O Verdadeiro Amor sempre Sobrevive escrita por AlanJhoe


Capítulo 19
Capítulo 19 - A Volta do Time 7.




Longe de Konoha, numa densa floresta, uma entrada subterrânea leva a um esconderijo, nele se encontra Orochimaru que descansa para recuperar seu chakra, pois pretende começar a preparação para concluir seu objetivo, tomar um corpo Hyuuga, visivelmente animado olha para Hinata que está desmaiada.

- Ela não irá acordar, Madara a prendeu no Tsukuyomi, eu facilmente poderei completar meu plano – diz Orochimaru com voz sombria.

Ele se dirige a uma cama, onde esta Kabuto inconsciente, na luta contra Hinata ele levou um golpe que o deixou entre a vida e a morte, Hinata fechou muitos tenketsus, portanto seu corpo já não consegue mais fornecer energia para seus órgãos, porém Orochimaru, especialista em técnicas proibidas, utiliza mais uma para restaurar Kabuto, pega um prisioneiro que estava guardado para experimentos e utiliza a vida dele para que Kabuto se recupere.

- Kabuto, pode se levantar, tive que gastar uma cobaia, mas eu preciso de sua ajuda para isso – diz Orochimaru

Se levantando bem devagar e com dificuldade, Kabuto fala com voz tremida:

- Aquela Hyuuga, ela conseguiu me derrotar rapidamente, ela é muito forte, vejo que você precisou invocar Uchiha Madara para batalha.

- Sim, ela nos deu mais problemas que o esperado – responde Orochimaru

- E quando pretende começar a transferência de corpo? – pergunta Kabuto

- O mais rápido possível, só vou me recuperar por alguns minutos, para que meu chakra esteja forte o suficiente para tomar o corpo dela – responde Orochimaru.

- O senhor parece estar bastante apressado – diz Kabuto

- Já deixei uma presa escapar antes, dessa vez eu acabarei rápido – responde Orochimaru com um sorriso cheio de maldade.

- Aqueles vermes de Konoha tentarão encontra-la – fala Kabuto.

- Não se preocupe, é impossível nos achar e não conseguirão chegar até aqui antes que eu tome o corpo dela, pois estamos muito longe de Konoha, eu acabarei com isso antes que nos achem, e mesmo se por sorte deles isso acontecer, eu tenho outras cartas na manga – responde Orochimaru seriamente.

Em Konoha todos ainda estavam reunidos, o clima de tristeza era inevitável, todos estavam muito abalados com o seqüestro de Hinata, porém um fio de esperança começava a aparecer, o time 7 estava novamente formado.

- Naruto, você realmente achou onde Orochimaru está? – pergunta Tsunade.

Naruto com um olhar confiante responde:

- Sim, no modo eremita eu posso sentir o chakra das pessoas que estão na área, e...

Mas antes que Naruto complete a frase, Hiashi chega e fala:

- Mas então ela está por perto?

- Não, estão bem longe, provavelmente mesmo com o ritmo acelerado, levaremos algumas horas para chegarmos lá – responde Naruto.

- Então como você os achou? – continua Hiashi.

- Hinata tem um chakra bastante especifico, eu me acostumei muito com ela, isso faz com que o alcance da minha percepção aumente, eu não consigo sentir bem, mas meu coração diz que eu sei a direção de onde estão – responde Naruto rapidamente.

- Mas Naruto, você não acha precipitado irem apenas quatro pessoas? os oponentes são Madara e Orochimaru, eu acho que deveríamos mandar pelo menos três times, todos seus amigos agora são Jonnins, que tal o time do Gai? Rock Lee, Neji e Ten Ten são Jonnins muito poderosos, poderão te ajudar muito – fala Tsunade preocupada.

Naruto se lembra que agora todos seus amigos são Jonnins e se tornaram muito mais fortes que antes, mas mesmo assim ele olha nos olhos dela e diz:

- Vovó, confie em mim, o time 7 é mais que suficiente para essa missão, e se muitas pessoas forem será mais fácil de Orochimaru perceber nossa presença, assim ele poderá fugir antes de chegarmos.

- Isso mesmo, um grupo grande apenas nos atrapalharia – diz Sasuke.

