[ Comentários ]

O Namorado De Diana Prince escrita por Florrebeldee


Capítulo 16
I DO.


Notas iniciais do capítulo

Como passaram de ano novo seus lindos? Esse capítulo é um presente de aniversário ok? Mesmo que o aniversário seja meu e eu esteja presenteando vocês :p Depois vocês vão entender por que :D




Os lábios de Bruce faziam loucuras na pele de Diana, deixavam seu corpo em estado de êxtase, se ascendendo em paixão, eles não podiam se consumir ali, no quarto de Bruce enquanto o mundo de ambos se desmoronavam, mas ela não conseguia fazê-lo parar, a vida era maravilhosa quando ambos estavam juntos. O amor! Há o amor que ela sentia por ele, transbordava seu coração, sua mente, seu mundo. Bruce era seu chão, seu céu, seu tudo.

Bruce a beijava agora e ambos estavam deitados em sua enorme cama na torre da liga, no qual Bruce jamais se deitara nos últimos 3 anos. Ele só ia para liga para trabalhar, para exercer seu papel como o cavalheiro de Gothan, o príncipe justiceiro, mas tudo isso mudou quando ele conheceu Diana Prince, sua eterna namorada e princesa! O modo como ambos se conheceram, em plena batalha, o modo como ela era e é até os dias de hoje, corajosa, humilde, única. Seu amor por ela só aumentava. Ele tinha medo, não queria se entregar, tinha 34 anos e nunca, em toda a sua vida, havia se apaixonado por ninguém, a experiência era nova, refrescante e maravilhosa. Sim, maravilhosa, esplendida e magnifica, e enquanto beijava a nuca de sua princesa e ela suspirava Bruce chorou.

– Amor, o que está acontecendo? Por que você está chorando? – Pergunta Diana encarando Bruce enquanto ambos estavam deitados na cama.

– Desculpa, é que está tudo tão perfeito, eu te amo muito! – Disse Bruce afagando o rosto perfeito de Diana com o polegar.

– Isso não é motivo pra choro! – Disse ela se deitando de frente para ele, sem se tocarem.

– Antes de te conhecer, minha vida era só escuridão. Eu vivia como uma sombra, minha existência era insignificante. Como Batman meu único propósito era proteger as pessoas, e como Bruce Wayne o meu objetivo era simplesmente ser rico e gastar o meu dinheiro como bem entender. Entenda isso Diana, você me salvou de todas as maneiras que eu precisava ser salvo. – Disse ele com o olhar obscuro.

– Bruce...

– Deixe eu terminar, se não minha coragem some. – Continua ele agora sorrindo de leve. – Eu quero que você continue do meu lado, para sempre, você está me entendendo? Sei que vamos enfrentar muitas dificuldades, temos muitos inimigos, muitas pessoas querem nos separar e como Diana Prince e Bruce Wayne ainda temos mais algumas dificuldades, mas, eu te amo. Muito, de uma forma que chega a ser até dolorosa. – Continua ele deitado ao lado de sua princesa, agora entrelaçando seus dedos compridos nos dedos macios de Diana.

- Eu sei meu amor, eu te amo muito também, eu nunca senti isso por ninguém, você sabe que foi você desde o primeiro momento. Você é meu príncipe, sempre. Fomos destinados a ficar juntos, eu sempre soube, eu enfrento tudo por você. – Disse ela em voz baixa, quase como um sussurro.

– Você vai me amar mesmo quando eu for um idiota? – Pergunta ele agora sorrindo.

– Vou te amar mesmo quando você contar uma de suas piadas idiotas. – E ela riu.

– Isso não é justo. – E ele riu também. – Se eu te pedir pra usar uma coisa estúpida e usar uma roupa estupida, você faria isso por mim? – Ele estava sério novamente.

- Uau, não sei, acho que sim, eu ficaria feia usando essa roupa estupida? – Pergunta ela num cochicho.

- De maneira nenhuma! – Responde ele. – Se possível você ficara mais linda que o normal. – E sorri. – Eu te amo, e realmente espero que você diga sim! – Diz ele pegando uma caixinha de veludo vermelha no seu bolso da calça.

Diana não está acreditando nos seus olhos, ‘’Ô meu Deus!’’

