos de novo, dormindo rapidamente.

O dia seguinte seria um novo começo, um novo amanhecer, um novo tudo, era o que eu esperava...

Acordei com os olhos meio inchados por chorar a noite. Edward estava abraçado a minha barriga, tão lindo e perfeito.

-Mamãe?- escutei Lisa chamando.Levantei com todo cuidado para não acordá-lo.

Pov. Edward

Depois da briga com Bella as coisas ficaram um pouquinho tensas. Acordei por sentir sua falta, na cama. Escutei pequenas gargalhadas do quarto da frente.

*-*-*-*

Manter Lisa em repouso com aquela perna quebrada era um sacrifício. Ela simplesmente não parava quieta, o que comprometeria sua recuperação.

- Mas eu quero andar! – choramingou.Bella havia ido se trocar, e lisa tentava me dobrar para anda sozinha e sem muletas.

- Só vai andar quando se cuidar... – falei.

- Me leva?

- Aonde? – sorri.

-Pra baixo né? Eu não quero ficar no meu quarto o dia todo.

- Certo...- peguei-a no colo, descendo as escadas.

-Sabe a idéia de você me carregar até que não é muito ruim né?- ela gargalhou sapeca.

-Ok, madame eu carrego.Agora você fica aqui sentadinha, que eu vou me vestir.

-Tá bom liga a TV.

 A deixei na sala, e fui me troca. Bella já estava pronto quando cheguei,e desceu para preparar o café, para mias uma preguiçosa manhã de domingo.

Assim que terminei, desci as escadas.Bella e Lisa conversavam como adultas.

-Esse apartamento tá uma bagunça mamãe, tem caixas com roupas de bebês para todo lado.

-Eu sei filha, mais é só uma questão de tempo. Precisamos de um lugar maior talvez, Edward está certo.

-Mamãe, eu quero carinho!-Lisa pediu com a voz arrastada pela manha.  

-Own, meu Deus, minha bebê quer carinho, que coisinha mais linda da mamãe.- então Bella em um ato impensável,incalculável pegou lisa no colo. E eu lógico corri até ela, pegando Lisa de lá.

-Bella, pelo amor de deus o que você tem na cabeça? Merda? Só pode!

-O que eu fiz?

-Oras pegou Elisabeth no colo! Não vê que está grávida de gêmeos ainda?

-Edward, eu não a peguei no colo não. E outra eu a aconcheguei no meu colo.-disse oitavas mais alta que a minha voz.

-Que seja ela é pesada!

-Edward ela não pesa mais que 25kg.

-E você está grávida!

-Gente! Não briguem, eu não vou mais no colo de ninguém, me coloca no sofá Edward! – disse lisa. A companhia tocou, e Bella me olhou com aquele olhar ‘ você está fudido ao cubo, e me siga’. Ela abriu a porta.

-Bom dia Srta. Swan, a Lisa já acordou?

-Claro Anthony, me siga. Ela está na sala. – ela trouxe Anthony até nós. –Bom dia Edward, ei Lisa eu trouxe um quebra-cabeça do Toy story 3!

-Que legal- ela disse sem muito entusiasmo.

-Bem eu vou preparar, um café da manhã para vocês! –disse Bella vibrando de mentira- já volto, Anthony cuida dela tá bom?

-Pode deixar.- Bella foi em direção a cozinha – Lisa quando ele fica pronto é muito maneiro...

Ela não esperou eu nem entrar direito.

-O que foi isso?

-Bella, você parece criança.

-Não, você parece uma. Sabe a gravidez de Lisa não foi nada fácil, eu estudava, trabalhava para não dá motivos pra ninguém dizer que eu mantinha minha filha sem pai com o dinheiro da minha família,eu só tive ajuda até os seis primeiros meses de vida dela. Eu ontem fui estúpida o bastante por exclui Lisa da sua vida, mais fui nobre o bastante para reconhecer o meu erro. E no entanto você está sendo estúpido. Você eu não sei, mais eu vi a decepção nos olhos da minha menina sabia? E não foi fácil. Ela só pediu um pouco de carinho é demais?

-Bella, olha só o que acontece...

-O que acontece nada! A nossa filha está decepcionada, porque lhe foi negado um pouco de carinho! Se você tivesse a negado uma rara Barbie ela não estaria assim. Agora vai espairecer um pouco, que eu vou dar carinho a minha vida! – ela começou a fazer sanduíche para as crianças, eu me virei – olha só para nós, não somos casados mais já discutimos, com se fossemos.

*-*-*-*

-Mãe?-ela estava sozinha em seus pensamentos depois que lhe contei tudo.

-Edward! Você acha que mulher grávida é inútil? Bella já foi mãe, e você sabe não há amor no mundo maior que o de mãe. Você errou, tanto com sua namorada, como com sua filha. Olha só até você veio me pedir colo.

-É eu fui um inútil.

-Foi um estúpido filho.