Poderoso Chefão escrita por Sweet Lips


Capítulo 15
14 º Capítulo - MINHA!


Notas iniciais do capítulo

AMOOORES Desde já quero vos dar um SUPER-OBRIGADO pelos reviews que me tem mandado,amo voces de montão e só Deus sabe como é que sinto quando vejo o quanto vcs amam essa fic!♥ Bem aqui está outro capitulo e vou já avisando,aqui o Jake está bem CACHORRÃO mas é normal né?Não é todo o dia que o Chefão é "corno" kkkk xDEspero que gostem,apreciem!^^



                                           PODEROSO CHEFÃO

                                       CAPITULO 14 - MINHA!

Jake PDV

Tinha chegado tarde a casa.O novo carregamento de droga tinhademorado a chegar e eu tinha que estar lá para colocar tudo em ordem.Cheguei na mansão e minha Nessie já estava dormindo.Sorri involuntariamente vendo-a dormir como um anjo.Tomei um banho rápido e me deitei encostado a ela.Estava tão cansado que nem em importei de não ter transado com ela.Agora a única coisa que queria sentir era meu corpo contra a cama macia.

                                             (...)

Me espriguieçei na cama sem abrir os olhos.Levei meu braço até ao lado da cama e nada de Nessie...de novo!Essa mulher madruga!Abri meus olhos com esforço e nada dela.Reparei num bilhetinho na mesa de cabeçeira e o li.

"Amor fui ao médico,não estava me sentindo muito bem.Não demoro.Beijos.Nessie".

Médico hem?Essa merda não está me entrando.Coloquei uma calça rapidamente e fui á cozinha.A imprestável da Emily estava lá como sempre e quase levou um treco assim que me fui sem camisa.O que falta de homem faz...

- Voce viu Renesmee?_perguntei me aproximando.

- S-Sim senhor.Ela disse que ia ao médico._ela estrava tremendo mais que o habitual.

- Médico o escambal,me diga agora onde ela foi antes que eu perca a paciencia que me resta com voce!

- M-Mas senhor foi o que ela me disse,não sei de mais nada!_respondeu chorosa.Bufei batendo com o punho na porta e saí da cozinha,acabando por esbarrar com Claire no corredor.

- Oi fofinha,sua mãe onde está?_falei me agachando para ela que me olhava meio assustada.Entendia porquê.O pai dela devia inventar atrocidades sobre mim.Aposto que essa menina já teve vários pesadelos comigo sendo o bicho-papão.Claire deu meia volta e fugiu de mim.Suspirei e me leventai novamente indo até o quarto delas onde ela estava agora,no colo de Leah.

- Essa menina mesmo não vai com a minha cara.Herdou os genes do pai._falei me apoiando na berma da porta,tentando levar na brincadeira.Leah sorriu,voltando a por a filha no chão.

- Não exagere Jake ele é assim com todas as pessoas._disse vindo a mim.

- Voce viu Renesmee esta manhã?_perguntei e Leah engoliu em seco.

- Não,mas porque?

. Lee não me minta eu te conheço muito bem esqueçeu?Ela te falou alguma coisa?

Leah mordeu o lábio e passou a mão na testa.

- Jake...ela me pediu para não te contar.

Me aproximei dela,agarrando nos seus braços com força.

- Sem essa ok?Vamos,desembucha!

Leah suspirou e me olhou novamente.

- Ela foi se encontrar com Anthony...

Aquelas palavras pareceram me matrelar a cabeça.Não,aquilo não podia ser verdade.

- C-Como disse?_perguntei ainda sem acreditar.

- Ela quer te ajudar Jake,ela está com medo de que Nahuel te mate e foi pedir ajuda a Anthony.

- Mas será que ela não percebe que eu não preciso de ajuda muito menos daquele crápula que é nem digno de confiança alguma!

- Eu sei mas veja o lado dela,ela está desesperada,quer a segurança do marido e do filho.Não tire conclusões precipitadas,ela só quer o bem de voces.

