[ Comentários ]

Mais Além Da Lua De Mel, Amor E Desejo Sem Fim escrita por Daiandra Castro


Capítulo 2
Paulina, a teimosa.


Notas iniciais do capítulo

Bom, espero que gostem da continuação! beijos!




Naquela manhã, fazia exato um mês que Paulina e Carlos Daniel haviam chegado da sua tão bela Lua de Mel, que havia sido carregada de Amor e Desejo Sem Fim.

No quarto do casal apaixonado o amanhecer do dia parecia não ter chegado. O sol invadia as janelas do quarto. Os pássaros cantavam de uma maneira bela, fazendo uma incrível melodia. As Roupas de Paulina e Carlos Daniel estavam completamente perdidas no chão amadeirado daquele quarto imenso. Na noite anterior, o casal havia ido a um jantar na casa de um dos empresários que agora negociava com a fábrica Bracho, e ao chegarem em casa, um simples beijo de boa noite, tornou-se uma noite incrível de paixão e prazer. Já passava-se das 8:00hrs, e o casal continuava em seu ninho de amor, como se para eles o mundo tivesse parado. Carlos Daniel foi o primeiro a acordar, parecia que a noite tinha voado e realmente foi rápida. Ao Despertar, Encontrou as costas de paulina colada ao seu peito. Paulina estava de costas para ele, sua cabeça recostava em seu braço musculoso, e alguns fios de cabelos cobriam sua face. Tanto ela quanto ele, estavam nus um nos braços do outro. Carlos Daniel suavemente começou a acariciar as costas de Paulina, utilizando apenas as pontas dos dedos. Levemente começou a beijar aquela pele de cor clara, fazendo o corpo dela arrepiar-se e assim despertando-a. Paulina ao sentir os lábios quentes do amado, rapidamente despertou, e quase como um sussurro, trocou as primeiras Palavras daquela manhã.

–Assim vou ficar ainda mais mal acostumada meu amor.

–Esta é minha intenção, fazer você eternamente mimada por mim! Bom dia minha vida...

Paulina virou-se de frente para Carlos Daniel, tocando seu corpo com o dele.

–Bom dia meu amor. -Paulina levemente o beijou os lábios.

Ao notar como o dia já estava claro e a intensidade que os pássaros cantavam, Paulina percebeu que já era tarde.

–Carlos Daniel que horas são? –Perguntou el rapidamente sentando-se a cama.

Carlos Daniel pega seu relógio de pulso que estava ao lado da cama.

–São 9:15hrs meu amor.

–O que!? –Paulina diz abrindo os olhos apavorada – 09:15??

–O que tem isso meu amor?

–Carlos Daniel temos que ir para a fábrica!

–Amor, eu avisei Rodrigo que hoje chegaríamos mais tarde.

–Você disse que chegaríamos “Mais tarde” mas não no horário do Almoço!

Carlos Daniel ri da maneira como Paulina expressou-se.

–Irei tomar meu banho, temos que ir logo.

Paulina levanta rapidamente da cama enrolada a um lençol vermelho. Ao aproximar-se da porta do banheiro, Paulina coloca a mão na cabeça e apoia-se na penteadeira.

–Esta tudo bem meu amor? –Pergunta Carlos Daniel preocupado.

Paulina não conseguiu responder. Tudo a sua frente escureceu, seu corpo parecia não ter sustentação. Carlos Daniel ao não obter resposta, rapidamente levantou-se e foi em direção da esposa. Ao Aproximar-se, abraçou a amada.

–Amor meu, está tudo bem?

Paulina não conseguiu responder com Palavras, ao tentar responder com um balançar de cabeça, ela acabou rendida nos braços de Carlos Daniel.

–Paulina meu amor...

Ela permanecia acordada, porem não tinha controle nenhum sobre seus movimentos.

–Meu amor! –Carlos Daniel desesperou-se ao ver a amada tão Pálida em seus braços.

Ele rapidamente pegou Paulina nos braços envolta naquele lençol e a levou para a cama. Enrolando uma toalha na cintura, foi até o corredor e gritou por Lalinha. Como em um flash, Lalinha ao escutar os gritos do patrão, voou para o andar de cima, chegando rápido ao quarto. Carlos Daniel com presa., pediu a ela que ligasse para o doutor Varella e que trouxesse ao quarto um copo com agua. Lalinha ficou paralisada com a expressão do “Senhor Carlos.”

–Vai Lalinha! A Paulina esta passando mal!! –Disse ele gritando em meio ao desespero.

–Ai Senhor, estou indo! –Lalinha desceu as escadas correndo.

Vovó Piedade que estava saindo de seu quarto, escutou os gritos de Carlos Daniel e rapidamente foi ao quarto.

–O que esta acontecendo meu neto? –perguntou vovó Piedade ao ver o quão clara estava a pele de Paulina.

–Não sei vovó, ela levantou para ir ao banheiro e de repente ficou tonta e pálida desta maneira. –Explicava Carlos Daniel a vovó piedade tocando as mãos da amada.

–Você já ligou para o Doutor Varella Carlos Daniel?

–Pedi a Lalinha que ligasse a ele. Estou preocupado vovó. –Disse Carlos Daniel enchendo os olhos de lágrimas.

–Calma meu filho ele deve estar a caminho.

Lalinha entra no quaro quase sem fôlego com o Copo d’agua que Carlos Daniel havia pedido.

–Esta aqui seu Carlos. –Lalinha entrega o copo a ele.

–Bebe um pouco de agua meu amor, vai te fazer bem. –Carlos Daniel entregava o copo a Paulina ajudando-a a leva-lo a boca.

Paulina toma um pequeno gole de agua, e tentando recuperar as forças, fala algumas palavras:

–Eu estou bem, não precisa chamar o doutor, já esta passando.

–Nem pensar! Você esta sem cor alguma na face! –Diz Carlos Daniel mostrando firmeza.

–Minha filha, você anda alimentando-se bem? –Pergunta vovó Piedade mesmo imaginado o motivo da tontura de Paulina.

–Sim vovó, esta tudo bem. Acho que foi aquelas duas taças de Champanhe que bebi ontem a noite, tenho o corpo fraco para o álcool. –Disse Paulina com a voz baixa.

–Eu acho que não foi isso não. –Disse vovó piedade quase em um sussurro.

–O que disse vovó? –Perguntou Paulina ao não escutar o que Dona Piedade havia falado.

–Nada minha filha, pensei em voz alta. –Vovó sorri para Paulina. –Eu irei até a sala esperar o doutor e assim que ele chegar, peço que suba.

–Obrigado vovó. –Disse Carlos Daniel atencioso.

Carlos Daniel já estava mais aflito e nervoso. O doutor Varella demorava a chegar.

–E o Doutor que não chega!

–Meu amor já estou bem, irei tomar meu banho!

Paulina como sempre teimosa, levanta-se rapidamente e tenta ir em direção ao banheiro. Paulina caminhou exatos três passos, e em piscar de olhos, tudo escureceu e ela caiu ao chão, ficando inconsciente.



Notas finais do capítulo

Bom, espero que vcs tenham gostado!
aki, será postado provavelmente um cap por semana, espero q compreendam. Qd der posto mais seguido.
Comentem, favoritem, recomendem! Façam os "paranauê" tudo ai rsrsrr
bjjjs da Dai♥