[ Comentários ]

Procura-se Um Amor no Meio da Multidão escrita por ShikaTaty


Capítulo 6
Ino Vs Família Sabaku





Gaara: Porque você esta na sala da Hokage se antes do blackout você estava no salão?

Ino: É que eu vi que salão estava sendo evacuado e resolvi procurar pelos lugares mais óbvios onde um Kazekage poderia estar.

 

Gaara: Justamente. Óbvio demais. Você acha que eu iria me esconder em um lugar tão obvio?

Tsunade: Gaara. O importante que ela estava aqui. Ino é de um clã muito importante da vila, então não tem porque mais interrogatórios.

 

Gaara: Desculpe as minhas perguntas senhora Tsunade.

Kankurou: Eu concordo com a godaime. A Ino só veio pra cá pois estava confusa. E agora vamos pra casa da Temari. Ino posso te levar para casa?

Ino: Claro.

 

       Gaara, Kankurou e Ino estavam nas ruas do festival a caminho de casa. Ino e Kankurou conversavam animadamente, já Gaara observava a Yamanaka atentamente. Para ele a desculpa dada não havia sido tão convincente. Como uma kunoichi não sabe sair do prédio do Hokage de sua própria vila? Porque ela foi procurar Kankurou na sala da godaime? Porque ela parecia tão assustada com suas perguntas?

 

Ino: Bom. Obrigada pela companhia e pelo jantar. Apesar de tudo.

Kankurou: Não precisa agradecer. A noite foi terrível. Mas se você quiser, amanhã nos podemos marcar e sair de novo pra compensar... isso se você quiser...

 

Ino: CLARO!!!

Kankurou: Amanhã eu passo aqui e marco melhor com você.

 

Ino: Hi! Boa noite Kankurou. E boa noite pra você também Senhor Kazekage.

Gaara: Boa Noite. E é melhor você amarrar o seu obi direito, pois se seus pais verem ele frouxo assim, podem pensar que meu irmão fez alguma coisa com você. E isso seria um engano, pois vocês nem ficaram juntos a noite.

 

Ino: (cara de pimentão) Ririri... gome. Ele deve ter afrouxado sozinho.

Kankurou: Gaara!!! Isso é coisa que se fale para uma mulher!!!

Gaara: Gomem. Agora vamos.

 

 

No caminho...

 

         Isso é coisa que se fale pra uma garota! Quantas vezes eu vi a Matsuri sair do seu escritório com o uniforme todo torto e nunca abri a boca!

         Justo. Matsuri é minha noiva. É normal ela sair da minha sala meio “torta”, afinal estamos de casamento marcado. Agora o que não é normal é a senhorita Yamanaka ficar em um prédio sozinha na hora de um blackout, e quando sai dele sai toda “torta”.

 

         Gaara você esta insinuando que ela estava se atracando com alguem lá?

         Isso eu não posso afirmar. Não tinha chakra humano por perto. Só acho melhor você não criar laços com essa kunoichi.

         Porque esta falando isso Gaara?

         Esqueça Kankurou. Faça como quiser.

         Eu também acho.

 

       No clã Yamanaka...

 

Ino Pov´s: Kazekage maldito! Quase que ele descobre tudo. Espero que ele não fique colocando minhocas na cabeça do Kankurou.

Peraí. Porque eu me importo com o que o Kankurou vai pensar se a noite com o Kiba foi divina?

...[pensando]...

Porque ele é um partidão???

Certa a resposta. O Kiba é só uma coisa de pele. Ele jamais seria um cara pra apresentar pra família. Ele é boca suja, é briguento, ele se acha o esperto... ele é tão gostoso...

INO! Pára de fogo!

...Tô confusa...acho melhor dormir pra tentar colocar a cabeça no lugar... ah... esse cheiro...Kiba...

 

       No Clã Nara...

 

         Não vai dormir?

         Estou sem sono e você?

         Estava esperando vocês chegarem. Fui no quarto e só vi o Kankurou e com um perfume que eu não gosto muito, entranhado na roupa dele, daí resolvi descer e saber se o motivo da sua insônia é esse perfume.

 

         Não tenho nada contra ela. Só não acredito em tudo que ela me falou. Já o Kankurou é mais maleável com essas coisas.

