Sem Você

Esta história é imprópria para menores de 18 anos. Para acessar histórias com esta classificação, é preciso alterar suas preferências em controleparental.fanfiction.com.br. Separamos outras histórias que podem te interessar, veja a lista abaixo ♥


Confira também estas histórias


Destinos - one-shot escrita por JessykC

Destinos - one-shot
Destinos - one-shot

Do you belive in destiny?

Edward perdeu sua família em um acidente aéreo, e decidiu se jogar do alto do edifício em que vivia...
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Romance

8 favoritaram   29 acompanhando  

 

Fones de Ouvido escrita por Lola Royal

Fones de Ouvido
Ela só dividiria seus fones de ouvido com ele.
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Comédia, Romance, Universo Alternativo, Amizade

24 favoritaram   54 acompanhando  

 


Em meio ao Caos escrita por Val Rodrigues

Em meio ao Caos
_ Não. Foi sua resposta imediata. E ele suspirou frustrado, passando a mão na nuca.
— Por favor, me escuta. Só desta vez, não seja tão teimosa.
­ _ Você não tem mais este tipo de direito sobre mim Edward. Não pode decidir o que eu devo fazer, muito menos entrar aqui do nada e dizer que preciso ir embora. Ela esbravejou.
— Isabella, sera que você pode, por um momento esquecer este assunto e me ouvir?
— Por que eu faria isso? Devolveu altiva.
— Arg. Você é teimosa e irritante... Irritou-se.
— Não esqueça que sou uma mulher descontrolada e perigosa tambem... Ela falou com magoa na voz, resquicio do ultimo encontro que tiveram e da briga que se desenrolou.
— Eu não vim aqui para discutir. Ele tentou persuadi-la. _ Você precisa me ouvir. Não faça isso por mim, faça por você mesma, pelo seu proprio bem e dos nossos filhos.
— Falando assim até parece que se importa. Alfinetou sem conseguir evitar. _ Eu estou ocupada, então se me der licença. Pediu indo ate a porta, indicando a saida.
— Eu me importo. Edward se impôs a encarando, sentindo o coração descompassar com a risada sarcastica que saiu dos labios dela.
— É mesmo? Com os olhos cerrados, Isabella o analisou. _ Onde estava toda esta preocupação nos ultimos anos? Perguntou com a voz, os olhos duros e magoados.
— Eu sei que não fiz o suficiente...
— Ia precisar de muito para ser o suficiente, então... Deu de ombros. _ Eu estou exausta e ainda preciso fazer o jantar, então, se não vai subir para passar um pouco de tempo com os seus filhos, vá embora. Pediu mais uma vez, parada a porta.
Com um avalanche de emoções dentro de si, Edward a analisou por um momento. A expressão cansada, os olhos levemente avermelhados, deixando claro a necessidade de descansar.
— Eu sei que falhei com vocês. Começou com a voz baixa e ela o olhou. _ Sei que esta brava comigo e tudo bem, eu entendo. Mas, não temos tempo para isso agora. Você precisa pegar as crianças e ir. Algo muito serio esta acontecendo e quanto mais tempo vocês ficarem, mais correrão perigo.
— Mas do que é que você esta falando Edward? Empertigou-se.
— Ainda não é oficial, mas o virus que atacou a China, chegou ao nosso País. Tivemos dois casos de morte em pessoas que acabaram de voltar. De alguma maneira chegou aqui.
— Isso não é possivel. Eu estou acompanhando as noticias e não saiu nada.
— Vai sair. Eles precisam ter certeza antes de jogar uma bomba dessas na população. Mas quando sair, será um Caos e em algum momento, eles vão proibir as viagens. Por isso, você precisa pegar as crianças e ir. Lá é um pouco mais afastado, as pessoas não costumam viajar, então vai ser o melhor lugar para ficarem, um lugar calmo, pacato, quase sem entrada e saida das pessoas. É o lugar ideal para se protegeram e ficarem fora da zona de risco.
— Você esta falando serio não é? Falou chocada.
— Sim.
— Esta me assustando Edward. Ela disse e ele o olhou.
— Não precisa ficar assustada. Lá vocês estarão seguros.
— Quanto tempo você acha que vamos precisar ficar lá?
Ele suspirou, em parte aliviado, por perceber que ela começava a ponderar, em parte frustrado, por que não tinha resposta.
— Eu não sei.
Pensativa, passou as mãos nos olhos e nas têmporas onde uma leve dor de cabeça, começava a surgir.
— Isto é mesmo necessario?
— Só desta vez, confie em mim. Ela desviou o olhar, confiança era algo que estava quebrada entre eles.
— E quanto a você? Se é mesmo tão perigoso assim, ainda mais no Hospital, você ficara exposto.
— Não se preocupe comigo. Vou me cuidar. Apenas faça isso, vá e fique lá com as crianças por um tempo.
— Tem certeza de que não esta exagerando?
— Eu gostaria de estar Isabella, mas infelizmente não estou. Em pouco tempo, nossa cidade pode se transformar em Caos.
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Drama, Romance

