Palacio escrita por liane


Capítulo 28
Capítulo 28




-Karin desapareceu. –Diz Orochima. –Ela é alguem que podemos usar, mas parece que alguem está a nossa frente.

Sai não gostava que sua mãe usasse Karin, pois ele se sentia em uma relação semelhante a ela.

-Pare de provoca-la. Ela já se machucou demais. A dor passará com o tempo e ela se tornará mais forte.

Assim que Sasuke pôs os pés no palácio Sakura foi fala com ele.

-Como pode ser assim? Eu estava tão preocupada com você. Você sai daquele jeito, nem tentou me ligar! Tente fazer isso de novo e eu te deixarei!

Ele para de anda e diz simplismente

-Vá dormir, está tarde. –Mas ela não obedece e entra em seu quarto.

-Eu sei que você guarda suas coisas para si mesmi e sofre sozinho, mas eu também sofro. Somos um casal. Por que sempre estou longe de você? Você não conta comigo nenhuma vez. Por que sofre sozinho, idiota?

-Estou cansado. Não diga mais nada. –Sasuke se dirige a cama, mas para no caminho

-Me preocupo com você, esse seu temperamento só te mete em confusão. –Ela cansa de falar para Sasuke e vai em direção ao seu quarto, mas Sasuke a impede abraçando-a repentinamente e forte fazendo-a ficar sem ar.

-Mesmo que eu não seja mais o príncipe herdeiro por favor fique ao meu lado. –Suplica Sasuke ao seu ouvido.

No outro dia Karin fez uma declaração ao Joranal

-Sim, eu e Sasuke somos colegas de classe e como dizem namoramos por 2 anos. –Declara Karin

-Ouvir dizer que p príncipe herdeiro lhe fez o pedido de casamento. –Comenta o reporter

-Sim, ele fez, mas eu o rejeitei. Por que para mim meu sonho é mais importante. Não sou o que os boatos faalm: “Uma mulher Abandonada pelo Príncipe.” Eu escolhi isso e não me arrependo.

Com essas declarações foi desfeito os rumores a respeito de Karin e Sasuke.

Sai conseguia cada vez mais poder politico dentro do palácio e ate mais credibilidade do que o príncipe herdeiro com o rei, e os anciãos.

No dia seguinte era a festa de aniversário de Sai e ninguem havia preparado nada, mas ele teve uma ideia.

-Gostarioa de passar dois dia e uma noite no campo com meus amigos, se posivel gostaria de ter presente a princesa e o príncipe.

Sakura fica animada com a idéia de ir a festa, mas Sasuke não se agrada nenhum pouco.

-Certo. Os três podem ir, para que você possa ter ar fresco para dar inspiração a sua graduação. –Diz a grande rainha

-Sim, mas tomem cuidado para não haver maus entendidos para que surjam fofocas. –Diz a Rainha.

Sakura olha para Sai sorridente e ele retribiu o olhar, enquanto Sasuke fica com uma cara de poucos amigos e sai da sala sendo seguido por Sakura.

Quando estavam um pouco distantes ela pergunta

-Por que não me contou? Se Sai-kun nos convidou, então você deveria ter me falado. –Reclamava Sakura com Sasuke que estava impaciente.

-Que tipo de festa de aniversário dura um dia e uma noite? Eu não vou. –Diz Sasuke.

-Mas se não formos não acha que ele vai ficar triste? Minhas amigas foram convidadas também. –Insiste Sakura

-Você realmente quer ir? –Sasuke pergunta

-Eu quero ir, mas realmente quero desejar feliz aniversario a ele.Mas no seu aniversário Sai-kun também foi... –Sakura argumenta com Sasuke

-Por que se importa tanto? –Sasuke pergunta a deixando pensativa

-Como assim “importar”? Olha só! Só estou dizendo que quero ir no aniversário do meu amigo. –Sakura se defende.

-Amigo... Sim, claro –Diz Sasuke se distanciando

Sakura o segue dizendo

-Apenas vamos! Vai! Você ai não é?

No outro dia todos estavam prontos pra ir ao aniversário de Sai que seria em outro lugar, uma casa emprestada. Sakura exibia seu carro novo que ganho de sua mãe era um novo fusca verde, combinava com seus olhos e suas amigas estavam admirando o carro.

-Sakura, esse carro é realmente seu? –Pergunta Temari.

-Lindo, ão é? Minha mãe que me deu.

-Mas você conseguiu a carteira? –Pergunta Ino

-Claro! Eu sou ótima. –Diz ela

Sasuke chaga em seu carro e ao ver Sakura com o carro desce e pergunta

-Como tirou o carro da garagem? –Ele sabia que ela num era boa motorista

-Já estava aqui. –Ela disfarça

-Você realmente está pensando em dirigir esse carro? –Pergunta Sasuke

-Claro.

-Mas você nunca dirigiu na estrada não é? –Ele fala

-Você não praticou comigo da outra vez? –Ela se defende

“Claro a vez em que quase me matou?” –Ele pensa

-Esqueça, vá no meu carro! É muito perigoso. –Diz tentando convence-la.