         O que aconteceu Gaara?

 

         Houve um blackout na torre da Hokage durante o jantar e o prédio foi evacuado. Só que a senhorita Yamanaka foi a unica a não sair do prédio e foi encontrada duas horas depois dentro da sala da senhora Tsunade meio “descomposta”.

         Como assim descomposta? Seja mais claro Gaara.

 

         Argh Temari! Não gosto de falar de mulheres. Ainda mais pra você.

         Abre a boca e vomita logo!

         Você é casada sabe com é; Obi frouxo, cabelo despenteado, transpirando além do normal... entendeu agora?

 

         E ela foi encontrada com alguem?

         Não. Nem eu senti chakra humano por lá.

         Como assim chakra humano Gaara? Sentiu algum chakra animal?

 

         Senti. Mas deveria ser algum cão farejador da ANBU que estava no local.

         Cão? ... Deve ser sim...

         Mas porque esta se preocupando com um simples affair entre a porca e o Kankurou?

 

         Porque Kankurou depois que você casou e eu fiquei noivo, colocou na cabeça que precisa arrumar uma noiva o mais rápido possível pra ele não ficar sozinho. E eu tenho medo que seja essa garota a escolhida.

         Você também não gosta dela né?

 

         Só acho ela instável. Ela “amava” o Sasuke, depois estragou a sua festa de casamento com ciumes do Shikamaru. Pra mim ela não seria uma boa esposa para o irmão do Kazekage, general do exército de Suna e claro; meu irmão mais velho.

         Eu não preciso nem explicar os motivos de não gostar dela. Aliás, não é que eu não goste, só tenho pena. Ela não sabe o que significa a palavra amor. Agora vamos esperar o que o Kankurou vai decidir desse “relacionamento” pra ver se poderemos interferir.

 

         Ok. Vamos dormir nee-chan.

         Hai.

 

No dia seguinte...

 

No clã Inuzuka...

 

         Você tem andado meio estranho nesses últimos dias.

         Eu? De onde você tirou isso?

 

         Você tem saído e na volta o Akamaru volta primeiro, e só depois você chega. Vocês nunca foram disso. Além do que esta com a pele mais brilhosa e mais cansado... talvez isso seja uma garota...

         Hanna! Cuide da sua vida!

 

         Xiii... ficou nervoso é porque existe!

         Você quer parar! Pronto me irritou! Tô saindo nem sei que horas volto!

 

         Credo Kiba. Eu não estou querendo implicar com você não meu irmão. Só quero que reflita que dessa vez você nem deu bola para a decepção que você teve com a Hinata no inicio da semana.

 

         Não estou ligando mais pra isso. Hinata é só uma amiga. Prefiro pensar nela assim pra não ficar com raiva dela.

         É uma boa forma pra se esquecer. Dói menos.

 

         Hanna, posso te fazer uma pergunta?

         Sim.

 

         Qual é a diferença entre; atração, amor e paixão?

         Nossa Kiba... isso é meio complexo. Mas vou tentar explicar.

 

Atração, é uma coisa apenas carnal. É quando sentimos algo apenas quando estamos com aquela pessoa, mas quando ela se vai, você não sente nada. É momentaneo. Você gosta somente dos atributos físicos da pessoa. Entendeu?

 

         Acho que sim. Continua.

 

         Paixão é uma coisa muito semelhante ao amor, mas que também vem bem unida a atração. Paixão é um sentimento bem mais intenso. Ele nos faz fazer coisas sem pensar, atos irracionais, e até infantis, só para estar perto ou agradar quem gostamos. Mas não chega a ser amor, pois uma hora ele vai diminuir a intensidade e some. É como uma fogueira; uma hora ela apaga.

 

         Já o amor é uma forma de sentimento simples, mas que nos alimenta. Faz com que as adversidades ou até a distância não sejam um problema. Faz com que nosso pensamento e nosso coração fiquem ligados na pessoa amada constantemente. Faz que a atração se torne uma coisa complementar e não essencial no relacionamento. E faz com que a paixão jamais se apague.

         Deu pra entender Kiba?

 

         Claro nee-chan. Então o que eu sentia pela Hinata era paixão. O que a Hinata sente pelo Naruto é amor. E o que o baka sente pela Sakura é amor. Mas e o que eu sinto pe...