- Uma pessoa não vai pedir ajuda para um cara que praticamente a sequestrou no dia anterior,isso é burrice a mais!Odeia ele num dia e no dia seguinte está disposta a confiar nele?Isso está muito mal-explicado!Ela foi ter com ele porque quis Lee,aquele flho da mãe conseguiu seduzi-la e agora irei perde-la...isso não pode estar acontecendo,isso só pode ser uma maldição só pode..._e sem que eu pudesse evitar já lágrimas estavam escorrendo pelo meu rosto.Leah passou a mão no meu rosto me olhando apreenciva.

- Jake ela te ama voce sabe disso,por favor não deixe que isso abale voce...

- Preciso de ficar sozinho Lee..._falei tirando sua mão do meu rosto e saindo de lá.Imagens possiveis deles dois juntos passavam na minha cabeça e a cada imagem que aparecia,uma batida cardíaca falhava,como se eu fosse morrer...

Fui á cozinha e peguei na primeira garrafa que vi voltando para o quarto.Me deitei na cama e inalei seu traveseiro e seu cheiro estava lá,empragnhado.Mais lágrmas vinham.Saber que ela tinha sido levada á força era uma coisa,agora que ela tinha ido de livre e expontanea vontade era doloroso demais de ingerir.Dei um trago violento na garrafa e sem me aperceber já tinha acabado sem deixar uma gota.O alcóol já estava dando resultado pois minha cabeça estava zonza.Sentei na cama apoiando minha cabeça com ambas as mãos.Até ouvir a porta bater...

Nessie estava lá,me olhando surpresa.Me levantei num ápice para me certificar que ela estava mesmo lá.Que não tinha fugido de mim...

- Ness..._falei num sussurro,abraçando-a com força._Meu Deus quer me matar é isso?Como voce sai sem me dizer alguma coisa,já estava ficando preocupado!Pensei que aquele canalha te tinha tirado novamente de mim,voce não sabe a angústia que eu senti assim que soube que voce ia ter com aquele homem?Porque fez isso comigo,quer me ver sofrer,e isso tudo porque?Por causa do que aconteceu com Leah?Eu te amo jamais te trairia se voce quiser eu a tiro daqui ainda hoje!_falei passando as mãos pelo seu corpo com sofreguidão,queria me certificar que não era uma ilusão.

- Jake deixa de ser ridiculo não tem nada haver,eu fui tratar de assntos pendentes com ele..._disse ela em pura frieza.Me solte dela com brusquidão.

- Quer dizer que agora voce tem assuntos pendentes com aquele cara que ainda ontem praticamente te sequestrou?_a tristeza tinha se tornado ódio agora.

 Não foi bem isso,ele não é esse monstro todo que aparenta ser.Consegui ter uma conversa bastante civilizada com ele tanto que ele me deu emprego e tudo no restaurante dele.

- O QUE?OFERECEU UM EMPREGO?E VOCE RECUSOU CLARO!_perguntei apontando o dedo para ela.Nem acredito que ela poderia ter pensando nessa possibilidade!

 Claro que não.Eu estou cansada de estar sempre trancaviada nessa mansão sem ter nada o que fazer Jake,quero trabalhar ser um pouco útil!Anthony diz que eu tenho muito jeito para culinária e meu sonho sempre foi trabalhar num restaurante.

- ENTÃO ESSE É O PROBLEMA?SE É ESSE EU ABRO UM RESTAURANTE PARA VOCE!AGORA NÃO ME VENHA COM ESSA DESCULPA RIDICULA SÓ PORQUE QUER PASSAR TEMPO COM ESSE CARA NAS MINHAS COSTAS!_eu estava transtornado e ela notara.Nessie não tinha razão e sabia,então porque estava me fazendo isso porra?

- Não venha com essa conversa Jake,falando assim até parece que voce é totalmente fiel a mim,tanto que ontem ficou aos beijos com a sua ex-namorada!

Um click me veio.Então era disso que se tratava?De uma vingança besta?Será que ela pensa que quando eu falo que a amo é da boca para fora?