Sai se aproxima de Tsunade e percebe que ela esta visivelmente preocupada, olha nos olhos dela e diz calmamente:

- Hokage-sama, eles não são ninjas comuns, todos são shinobis fortíssimos, por exemplo, no time tem Naruto que é hospedeiro da kyuubi, aprendiz de Jiraya, um dos três lendários, não preciso nem falar muito dele, pois você conhece bem sua força, tem também Sasuke, ultimo sobrevivente do clã Uchiha, derrotou Orochimaru, Deidara e Itachi, ele é um dos melhores ninjas da vila, Sakura, que hoje é considerada a melhor ninja médica do mundo, até mesmo te superou, a senhora deve ter muito orgulho dela e sabe de sua força e Kakashi do Sharingan, um dos Jonnins mais reconhecidos do mundo.

- Sai, você sempre foi muito calado, porque você veio me dizer isso? – pergunta Tsunade surpresa com a atitude dele.

- É Porque eu me considero parte desse time, atuei muitas vezes com eles e sei de sua força, não sou bom em falar muito, eu não sei quanto ao resto da vila, mas eu tenho total confiança nesse time – fala Sai com os olhos brilhantes.

Tsunade então é contagiada pela confiança que Sai passa, lembra também que Naruto merece confiança, se vira e olha para multidão que está ali parada e diz em voz alta:

- Todos vocês escutem, Naruto Uzumaki sabe onde Orochimaru está, e junto com Sasuke Uchiha, Sakura Haruno e Kakashi Hatake iniciará a missão de resgate de Hinata imediatamente, alguém é contra irem apenas os quatro? Alguém ai não acredita que Naruto consiga?

As pessoas que estão no local ficam pensativas, afinal iriam apenas quatro pessoas para uma missão tão perigosa, mas logo lembram que Naruto agora era um herói, todos o reconheciam e confiavam, e com ele iria mais três ninjas altamente fortes, logo todos fazem sinais positivos e demonstram que acreditam em Naruto.

- Está feito, o time 7, agora tem formalmente uma missão a cumprir, Sai você irá dar cobertura a eles, os siga a uma distancia razoável – diz Tsunade confiante.

Hiashi se aproxima de Naruto e diz com voz tremida:

- Naruto, eu acredito em você, você é o único aqui que pode salvar minha filha – faz uma pausa para respirar e seus olhos se enchem de lágrimas, então continua – Naruto, traga minha filha, por favor.

Naruto fica surpreso com a reação de Hiashi, pois ele sempre se mostrou muito rígido, então depois de ficar um pouco pensativo, Naruto chega mais perto de Hiashi, coloca a mão em seu ombro e diz calmamente:

- Quando pedi Hinata em namoro, eu disse a você que não iria decepcioná-la e que eu iria proteger Hinata, ela nunca ficaria triste enquanto estivesse comigo, senhor Hiashi, vou repetir mais uma vez uma frase que todos já devem ter ouvido de mim – então Naruto faz uma pausa para respirar e continua com voz fime - eu não volto atrás com minha palavra, porque esse é meu jeito ninja.

A expressão de Hiashi muda, agora seus olhos estavam esperançosos, não só Hiashi, todas pessoas ali também demonstram a confiança que tem em Naruto.

- Nós não podemos demorar, já estamos indo – diz Kakashi

- Naruto, nos mostre o caminho – fala Sakura.

Todos juntamente com o time 7 vão em direção ao portão de Konoha, uma grande multidão se forma, sob gritos de incentivo e confiança Naruto começa a se concentrar, logo entra no modo eremita, então ele invoca o pequeno sapo conhecido como Fukasaku, e lhe pede:

- Por favor, se funda ao em meu ombro e me forneça a energia da natureza que eu necessito para que eu fique sempre no modo eremita, assim como fazia com Jiraya.

- Mais e a Kyuubi? Da ultima vez ela me recusou – diz Fukasaku.

- Eu controlei o poder da Kyuubi, e ela parece estar mais dócil comigo, não esta mais fazendo força para me atrapalhar – responde Naruto.

Então Fukasaku sobe no ombro de Naruto e começa a se concentrar.

- Vamos – grita Naruto.

O time 7 parte em direção ao esconderijo de Orochimaru, estão confiantes, afinal o time estava bem mais forte do que quando eram crianças, Kakashi se lembra de quando montou o time, e fez os três tentarem pegar dois sinos, vê o quanto todos evoluíram, sente uma certa nostalgia que logo acaba, afinal estavam unidos novamente, então ele olha um por um e diz:

- Vocês cresceram, eu estou orgulhoso de vocês três.

- Você nos ajudou a crescer Kakashi-sensei – diz Sakura com um sorriso.