– Diana Prince/Mulher Maravilha, aceita se casar comigo, Bruce Wayne/Batman? Eu juro que te farei feliz, darei minha vida se possível pra te ver sorrindo. Eu te amo muito! – Disse ele agora atropelando as palavras em tamanho nervosismo e ao mesmo tempo que abria a caixa de veludo e um enorme anel de brilhantes se iluminada para ambos.

Diana começa a chorar sem nem ao menos perceber, seu coração de repente para em sua garganta, sua mente divaga, suas mãos tremem – Claro! – Enfim, ela consegue dizer depois de alguns momentos tentando.

– Jura? – Bruce também esta chorando, ele vagarosamente tira o anel de dentro da caixinha aveludada e coloca sem nenhuma dificuldade a peça no dedo da mão direita da princesa.

– Bruce, o anel é maravilhoso! Você é maravilhoso, eu te amo muito.

E por mais uma noite se entregaram a uma paixão sem fim, mágica, magnífica.

–---------------------------------------------------

Shayera Hol estava agora com 6 meses de gravidez, era constantemente mimada por todos e estava radiante pelo fato que dali a 3 meses teria seu pequeno fruto de amor em seus braços. Ela nunca se imaginara sendo mãe, esposa ou dona de casa, mas estava amando tudo aquilo. Ela e John ainda brigavam constantemente, mas isso fazia parte de quem ambos eram, o quarto do bebê estava magnifico, todo pintado de azul com pequenos ursos desenhos em diferentes lugares das paredes, o berço foi construído por Clark como um presente e estava muito caprichado, e ele já ia começar a trabalhar no seu próprio, pois Lois acabara de descobrir que estava grávida também. A emoção estava solta, todos estavam muito felizes, e agora a Mulher Gavião estava com os olhos brilhando pelo reflexo do enorme anel que Diana estava lhe mostrando, pela miléssima vez em duas semanas.

– Amiga estou tão feliz por vocês! – Shayera estava muito animada.

– Eu também Shay, foi lindo o modo como ele me pediu, cheio de emoção, me dizendo que me ama, ah... eu estou tão feliz, tudo isso parece um sonho. – Disse ela sorrindo.

Elas estavam sentadas na enorme sala da casa de Bruce Wayne, no colo de Diana havia um jornal e ela já o havia lido umas três vezes, notícias sobre o noivado da Princesa já estava lá. ‘’Droga, quem será que está contando coisas sobre Bruce e eu assim de primeira mão?’’

– Os paparazzi ainda não saíram da porta da mansão?

Diana negou, fazia duas semanas que os jornais e repórteres não saiam de seus pés.

– Droga amiga, por que vocês simplesmente não dão uma reportagem e essa história não acaba aqui?

– Não é tão simples, nosso casamente está marcado para daqui a três semanas, tenho muita coisa para pensar, Bruce me ajuda em tudo, mas ele ainda é Bruce Wayne, tem que se preocupar com a empresa, e as coisas ainda estão muito estranhas.

– Eu imagi...

– DIANA TRAGA SHAYERA PARA A TORRE AGORA, A CASA BRANCA FOI INVADIDA, O PRESIDENTE SUMIU E EM SEU LUGAR O CORPO DE CORINGA FOI ENCONTRADO, VOCÊS PRECISAM VIM PARA CÁ AGORA, ESTÁ ME ENTENDENDO? – Era John quem gritava em seus ouvidos pelo comunicador articular, ele estava em pânico.

– Sim, claro! – Disse ela. – O que mais você está me escondendo?

– JUNTO COM O CORPO HAVIA UM BILHETE..

– Me fale, o que dizia no bilhete? – Perguntou ela muito nervosa, enquanto Shayera segurava sua mão forte.

– ELES ESTÃO NOS CAÇANDO, SEJA ELES QUEM FOREM, WALLY E J’ONN SUMIRAM, POR FAVOR, TRAGA SHAYERA PARA A TORRE EM SEGURANÇA.

– Estamos indo, nos teletranporte – Disse ela se levantando e puxando uma pesada Shayera com ela. – Mas primeiro, Cadê o Bruce?

– Ainda está na empresa onde ele trabalha, enquanto ele estiver como Bruce Wayne, ele está em segurança.

– Teletramporte somente a Shayera, eu vou atrás de Bruce. – Disse ela se soltando da mulher alada.

– MAS DIANA – Era John que gritava novamente com ela.

– Não me interessa, rápido! – Insistiu a moça.

E foi ai que a guerra contra os super-heróis começou.

CONTINUA...





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "O Namorado De Diana Prince" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.