- Oh então é disso que se trata...quer se vingar de mim é isso?_e agarrei no seu braço com força encostanda-a contra a parede._Só me falta dizer que beijou Anthony hoje!

Não,por favor,diga que não,eu te imploro!

- Jake voce está me assustando me solta!_choramingou.Aquilo me estava me matando,ver suas lágrimas quase me fez amolecer mas eu não podia,tinha que tirar essa história a limpo!

- ME RESPONDA!ELE TE BEIJOU?_apertei com mais força ainda.Não estava em mim.

- S-Sim..._as palavras tão temidas.Meu coração parou de bater naquele momento,minha respiração estava turva.Me afastei dela e num ataque de fúria começei atirando tudo o que via pela frente no chão.Soquei as paredes e portas sem me importar de estar quase partindo os dedos.

- Jake por favor se controle!_pedia ela com medo,mas era escusado.

- COMO PODE ME FAZER UMA COISA DESSAS?EU TE DEI TUDO QUE PODIA,MEU ESTATO MEU AMOR,COISA QUE NUNCA FEITO COM NENHUMA MULHER!EXPRIMI TODOS OS MEUS SENTIMENTOS POR VOCE ME ENTREGUEI DE CORPO E ALMA E É ASSIM QUE VOCE ME AGRADECE?SE ATIRANDO AO PRIMEIRO CARA QUE TE APARECE?NUNCA SOFRI TANTO NA MINHA VIDA COMO ESTOU SOFRENDO HOJE,SE VOCE TIVESSE ME DADO UM TIRO SERIA MENOS DOLOROSO!_falei com toda a força que meus pulmões me permitiam.Me deixei cair no chão de joelhos com as mãos tremendo devido ao sangue que escorria nelas.

Por favor Jake quem está me matando é voce,se maltratando desse jeito.Por favor me deixe cuidar desses ferimentos..._disse ela com a voz abatida,se agachando para mim.Sim,eu queria seu toque,sentir sua mão contra minha pele,te-la nos meus braços e não deixá-la mais sair dos meus dominios mas algo me impedia de mostrá-la isso.Eu não queria o seu toque,pelo menos agora...

- Me deixe em paz...não me volte a tocar._falei sem olhá-la e sai do quarto batendo com a porta com todas as minhas forças.Leah e Emily estavam no corredor e assim que me viram,me olharam horrorizadas.

- Jake o que se passou?Ouvimos gritos e coisas partindo...Meu Deus,seus dedos estam sangrando!Emily,se importa de trazer algo para tratarmos dos ferimentos?_pediu Leah e Emily acentiu desaparecendo de lá.Leah veio até mim me abraçando e outro choque me percorreu.Chorei mais ainda.

- Jake não acredito que voce fez isso Meu Deus,não se machuque assim...

- Ele a beijou Lee,a beijou...já foi um começo...

Leah me olhou apreenciva.Só ela entendia meu sofrimento.Levei minha mã tremula até seu rosto quase automáticamente.Ela estranhou.

- Talvez tivesse sido tudo diferente se ainda estivessemos juntos..._as palavras sairam sem que eu as controla-se ou as sentisse.Eu só queria aliviar um pouco a minha dor.

- Jake por favor não se magoe ainda mais.Essa raiva toda vai passar e depois vai se arrepender._disse,acariciando meu rosto.

Emily veio com uma caixa de primeiros-socorros e uma camisa engomada.Leah me encaminhou para o seu quarto e cuidou dos meus ferimentos.

- Acho melhor eu ir embora.Não quero trazer problemas para voces._disse,passando o algodão na ferida.

- Acho melhor também...o clima aqui está pesado e isso não é bom para voces.Peço ao Embry para levar voces a uma das minhas casas que estam desabitadas,aí voce decide o que fazer._me levantei,colocando a camisa e me preparando para sair.

- Onde vai?

