[ Comentários ]

Imagine Leonetta Casados escrita por Cami Saramego Lynch


Capítulo 26
Vigésimo sexto capítulo





Violetta tentava se consolar. Tudo havia acontecido muito rápido. Naquele exato momento estava parada olhando a ambulância que carregava Leon ir embora. Ela ligou para Angie e contou tudo o que havia acontecido, e então pediu se ela podia ficar com Letícia enquanto ela ia atrás de Leon ajuda-lo, e resolver o assunto com seu pai. Angie disse que sim.

Violetta colocou Letícia no carro e dirigiu-se a té a casa de Angie. Deixou Letícia lá e foi correndo para o hospital.

Chegou lá falou com e secretária e ela disse que Leon estava muito mal, havia desmaiado na ambulância e não havia acordado desde então, mas disse também que Violetta poderia vê-lo.

Ela entrou no quarto e viu Leon deitado na cama, cheio de aparelhos e um tubo que passava por seu nariz. Ela colocou as mãos sobre seu peito, ajoelhou-se do lado da cama, apoiou a cabeça também sobre seu peito e começou a chorar, chorava muito sentidamente, forte e alto. Ela ficou lá por cerca de uma hora, quando a secretária disse que o paciente precisava descansar.

– Ele vai ficar bem? - Violetta indagou muito preocupada

– Acredita-se que sim - a secretária respondeu - Porém ainda não temos certeza de nada.

– Obrigada por suas informações - Violetta disse cabisbaixa enquanto saia do hospital.

Violetta sentou-se no banco do motorista, apoiou a cabeça sobre o volante e começou a chorar. Ver Leon desmaiado daquele jeito deixou ela completamente arrasada. Ela então levantou a cabeça e foi chorando até a casa de German. Tinha que "acertar umas contas" com seu pai.

– Pai!! - ela chegou berrando a plenos pulmões - Eu não acredito você me prometeu! Me prometeu e não cumpriu!!

German que estava sentado na mesa conversando com Ramalho, não queria que Violetta ficasse sabendo que fora ele.

– Está louca Violetta? - ele berrou de volta - Como você pode me acusar de uma coisa dessas?!?!

– Porque eu ouvi você falando que ia se vingar!! - ela berrou mais alto começando a chorar - Você prometeu que não faria nada, e olha só aonde chegou!! Que você esteja muito feliz!!

– Muito feliz pelo que?? - German disse tentando acalmar a situação

– Que você esteja muito feliz por você ter conseguido mandar o Leon para o hospital, saiba que ele está quese morrendo agora - Violetta disse chorando mais forte - Eu nunca mais confio em você.

A última frase ela disse calmamente, mas German sentiu-a como se ela tivesse sido gritada bem dentro de seu ouvido. Violetta bateu a porta e voltou para o hospital para ver Leon.

Ela chegou, estacionou o carro, e, ainda chorando, entrou no quarto em que Leon estava internado. Um médico estava lá dentro medindo a pressão de Leon.

– Me desculpe incomodar - Violetta disse vendo que o médico a fuzilava com o olhar - Se vou atrapalhar eu volto mais...

O médico a cortou e começou a falar:

– Você é a senhorita Castillo, não é? - ele disse abrindo um sorriso - Sei que você está preocupada com seu marido Leon, mas não precisa ficar assim. Acabei de realizar um exame nele, e ela irá acordar em breve.

Violetta colocou as mãos sobre a boca, estava pronta para gritar um forte "Eeeeeeeee!!!". O médico então completou sua frase:

– Mas não se anime tanto assim, não temos previsões de quando será, poderá ser daqui a algumas horas, dias, meses ou anos.

O sorriso de Violetta murchou.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Imagine Leonetta Casados" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.