         Por quem???

 

         Por ninguém Hanna. Obrigada pela dica. Viu. Agora eu sei que a minha fogueira pela Hinata apagou.

         Que bom pra você.

 

No clã Nara...

 

Temari: Você vai o que?

Kankurou: É isso que você ouviu. Agora deu pra ficar surda.

 

Gaara: Você não acha melhor conhecer ela uma pouco mais.

Kankurou: Vocês estão me tratando como uma criança! Será que eu não posso escolher a minha namorada sem que vocês se metam!

 

Temari: Você pode escolher que quiser Kankurou. Menos ela! O que você quer? Me matar de desgosto!

Gaara: Kankurou, ela não é uma garota qualquer. Temari tem motivos para não gostar dela. Além do que ela é volúvel. Já pensou; você pede ela em noivado hoje e amanhã volta pra Suna, quando voltar daqui a um mês, ela esta jurando amor eterno pra outro.

 

Kankurou: Vocês estão dizendo isso só por ela ter ficado atrás do Sasuke durante todos aqueles anos? Ela era muito nova e imatura.

Temari: Só que no dia do meu casamento ela não era nova e imatura. Ou você esqueceu o que ela fez!

 

Kankurou: Tá! Ela pode ser louca! Eu admito! Mas e eu? Pensem em mim! Os anos estão passando e vocês já acertaram a vida de vocês e eu não. Eu não quero ficar sozinho. Será que eu não mereço uma garota bonita pra passar os dias comigo?

Gaara: gomem... faça como quiser...

 

Temari: Gaara!!! Kankurou nos quer...

Gaara: Temari. Kankurou acha que o melhor pra ele é isso. Então não vamos impedir.

 

Kankurou: Então eu posso chamar ela para o festival conosco?

Gaara: Sim.

 

Kankurou: Fui!

Temari: O que você esta planejando?

Gaara: Nada. Mas algo me diz que esse festival vai trazer algumas surpresas. Não se desespere nee-chan.

Temari: Falar é fácil...

 

 

Enquanto isso, Kiba estava em seu quarto tentando classificar o sentimento dele por Ino.

Atração? Paixão? Ou amor?

Realmente ele sentia uma atração monstruosa pela kunoichi. Podia ser classificada até como atração animal, mas não era só isso.

Ele tinha sentimentos irracionais por Ino. Causar um blackout no predio da Hokage é uma atitude irracional. Mas ainda era muito cedo para dizer se a chama podia se apagar... foi quando...

 

Hanna: Kiba! Chegou uma mensagem  pra você!

Kiba: Cadê? Onde esta?

...lendo...

Kiba: É uma mensagem da Godaime. Tenho uma missão.

Hanna: Então se arrume e vá logo. Aqui diz que é rank B.

Kiba: Mas antes de partir vou fazer algo.

 

No festival...

 

Ino: Obrigada pelo convite Kankurou. Foi muito gentil da sua parte me chamar para vir ao festival com a sua família.

Kankurou: Que nada. Sinta se da família também.

 

Temari: Isso é uma afirmação única e exclusiva sua Kankurou.

Shikamaru: Temari você prometeu!

Temari: Hare Hare. não esta mais aqui quem falou.

 

Tudo corria perfeitamente bem, Kankurou e Ino cheios de conversas ao pé do ouvido, Shikamaru tentando não dormir m pé, Temari e Gaara tentando não atrapalhar o encontro do irmão do meio, até que um cão ninja começou a segui los, e isso chamou a atenção de Ino.

 

Ino: Ops! Preciso ir ao banheiro! Vocês podem ir andando na frente que eu os encontro.

Kankurou: Mas Ino tem muita gente nas ruas. Se andarmos vamos nos perder. Vamos te esperar aqui.

Ino: Esta bem. Mas esperem aqui.

 

Kankurou não deu muita importância e ficou conversando com Gaara enquanto esperavam a Yamanaka.

 

Shikamaru: Estranho. O Akamaru andando sozinho na rua? Onde esta o Kiba?

Temari: Hehe... querido, acho que eu vou ao banheiro também... pode me esperar?