-Não, quero ir no meu carro! –Diz ela –Meninas também querem ir no meu carro não é?

-Claro. –Diz Temari insegura

-Ok, então dirija devagar. –Diz ele se preocupando –E me ligue se acontecer algo.

-Você não que ir comigo também?

Ele ri e diz

-Sou o príncipe herdeiro minha vida é muito preciosa. Te vejo lá.

-Vamos meninas. –Diz ela dentro do dando partida.

Karin também foi convidada a festa, Shino ia leva-la

-Karin, não precisa ir se não quiser. –Diz ele vendo olhar pela janela

-Não, quero ir sim. Eu não tive uma boa conversa com os amigos desde o incidente, quero viver agora como qualquer pessoa sem ser apontada pelos outros.

-Certo então vamos.

Eles seguem rumo a casa que Sai faria a festa.

Sakura estava tentando tirar o carro, claro que estava toda enrrolada acelerava e parava direto.

-Sakura, cuidado. –Diziam suas amigas aos berros.

Ela avança e para derepente.

-Sakura! VOCÊ DISSE QUE SABIA DIRIGIR?! –grita Temari.

-Eu não sei, tem algo errado com o carro. –diz ela

Sai estava atras de Sakura e observava tudo.

Sakura estava parada e Sai foi ate onde estava o carro

-Sakura. –Diz ele olhando preocupado com ela

-Sai-kun, você ainda não saiu? –Pergunta Sakura

-Vou agora, mas você consegue diurigir ate lá? –Diz Sai preocupado.

-Sim, deve ser algum problema com o carro... Pode ir. –Diz ela tentando mostrar-se confiante

-Sakura, não podemos ir no carro dele? –Pergunta Tenten.

-Eu também estou com medo, Sakura. –Diz Ino.

-Vamos economizar gasolina e deixar o carro aqui, não é? –Temari tenta persuadi-la

-Meninas vocês nãoconfiam em mim? –Pergunta Sakura –Vamos. –Diz ela dando a partida.

-Sai-kun você pode ir.

Ela da a partida acelerando e freando o carro ate quando consegue estabilizar-se.

Mas seguindo o conselho de Sasuke ela foi devagar.

-Sakura você esta a 40 por hora... –Reclama Temari.

-40? É melhor eu reduzir!

-Ate meu avô vai de 60 por hora. –Argumenta Temari

-Certo, pise no acelerador, vai acontecer um acidente indo devagar assim. –Diz Tenten

-Se continuar assim só chegaremos amanhã! –Reclama Ino.

-Faça algumas ultrapassagens. –Sugere Temari

-Ultrapassagem não é seguro, é mais rápido ir em linha reta. Não se preocupem eu vou acelerar. –Sakura acaba pisando no freio e parando de vez

Sai que não pode deixar de acompanha-las por trás com medo que Sakura sofresse algum acidente não podia deixar de ri da situação.

Sasuke e todos os outros convidados (Shikamaru, Karin, kiba, Shino e Sasuke) estavam esperando Sakura e as meninas; e também Sai o aniversariante que não tinha chegado.

Quando ouvem gritos das garotas e Sakura se aproximando e freando ate que conseguiu estacionar corretamente. Sai estava logo atras delas.

-Chegamos. –Diz Sakura sorrindo, Sasuke aproxima e diz

-Por que chegaram tão tarde? Esperei 3 horas.

-São só 3 horas, de qualquer forma chegamos. –Diz Sakura

Sakura olha para Sai que desce do carro.

-Ah, você veio. –Diz Gaara

-Esperaram muito? –Pergunta ele

-Vamos entrar diz Sai.

Sasuke percebendo pergunta a Sai

-Por que chegou tão tarde?

Sai ri e segue direto sem responder a pergunta de Sasuke.

Todos entraram e logo mostrou a separação de quartos.cada uma ia ter um quarto.

-Por que vamos ficar em quartos separados? –Pergunta Temari. –Será mais divertido se ficarmos todas juntas –Sugere.

-Certo vamos dividir um quarto. –Diz Ino decidida

-Mesmo, tem quartos com 3 camas, então fiquem lá se quiserem. –Diz Sai.

Shino, Shika e Gaara se olham e dizem

-Então vamos dividir um quarto também. –Sugere Shino.

-Ah, eu sou mais sensivel e não estou acostumado a dividir o quarto. –Diz Shikamaru fazendo Gaara e Shino rirem

-Que piada! Você escovou os dentes, roncou e dormiu bem da outra vez. –Reelembra Shino.

-Será interessante dividir o quarto. –Diz Gaara.

-Esperem. –Diz Temari aponta para Sakura e Sasuke –Vocês vão dividir o quarto já que são um casal, certo?

-Sakura e Sasuke se olham.

-Ei, não precisa perguntar o obvio certo? –Diz Ino.

Sai os olham.