- Desaniviar a cabeça..._falei batendo a porta.Fui á garagem,pegando no meu porshe.Andei pela cidade acabando num clube noturno.Estacionei meu carro e entrei sendo logo abordado por várias garotinhas ou seja...putas.

Fui ao bar pedir um Martini e senti uma mão apoiando delicadamente no meu ombro.Me virei e uma morena estava lá,quase me devorando com os olhos.Fácil demais.

- E aí gato viu alguma coisa que gosta?

- Acabei de ver mesmo agora._falei entrando no jogo,mirando seu corpo,que não era tão mau para prostituta.

- Ótimo,porque eu nunca tinha visto um homem tão lindo entrar aqui neste clube.

- Considere-se com sorte então gata,não dou bola para qualquer uma não.

Ela mordeu o lábio,passando o polegar no meu peito.

- Vai um programinha?Olha que os outros nunca reclamaram hem...dizem que eu tenho uma habilidade inimaginável.

- Eu não sou como os outros queridinha,sou bem mais exigente.

Ela gemeu feito gata no cio.Triste...

- Encaro isso como um desafio então.Vou ter que dar tudo de mim._e acariciou o peito.Sorri olhando-a.

- Me mostre o que vale então,vou ter já já com voce._falei dando um tapa na sua bunda,fazendo-o arrebitar.Ela sorriu piscando para mim antes de sair.Voltei a minha atenção á bebida até receber um bilhete trago por um empregado.

- Um senhor  mandou entregá-lo._disse ele.Abri a folha e li

" Xeque Mate Black"

Eu conheço aquela letra horrível de algum lugar.Olhei para trás e o vi.Sentado numa mesa mais atrás erguendo-me  copo,sorridente.Amachuquei a folha só com uma mão e fui ter com ele feito um touro.Ele levantou a mão como se prevenisse meu acto.

- Se controle,estamos num lugar público.Me espanque noutro dia.

-Bem que voce está merecendo isso seu filho de uma puta manca,para além de beijar minha mulher ainda tem a petulancia de a convidar para trabalhar na merda do seu restaurante?

- Que culpa tenho eu que voce seja um fraco hem?Te digo já se eu tivesse uma mulher como a sua eu jamais viria para um sitio destes.Ela precisa é de um homem a sério e pode apostar que ela vai cair na minha aos poucos.Sou bem mais homem que voce.

Apertei meus punhos com força.Tamanha a vontade de quebrar aquela cara!

- Pelos vistos a surra que te dei a dias não bastou né,precisa de mais!

- Está vendo o que eu digo?Acha mesmo que uma mulher como Renesmee irá aguentar viver com um homem assim bruto?Acha mesmo que ela vai querer um exemplo desses para o filho?

- Não ouse tocar no nome do meu filho._eu via tudo vermelho.Estava em ponto de ebulição.Anthony sorriu.

- Não se preocupe Jackie,assim que sua mulher cair nos meus braços eu cuidarei muito bem do vosso filho,sou um ótimo padrasto.Quem sabe faremos também um filho nosso hem?Aquela ruivinha deve ser uma delicia na cama,estou morto para comprovar isso.

- SEU FILHO DA PUTA!_e então voei para cima dele novamente,fazendo-o cair da cadeira e agora estava em cima dele socando-o com toda a raiva que meu corpo transportava.Pena que não pude surrá-lo mais,pois uns caras tinham me separado dele.

- ME SOLTEM AGORA SEUS MERDAS,ME SOLTEM!_esbravejava eu mas era excusado,eram muitos que me agarravam enquanto outros ajudavam Anthony a se levantar.

- Senhor por favor queremos que se retire,este clube não permite lutas!_disse um cara que estava entre nós.Me soltei bruscamente,lançando um olhar mortal para Anthony enquanto apontava para ele.

- Isso não acaba aqui.Vou fazer voce afastar dela nem que eu te mate desgraçado.Ela é minha e ninguém toca!