Shikamaru: Claro. Só não mate a Ino no caminho. Seu irmão enfartaria.

Temari: Pode deixar.

 

Temari foi em direção do banheiro e não viu nenhum sinal da florista, então lhe veio um flash de memória;

 

Flash Back Temari On

 

     “E ela foi encontrada com alguem?

         Não. Nem eu senti chakra humano por lá.

         Como assim chakra humano Gaara? Sentiu algum chakra animal?

 

         Senti. Mas deveria ser algum cão farejador da ANBU que estava no local.

Cão? ... Deve ser sim...”

{...}

 

“Estranho. O Akamaru andando sozinho na rua? Onde esta o Kiba?”

 

Flash Back Temari Off

 

Temari: Se for isso que eu estou pensando, Yamanaka Ino nunca mais coloca um dedo no meu irmão!

 

Em uma viela afastada do festival...

 

Kiba: Porque você esta andando pra cima e pra baixo com ele!!!

Ino: Por acaso eu lhe devo satisfações da minha vida?

 

Kiba: Você prometeu que iriamos conversar!

Ino: Nos vamos. Mas hoje não! Hoje eu recebi um convite pra vir ao festival com o Kankurou e não quero ficar batendo boca com você! Se quisesse sair comigo pra conversar hoje teria me procurado. Coisa que você não fez!

 

Kiba: ÁH!!! Então é isso!!! Só porque eu não pude aparecer durante o dia você resolve correr para os braços do primeiro que aparecer na sua frente!

Ino: Kiba! Não me ofenda! Quem queria conversar era você! Então eu esperei você aparecer durante todo o dia e você nem deu as caras.

 

Kiba: (vergonha) Você esperou?

Ino: (vergonha) Eu ...Eu...

 

Kiba: Desculpa. Eu não apareci pois tive que ir para o escritório da Hokage.

Ino: Ela descobriu?

 

Kiba: Não. Ela me mandou para uma missão e eu fiquei durante todo o dia tentando montar uma equipe.

Ino: Você vai para uma missão? Mas estamos em festa na vila!

 

Kiba: Você sabe que shinobis não tem escolhas.

Ino: (cabisbaixa) Qual é o ranking?

Kiba: B.

 

Ino: E você parte quando?

Kiba: Agora. Já estou atrasado. Só passei aqui antes pois queria perguntar uma coisa pra você.

 

Ino: O que.

Kiba: O que você sente por mim Ino?

 

Ino: (Olhando Kiba assustada) Eu... Eu...

Kiba: Hoje eu perguntei a minha irmã sobre a diferença de atração, paixão e amor. Pois eu sou meio burro pra essas coisas. Mas acho que você deve saber melhor do que eu...

 

Ino: Kiba. Eu ... não sei o que sinto.

Kiba: O que você sente pelo Kankurou? É igual?

 

Ino: Kankurou é uma ótima pessoa, simpática, gentil, me trata bem... mas...

Kiba: Então é um sentimento melhor...(cabisbaixo)

 

Ino: Eu não sei! São sentimentos diferentes!

Kiba: E o que você vai fazer?

Ino: Eu não sei!!!

 

Kiba: Então pense...quando eu voltar talvez você saiba a resposta.

Ino: Por favor Kiba! Fica! Quem sabe assim você me ajuda...

 

Kiba: Não. Você tem que descobrir sozinha.

Ino: Kiba! Posso te pedir uma coisa?

Kiba: (cabisbaixo) Fala.

 

Ino: Me dá um beijo de despedida?

Kiba: Porque?

Ino: Porque eu ... eu... eu ... quero!

 

Kiba abraça Ino com calma e lhe dá um beijo suave, como se fosse um balsamo para a tensão ali exposta. Logo depois sobe pelos telhados e desaparece. Ino respira para assim recompor a sua respiração e  seu nervosismo diante dos questionamentos ali lançados quando...

 

         Essa cena foi realmente linda. Pena que meu irmão não estava aqui pra ver isso.

         Você...

         Temos que conversar.

 

 

Fim do capítulo 06

 

 

 

 



Notas finais do capítulo

Esperando por Reviews...
Se eu mereço...
Por favor... Façam a alegria dessa pessoinha!!!



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Procura-se Um Amor no Meio da Multidão" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.