1 favoritou   31 acompanhando  

 

Devaneios escrita por Thalia Masen

Devaneios
Poucas horas antes de seu esperado casamento, Edward se perde em devaneios.
Lembranças de seus pais e de sua vida humana invadem sua mente.
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Drama

9 favoritaram   26 acompanhando  

 

Beije-me escrita por Sarah Virtanen

Beije-me
O tal do amor vem numa hora em que você não podia esperar...

Edward estava ficando sozinho...

Isabella estava descobrindo o que era viver...
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Romance, Universo Alternativo

1 favoritou   29 acompanhando  

 


The adoption escrita por Angel Carol Platt Cullen

The adoption
Esme e Carlisle estão morando no Brasil em uma pequena cidade da região sul onde os dias não são frequentemente ensolarados, mas fica perto do Parque Nacional do Iguaçu onde podem caçar eventualmente nas imediações. Os dois resolveram adotar mais um filho. Na verdade, Esme quer uma menina.
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Fantasia, Universo Alternativo, Amizade

4 favoritaram   11 acompanhando  

 

O amor não tem fronteiras escrita por Izabel Nascimento

O amor não tem fronteiras
Edward Cullen e Bonnie Bennett, duas pessoas totalmente diferentes, mas que vão se apaixonar e enfrentar perigos, juntos eles vão descobrir que o amor não tem fronteiras...
Categorias: Saga Crepúsculo, The Vampire Diaries
Gêneros: Romance

2 recomendações   7 favoritaram   30 acompanhando  

 

Quando eu te vi escrita por Gloss, Gloss

Quando eu te vi
O mundo está sempre conspirando novas tramas...

Com isso surgem novas histórias, amores, tragédias.

Seria possível duas pessoas que se encontraram apenas uma vez, sentirem uma forte ligação uma pela outro? Existem mesmo pessoas predestinadas a se encontrarem? Existem almas gêmeas?

Ou será que será apenas um grande e inesquecível amor?
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Romance

4 favoritaram   17 acompanhando  

 

For you escrita por Lamartine

For you
Jane Volturi sempre carregou um amor por seu mestre Aro, um amor o qual ela se recusa a guardar em si por mais tempo, determinada a esclarecer tudo ela revela seus sentimentos. O que o rei Volturi irá fazer? Será que o sentimento é recíproco? E caso seja, eles superarão as consequências?
"Às vezes, tudo o que precisamos é dar uma segunda olhada"
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Drama, Romance, Suspense

1 recomendação   4 favoritaram   4 acompanhando  

 

Stairs escrita por nathaliacam

Oneshot. O significado da palavra casualidade. Experiências recheadas de romantismo. Dizer sim. Loucuras.
Categorias: Saga Crepúsculo
Gêneros: Romance

2 favoritaram   11 acompanhando