Minha Pequenina Loba Branca escrita por LyKa Stark Nightmare, Lyra Black Pevensie


Capítulo 4
O sonho


Notas iniciais do capítulo

Ai mais um cap desculpa a demora mas achei uma beta muito LOK e ela ta me ajudando e acabou por revisar os caps e postei outra história vejam lá.

AVISO IMPORTANTE

OS CAPS FORAM REVISADOS E MUDADOS PELA LYRA QUEM ACHAR MELHOR (euuu)VEJAM LÁ COMO FICOU.



Nos olharam aturdidos, sorrimos sem graça e eles riram nervosamente como se esperassem algo, depois eu e Lee fomos para o quarto.

Os únicos que restavam lá em baixo eram Billy e Sue que arrumavam as coisas, Seth também já havia se retirado.

 Lee foi até o banheiro mudar de roupa e eu quase tive um ataque de riso quando vi seu pijama.

http://www.polyvore.com/cgi/set?id=30301781&.locale=pt-br

Ela me mandou ir trocar de roupa, eu peguei minha bolsa e me dirigi ao banheiro, depois que sai Lee teve um ataque de riso e em pouco tempo riamos como duas hienas.

http://www.polyvore.com/cgi/set?id=30301880&.locale=pt-br

 - Owm! que fofo Isabella MARIE Swan – disse ela ainda rindo horrores.

 - Ainn que amor senhorita estou de mal humor – respondi sarcástica, no fundo sabia que eu e Lee éramos parecidas sarcásticas, irônicas, afiadas, carinhosas, felizes e meigas uma combinação estranha, mas não impossível. - A qual é! você usar um pijama da Marie e seu segundo nome É Marie é meio estranho ou é uma alusão a você – respondeu-me afiada.

 - A vá te catar Lee – respondi brava, rimos mais um pouco e decidimos dormir, isso lá pelas 3:30 da madrugada, ou seja que dia loooongo.

Sonho on

Nessa noite sonhei com algo estranho. Não como os outros, como os que Edward repete loucamente “Você não é boa para mim”.  Não, não era assim eu corria fugindo de uma dor sem precedentes, então do nada comecei a ouvir passos pesados e duros como pulos de alguém de 300 kg. Olhei ao redor, mas nada vinha. Continuei correndo até que a dor virou uma bomba relógio olhei para o lado e vi a Leah, ela fazia o mesmo que eu, corria rapidamente.

 Se aproximou de mim com uma habilidade que não era dela. Fez uma careta de dor e me olhou nos olhos, os olhos suplicantes.

 - Parece uma bomba relógio – sussurramos em uníssono, quase inaudivelmente. Mal eu mesma ouvi minha voz.

Continuamos correndo até um cheiro familiar me arrebatar parei de correr olhei para os lados. Lee continuou, logo a segui de perto.

- Vamos Bella – sussurrou Leah – o que é isso? por que nós estamos correndo? Não consigo pensar meu corpo dói minha cabeça parece que vai explodir! Oque esta acontecendo? – Fiz que não com a cabeça. Ela entendeu e abaixou os olhos muito bem maquiados, com uma maquiagem bem leve.

 Do nada a dor aumentou. Parei automaticamente.

 Leah me olhou, e logo depoi seu rosto se retorceu. Ela também parou.

 Nos debatíamos. Nossas bocas se abriam no que deveria ser uum grito ensurdecedor, mas não havia som. Pareciamos almas perdidas!

 Pareciam anos, um calor infernal cruzava minhas costas como a água corre entre as pedras do riacho, só que essa água estava muito, muito quente. Cada vez pior, até que decidi não prender mais. Deixei o fogo subir, explodir.

 Ouvi um barulho de varias roupas, minhas e de Lee, rasgando.

Der repente estava novamente correndo. A velocidade ainda maior, tudo era um borrão. olhei para o lado e vi um grande lobo cinzento com partes brancas, mas não senti medo senti como se fosse minha família, que era responsabilidade minha.

Corri até não poder mais, chegamos perto da fronteira do Canadá quando parei.

Ainda levei umas 4 arvores, comigo a grande loba, o que eu descobri a pouco tempo pois do nada ela me disse na minha cabeça “Eu vejo você, mas quem és?” sorri de canto. Uma loba que pensa!

ignorei e respondi meio sem jeito. - Eu sou a Bella e você? – perguntei, ela arregalou os lindos olhos castanhos.

- Eu sou a Leah, Bella – A olhei pasma.

 - Desde quando você é uma loba? – perguntamos juntas ela fez que não ao mesmo tempo que eu. Quando avistei um lago fiz sinal para ela me seguir.

Eu realmente não esperava aquilo. Era exatamente o que Leah havia dito.

 Quando olhei meu reflexo na água límpida quase cai para trás. Ela repetiu o meu ato, eu era uma grande loba branca com uma espécie de coroa, um diadema lindo.

Agora imagine uma loba toda desgrenhada e branca, e ainda por cima com um diadema feito de ouro branco que eu nem sequer estava usando? É estranho, mas foi isso que aconteceu.

Daí tudo ficou branco e não vi mais nada.

 Sonho off

Acordei assustada e suando frio, o que vinha sendo extremamente incomum para mim, pois eu estava a uns 45 graus há dias.

 Olhei para o lado, Lee também estava suando muito e parecia bem assustada.

- O que ouve Lee/Bel? – perguntei ao mesmo tempo em que ela.

 contei-lhe meu sonho.

 - NÃO BELLS COMO NÓS TIVEMOS O MESMO SONHO NO MESMO DIA? – Perguntou e eu?

Encolhi meus ombros em rendição, olhei para o lado e vi no relógio que ainda eram 5:00 h. ela olhou vagamente para o mesmo e logo voltamos a dormir.

 Não que eu ache que tenha sido em paz, mas não sonhei mais.



Notas finais do capítulo

Bjsbjs reviews?

Bjs pra quem vai e bjs pra quem fica.