- Isso é o que vamos ver..._falou ele sorrindo.Deixei aquele clube voltando para casa.Entrei para o quarto e vi minha Nessie...de camisa de noite branca,aquela que eu tanto gostava...ela me olhava esperançosa.Não pude resistir.

Fui até ela,beijando-a com sofreguidão como se fosse a primeira e última vez que o faria.Ela correspondeu,me apertando cada vez mais para o seu corpo,enquanto puxava meu cabelo.

- Jake me desculpe..._disse ela entre beijos.

- Não fale mais nada Ness por favor,pensei que te tinha perdido.Não consigo suportar a ideia de viver sem voce.Voce é a minha vida,me dá forças para aguentar todos os dias.Te amo..._falei me separando dela,que sorria para mim.Minha mulher,só minha.

- Quando vai entender que eu jamais deixarei voce?Eu te amo,só voce,de corpo e alma....a única coisa que te peço é que confie em mim.

Suspirei passando o dedo no retorno da sua boca.

- Voce não vai tirar essa ideia da cabeça pois não?

Ela abanou a cabeça negativamente.Bufei.

 - Porque voce é tão teimosa,gosta de me desafiar céus!Nessie aquele cara não é de confiança ele está disposto a te tirar de mim,voce acha que isso é facil para mim?Saber que voce vai todos os dias trabalhar para o meu inimigo?

- Jake por favor eu só quero um voto de confiança,eu não vejo Anthony desse jeito e eu sei que ele não é assim,só faz isso para te irritar porque tem alguma coisa contra voce._e pegou no meu rosto,para que a olha-se nos olhos._EU TE AMO!Não a ele,jamais deixaria que ele me afasta-se de voce,por favor confie em mim!

Suspirei olhando para a sua barriga.Ela não podia se estressar muito,apesar de ela só fazer isso comigo.Merda,eu me mataria mais tarde por isso..

- Tudo bem...mas com uma condição!Voce será acompanhada por 3 seguranças meus de confiança,não fará nada sem que eles te vejam!Se cortar cebola eles estaram lá para chorar por voce,se deixar cair alguma coisa eles é que abaixaram para apanhar,se eles virem aquele filho de uma égua tentar alguma coisa para voce não hesitarão em matá-lo entendeu?

Nessie sorriu com a minha figura e me beijou.

- Como quiser,só não se machuque nem se zangue mais comigo.

Sorri,beijando-a mais demoradamente.

- Sabe que eu não aguento ficar zangado com voce,é doloroso demais.Ainda mais quando tá assim tão apetitosa..hm...adora me provocar não é?

Ela mordeu o lábio,maliciosa.

- Achei que assim voce faria as pazes mais rápido...

- Ainda por cima é manhosa!_puxei-a beijando-a._Se prepare,vou buscar um copo de água e volto já já.Prepare-se para a ronda visto que ontem a gente não fez,hoje será a duplicar!

Renesmee se atirou na cama,me olhando safada.Ai que mulher!

- Fico te esperando...

Sorri indo até a cozinha enchendo o copo com água.Até sentir uma mão pousar delicadamente no meu ombro.Sorri

- Não aguentou esperar,né safada quer fazer aqui mesmo na cozinha._falei malicioso e então me virei levando um susto.

- Jake preciso conversar com voce..._disse Leah com o sutiã praticamente todo á mostra.Que merda é essa agora??

                                  CONTINUA...

                   _____________________________

Aqui está outro capiutlo espero que tenham gostado!*_*

Obrigada a todas as fofix que comentaram e principalmente as que recomendaram:

DanielaTwilight _ Polly_Fic_Gomes_H_S_Babi-black(seus comentários simplesmente me matam...de felicidade!:D)_Nathi de Lima

E aqui vai uma chantagenzinha básica 66´

 Se quiserem ler o próximo cap,quero pelo menos mais 3 recomendações!!!É se ficam falando maravilhas da fic porque não reocmendam hem?Estou apenas puxando por voces fofas não me acusem!^^

Bjkas e até a próxima sexta!(se tiver recomendações!MUHAHAHAHAHAHAHAHA XD)