-Meninas, me levem com vocês. –Pede Sakura. –Não passo a noite com vocês a tempos, vai ser chato ficar sozinha.

-Como você vai ficar sozinha? Seu marido ficara com você. –Diz Temari. –Vamos.

Todos saem da sala deixando só Sakura, Sasuke e Sai.

-O que foi vamos?! –Diz Sasuke pegando as malas de Sakura que continua parada olhando para Sai. –Eu disse vamos!! –Diz Sasuke a puxando pelo braço deixando Sai sozinho.

Ao entrarem no quarto Sakura e Sasuke deixam as coisas no armario e ela continua a mexer em tudo. Quando se cansa se senta e decide conversar com Sasuke.

-É meio estranho dividir o quarto com você.

-Por que você fingi estar tão tímida? Você já não deveria estar acostumada?

-Mas mesmo assim é uma pena já que vim com minhas amigas.

-Você não gosta de dividir o quarto com seu marido? Então saia e peça outro quarto!

-Não disse isso...Vai acontecer algo ruim se continuarmos a ficar no mesmo quarto...

-Algo ruim?-Pergunta ele sem entender

-Como naquela vez na minha casa e foi sozinho para Tailandia. E teve a outra vez que dividimos o quarto devido aos maiores ordenarem e no utro dia as suas foto com Karin sairam nos jornais, e a ultima que fomos dormir juntos na praia e a foto de seu beijo com Karin chegaou as minhas mãos... –Ela disse triste –O que acontecerá dessa vez? Você vai ficar em cima de mim?

-Se alguem ouvir isso, vão pensar que sou pevertido! –Diz ele zangado.

-Bem você é um animal ate me robou o meu primeiro beijos por não conseguir se conter... –Diz ela distraidamente.

-Você também não saiu perdendo. Esqueça vamos trocar de roupa.

Ela foi ao banheiro trocar de roupa e ele estava no quarto  também se trocando.

Ao terminarem foram a mesa que estava servindo o almoço a todos, estavam juntos e finalmente pareciam um casal de verdade.

-Sakura, Sasuke esta comendo pouco dê para ele. –Sugere Temari

-Por que esta comendo pouco? –Pergunta Sakura

-O cheiro não me agrada –Diz Sasuke

-Não seja tão fresco! Você não gostou de comer carne embrulhado no alface? –Sasuke a olhou assustado “Ela não pensa que comerei aqui na frente de todos!” –Pensa ele

-Farei um para você –Diz ela preparando.

-Abra a boca! –Ele tenta disfarçar e diz

-Não quero.

Todos olham o casal.

-Coma! –Diz ela

-Esquece. –Diz ele com um sorriso amarelo

-Eu disse para comer. –Ela o olha nada a migavel.

Ele finalmente aceita. Fazendo todos rirem, menos Karin e Sai.

-Sasuke parece ter mudado ultimamente. –Diz Gaara.

-De que jeito?

-Devo dizer que esta mais gentil.

-Homens ainda são dependentes das mulheres por hábito. –Karin se sente incomodada, mas nada fala –É por causa de mim... –Diz Sakura

Depois do almoço na hora do lazer Sakura, Ino, Tenten, temari e Sai vão pintar um quadro.

Sai olha para o dele e fica curioso em saber o que Sakura esta pintando, saindo de seu lugar e indo ver o desenho que era um vaso com flores.

-O que acha? –Sakura pergunta vendo que Sai esta observando.

-É pior do que eu imaginava. –Diz ele francamente

-Realmente deixa as pessoas sem palavras, está bem então vamos ver o seu! –Diz ela se levantando  e indo em direção a tela dele. Mas antes de chegar ele corre e a impede de ver.

-Não pode! Te mostro outro dia.

-Não é justo. –Diz ela de frente para ele –Vamos ver quão bem você desenha! –Ela tenta ir, mas ele a segura. Despertando a atenção das meninas que estavam observando a cena

-Não pode, eu já disse. É por que é meu projeto de graduação.

Ela finge que concorda e tenta uma ultima vez passar por Sai, mas não consegue.

-Eu te mostro depois.

Sasuke chega nesse momento e vê a cena.

-Esta indo bem? –Pergunta Sasuke se aproximando.

-Mais ou menos. –Responde ela

-Vou tirar uma foto, vamos. –Declara ele

-Tenho um monte de coisas para terminar.

-Ela tenta argumentar...

-Shiu. –Diz ele para ela ficar quieta

-Ok, está bem. Sai-kun, vamos tirar foto? –Convida ela ingenuinamente, ele pensa e diz

-Vá você. Tenho que continuar meu desenho.

Ela sai com Sasuke, e as mininas vão para seu quarto deixando-o sozinho com seu desenho que era ela...

Sinto tanto sua falta, assim como ontem

Meu desejo de te ver ainda não desapareceu

Ele respirava pesadamente, olhando para o seu desenho que era ela.

Você continua a aparecer em minha mente

Quanto mais me consolo, mais choro por você

Mesmo que eu seque essas lágrimas em segredo





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Palacio" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.