- Kakashi, apesar de não parecer, mesmo quando fui um rebelde, sempre te respeitei, sou grato a você, agora o Orochimaru sentirá a força do novo time 7 e Naruto, eu te mostrarei a força de um Uchiha de verdade – diz Sasuke confiante

- Sasuke, eu sei a força que você tem, e você sabe a força que eu tenho, por isso nós queremos provar sempre um para o outro que somos melhores – diz Naruto.

- Verdade, e isso nos ajudou a aumentar sempre nossa força, nunca queremos perder um para o outro – fala Sasuke.

Sakura olha para eles e diz:

- Eu pensei que seria mais difícil de vocês voltarem a ser amigáveis, achei que a rivalidade iria ser mais forte como sempre foi, na verdade imaginava que demoraria algum tempo para vocês voltarem a conversar normalmente, mas não foi isso que aconteceu, desde o primeiro momento vocês se deram muito bem.

Sasuke com um sorriso no rosto responde:

- Nós ainda somos rivais, porém não somos inimigos, ele sempre me considerou um amigo, e eu mesmo não querendo demonstrar também o considerei, nós tínhamos alguns motivos para brigarmos, mas agora estão resolvidos.

- Motivos? Eu sei que teve esses motivos, mas nunca os entendi muito bem, me explique? – pergunta Sakura.

Sasuke calmamente responde:

- Sim, para mim que na época só pensava na vingança contra Itachi, reconhecer a força de Naruto era como negar a minha, eu queria me tornar mais forte para derrotar meu irmão, mas ver como um idiota como pensava que Naruto era, tinha evoluido tão rápido me assustou, ele melhorou tão rápido que eu não percebi que eu tinha evoluído também, então fiz dele um inimigo, não quis reconhecer sua força, eu não podia deixar ninguém ser mais forte que eu, queria vingar o clã Uchiha de qualquer maneira, Naruto era meu melhor amigo, era o laço que me prendia na vila, tive que negá-lo, senão não conseguiria sair de Konoha.

- Entendo, eu já imaginava isso, mas você nunca tinha explicado tão bem – diz Sakura.

- E o motivo para Naruto lutar era mais simples, Naruto queria que eu, seu melhor amigo, o reconhecesse, ele queria me mostrar seu poder, para que eu também o achasse forte assim como ele me achava, por isso lutou, por isso brigávamos tanto, e até hoje temos um pouco de rivalidade – fala Sasuke sorrindo.

- Sim, mas isso acabou apartir do momento, que Sasuke deixou de ser um vingador e reconheceu Naruto, assim os motivos desapareceram – diz Kakashi.

- Entendo, então estranho seria se vocês continuassem inimigos mesmo sem motivo – fala Sakura sorrindo.

Sakura percebe que Naruto está calado e pensativo, ela sabe que o que ele esta preocupado não tinha nada haver com o assunto que estavam falando, então ela diz:

- Naruto, eu tenho certeza que Hinata está bem, nós chegaremos antes que Orochimaru possa fazer algo.

Naruto olha para Sakura e com a voz baixa responde:

- Eu vou lutar com todas minhas forças para salvar Hinata, mas se algo acontecer a ela, eu não sei o que fazer, eu já estive muito sozinho, sei o quanto dói a solidão, hoje eu tenho muitos amigos, mais do que esperava, mas se eu ficar sem ela, será a pior dor de solidão que eu terei que conviver.

Sakura então se lembra que disse uma frase parecida ao Sasuke antes dele sair da vila, pensa um pouco e diz:

- Naruto, eu sei o quanto está sofrendo, eu queria fazer algo para te confortar, assim como você fez para mim, queria te prometer trazer ela de volta, queria te acalmar, mas não posso, eu sei que você é o único que pode salvá-la, eu só posso te prometer que farei tudo que estiver ao meu alcance para te ajudar.

Com um leve sorriso Naruto diz:

- Não se preocupe Sakura, eu sei o quanto você quer me ajudar, já esta fazendo o bastante estando aqui, não só você, mas Kakashi-sensei e Sasuke também.

- Naruto, você fez mais por nós do que você possa imaginar, isso é o mínimo que poderíamos fazer para te ajudar – continua Sakura.

- Eu agradeço mesmo assim – diz Naruto.

Então continuam a correr em direção ao esconderijo de Orochimaru, Naruto começa a relembrar de momentos que viveu junto com Hinata, ele a ama, estaria disposto a dar sua vida pela dela, queria apenas vê-la novamente, seu coração não agüentava mais ficar sem ela.

- Naruto, você a ama de verdade não é? – pergunta Sakura, percebendo a tristeza no olhar de Naruto.

Naruto então respira fundo e responde calmamente:

- Eu sinto que eu preciso dela para viver, só de pensar em ficar sem ela meu coração dói como se enfiasse uma kunai, eu a amo sim, amo de verdade.

- E ela também te ama, isso da para ver só de olhar vocês, vocês dois se mudaram muito – diz Sakura.

- Como assim? – pergunta Naruto curioso.

- Vocês se mudaram sim, no caso de Hinata, você a fez ter muito mais confiança, depois que vocês iniciaram o namoro, ela começou a conversar melhor, a ter um pouco menos de vergonha, perto de você ela estava sempre descontraída, era muito mais objetiva nas palavras, todos perceberam isso – responde Sakura.

Naruto então se lembra que realmente Hinata estava conversando melhor, raramente gaguejava, fazia até algumas brincadeiras com ele, os dois estavam se acostumando um com o outro rapidamente, parecia que foram feitos um para o outro, sempre quando estavam perto conversavam bastante.

- E quanto a mim? – pergunta Naruto.

- É simples, além de querer se tornar Hokage, seu objetivo era também de trazer Sasuke de volta, e agora seu objetivo é Hinata, é fazer ela feliz, você parece mais sério, e depois que começaram a namorar você estava sempre feliz, parecia que os problemas não existiam para você.

- Isso mesmo, eu a amo – fala Naruto em tom baixo.

- Você demorou a perceber, mas antes tarde do que nunca – fala Sakura sorrindo.

- Eu demorei muito, ela sempre tentou me mostrar o quanto me amava, sempre deu sinais, houve algumas vezes que mesmo ela se declarando, assim como aconteceu quando pein atacou a vila e na guerra, antes que eu enfrentasse Madara, mas eu tive medo, eu fingi que não tinha percebido, estava sempre muito confuso, tentei me enganar, sempre que conversava com ela, eu procurava controlar os assuntos para que eu não tivesse que dar uma resposta a ela.

- Tentou se enganar? – pergunta Sakura.

- Sim, tentei me enganar quanto a Hinata, pensando que ela só gostava da minha amizade, de meu jeito de ser, tanto que mesmo depois que ela se declarou tanto para mim, ainda tive que conversar com Shikamaru para tentar abrir meus olhos, ele me deu coragem para ver a verdade que eu queria tanto esconder, mesmo ele tendo a certeza que Hinata me amava, deu um jeito para que eu mesmo enxergasse isso, hoje vejo o quanto fui idiota, deveria ter dado uma resposta a ela desde o inicio, fui um covarde com ela.

- vou dizer novamente, antes tarde do que nunca – reafirma Sakura e continua – eu tenho certeza que ela nem da mais importância para isso, para ela só importa que agora vocês então juntos.

- Isso serviu para você também não é Sasuke? – brinca Kakashi.

Depois de algum tempo Naruto começa a sentir o chakra de Hinata mais forte, porém ainda estava longe, então olha para trás e diz em voz alta:

- O chakra de Hinata está mais perto e já está mais fácil para que eu perceba onde ela se encontra, mas ainda está muito longe e nós estamos indo muito devagar, não chegaremos a tempo nesse ritmo.

- Devagar? Nós estamos em uma velocidade consideravelmente rápida, não conseguimos correr mais que isso – responde Sasuke.

- Naruto, eu sei que esse modo eremita te deixa mais poderoso em todos sentidos, mas nós não conseguimos mais que isso – fala Kakashi.

- Eu vou na frente, estou com um pressentimento ruim, Hinata está em perigo, se vocês seguirem nessa direção, nessa velocidade que estão, irão chegar ao esconderijo em uma hora, nos encontramos lá.

- Tudo bem Naruto, eu entendo o que esta sentindo, nós alcançaremos você, por favor tenha cuidado – fala Sakura.

Naruto faz um sinal de positivo com a cabeça e acelera, sua velocidade é assustadora, todos se surpreendem quando em alguns instantes não conseguem mais vê-lo.

Depois de algum tempo Naruto sente um chakra fortíssimo, era conhecido, começa a procurar de onde vem a energia e logo em sua frente aparece de uma vez Uchiha Madara.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "O Verdadeiro Amor sempre Sobrevive" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.